Diário de Viagens - Um Planeta e Muitas Histórias.


Sul do Brasil – Colônia Penal Sírio-Plêyadiana

Finalizando nossa temporada de trabalhos e passeio pelo Brasil, fomos chamados de última hora para ir realizar palestras e consultas de anemosía cuántica no sul na cidade de Criciúma. Tudo foi organizado as pressas pela pessoa que nos ciceroneou durante os dias em que no estado de Santa Catarina estivemos.

 
Eu conhecia essa região de maneira leviana, por que no passado havia vindo de viagem como turista, com amigos em época de festas de fim de ano e várias das pessoas que estudavam comigo na época da adolescência e não podiam suportar a psicosfera paulistana, de alguma maneira migraram para o Sul do país para viver em lugares como Florianópolis e ali estão até hoje.
Compreender a psicosfera do Sul de nosso país e suas riquezas 4D não foi difícil, pois logo nas primeiras horas que chegamos na cidade de Criciúma percebi o mesmo tipo de energia que encontramos em locais da Alemanha, Londres, República Checa e Slowáquia. Esses lugares mantém um alto nível de civilidade e paz urbana para esconder energias como medo, racismo, preconceito, ódio entre outras realidades de ordem telúrica depressiva.
O Povo do Sul, apesar de suas raízes brancas e arianas é herdeiro de uma visão de mundo socialista e através dos preços que se cobram pelas mesmas coisas que em locais como São Paulo e Rio valem três vezes mais, você pode confirmar a consideração que o povo sulista tem ou deve ter com as classes menos favorecidas.
Esse “socialismo” não é fruto da “bondade” das pessoas que vivem aqui, mas sim dos Karmas adquiridos pelo racismo e engano gerado pelas guerras, pelo movimento nacional socialista alemão que criou as bases do Nazismo assim como o fascismo italiano que expulsou da Itália os imigrantes que vieram para o sul do Brasil e hoje já estão na quinta geração.
Naquela época o povo alemão foi enganado por Hitler, mas isso não faz deles menos cúmplices da guerra, do extermínio e da ambição de dominar o mundo.
 
Quando esses espíritos desencarnaram logo após a 2ª guerra, compreenderam que haviam sido enganados pelo chefe de estado e pelas ideologias racistas e assim começaram a por mãos a obra e trabalhar pelo bem maior fazendo o possível para reverter os karmas adquiridos.
 
Isso possibilitou em 3D a migração das almas daqueles que formaram os povos germânicos, espanhóis, italianos e eslavos, para uma programação existencial para essa região do brasil. Com uma nova encarnação e longe do antigo campo de batalha europeu, esses espíritos criariam aqui outras formas de vida e sociedade, baseado na Tradição, Família e Propriedade e fazendo de tudo para reprimir instintos racistas e egoescleróticos, que formaram a argamassa das existências passadas, Porém já não intoxicados pela “crença” fanático-religiosa e pela esclerose exacerbada das ideologias que permitiram a Hitler dominar quase a Europa inteira.
 
 
 
Da mesma maneira em níveis cósmicos, logo após as Guerras de Órion e Lyra, a raça humana Galáctica que faz parte da Nação Sírio-Plêyadiana, onde fomos criados, educados e somos originários, se espalhou por toda galáxia devido ao medo de se transformarem em reféns e comida dos seres de Alfa Draconis que ainda até hoje aprisionam nossas almas em realidades 4D programadas e assim nos impõem programações existências que nos obrigam a encarnar e reencarnar em determinadas geografias 3D e assim servir de veículo e gerador de emoções negativas para que os Répteis se alimentem.
 
Porém para ser refém dessas figuras draconianas é preciso alimentar doses cavalares de crenças, hierárquias, medo, terror, narcisismo e delírio que permitam a eles dominar nossa consciência.
 
Os repteis trabalham com “problema-reação-solução”, logo se você acredita profundamente que necessita de um “deus” mais que de você mesmo, sua realidade se materializará dessa forma, ainda que isso seja doutrinação, medo, engano, mentiras e uma tática maravilhosa para manter você e suas emoções alimento de seres de baixa vibração.
 
 
Foi a graças a falta de conhecimento e a “crença” que aliens que se alimentam de nossa raça humana, estiveram aqui na terra no Passado e passaram por “deuses” que até hoje ainda são adorados e a verdade é que essas figuras, apesar de “Poderosas”, apesar de manter uma relação de reciprocidade e recompensa com aqueles que os “adoram”, não tem nada haver com ESPIRITUALIDADE, mas apenas se alimentam das energias daqueles que estão buscando essa realidade sem compreender do que se trata e sem capacidade de diferenciar Deus das mentiras plasmadas ao longo da linha do tempo por religiões e outros grandes enganos.
 
 
A colonização da Terra feita por Reptilianos jamais poderia acontecer se esses não tivessem feitos reféns e dividido a humanidade em uma parte terrestre e outra galáctica, rompendo assim a harmonia entre famílias inteiras que graças a essa guerra se separaram e até hoje são obrigados a manter contato por ondas de pensamento e energias sem poder realizar encontros e até os nossos dias de hoje, se negocia e se pratica diplomacia a nível federação galáctica, na intenção de se resgatar seres presos em realidades controladas pelos Dracos assim como reparar os danos criados há vários milhões de anos ou eons por essas guerras.
O processo de libertação de um planeta é bastante delicado e a realidade histórica por vezes se perde no tempo de maneira que cada parte de uma guerra, sempre tem a sua própria versão que justifica toda a barbárie praticada por ambos os lados, mas sempre “desculpando-se” pelo lado que se crê “vítima”.
 
Nossos parceiros lagartos alegam que muito antes da Humanidade ter sido posta aqui nesse planeta eles já tinham chegado, habitavam nossos subterrâneos, haviam construído cidades intra terrenas que ainda existem e começaram antes da raça humana seu processo de desenvolvimento em ramos psíquicos e instintivos, jamais se interessando pelo processo evolutivo causado pela emoção.
 
É graças ao atrofiamento, ausência de evolução e corpo etéreo em níveis emocionais, que as raças reptilianas conseguem realizar sistemas de vida e progredir através de determinadas formas que aos seres da raça humana seria impossível. Tanto a evolução de nossa raça como dos répteis se mescla ao longo da história de maneira que não sabemos direito onde começa um e onde termina outro.
 
 
Como sabemos e digo sempre aqui no blog, uma parte do córtex cerebral conhecida como “complexo R” responsável pelos nossos instintos de defesa e sobrevivência sem auxílio de pensamento, ainda rege consideravelmente os instintos da humanidade, facilitando assim em níveis mentais o controle de nossa raça feito pelos dracos, fazendo com que ambas as raças humanóides, criem formas de evolução que não nos permitam estar livre dessas características limitadoras que enganam a maioria dos seres nesses estágios evolutivos.
 
 
 
Se alguns seres humanos que sempre trabalharam para os Dracos, não tivessem se identificado com eles, se apaixonado, idolatrado e deixado incorporar por valores, crenças, energias oriundas dessa realidade, os Illuminati jamais existiriam.
 
 
 
O que encontrei na região de Criciúma foi realmente curioso desde uma perspectiva vibratória e energética mas também humana, social, religiosa e racista, como se o povo local por vezes estivesse insistindo em tentar transformar as tristezas em “sobriedade”, a pena de si mesmo em moeda de troca, o silêncio em “superioridade” e o preconceito em “diplomacia” que serve de escudo e maquiagem para as próprias megalomanias.
E minha intuição foi certeira quando percebeu se tratar aquela região de uma comunidade de Pleayadianos encarnados na terra, que há muito tempo já perderam suas origens e conhecimentos galácticos e hoje graças a esse sentimento de ausência que está no olhar de todos, se sujeitam a ter suas almas recicladas nas quartas densidades controladas pelos Lagartos. Os cidadãos daqui realmente são seres de luz de altas densidades que uma vez desconectados de suas origens galácticas, vivem baixo nuvens astrais de tristezas ancestrais para perpetuar o sistema de controle reptiliano, as custas de acumular energías que fingem não existir e praticar preconceitos e mentiras que pensam poder maquiar.
 
A medida que minha intuição alimentava “dúvidas”, a simbologia aparecia para confirmar a Verdade, tanto para o bem como para o mal, fosse nos quadros e pinturas de uma casa sendo visitada, fosse no centro de terapias que trabalha com simbolismo satanista ou ainda através das almas perdidas encontradas durante as sessões de regressões de vidas passadas e até mesmo as próprias vidas passadas das pessoas que aqui tratei.
Das dezenas de pessoas que realizaram sessões de Anemosía Cuántica, apenas uma de todas as mulheres, não formavam parte de grupos cármicos que realizavam antigos rituais de magia negra e bruxaria levado a cabo em outras realidades e que agora os mantém aqui, "cagando regra" a respeito da “espiritualidade” sem jamais ter experimentado uma autêntica liberdade, sem jamais tter ratado as próprias tristezas ou sanado as próprias moléstias de ordem cármica e vibratória.



Era bem esse o perfil das pessoas donas do centro de terapias onde estivemos trabalhando e onde se praticava um estilo de vida e felicidade “nazi” onde só havia espaço para uma “positividade” exotérica, sem profundidade, sem reflexão, sem questionamento, meramente mercantil, cafona, agonizante e morta.
Durante as sessões de regressões a realidade 4D do local ficou bastante clara e aimpossiblidade dos que ali vivem de compreender, também.

Tratamos Pessoas que tiveram suas Cabeças cortadas por dívidas de pedaços de terra nesse passado remoto de outras vidas e hoje estão aqui encarnadas gerenciando e vivendo em suas propriedades, pensando que são “terapeutas” por que fazem pelos outros aquilo que são incapazes de aplicar a si mesmo, sendo que esses que cortaram a cabeça dessa paciente, hoje são seus irmãos mais velhos, que por acaso continuam na mesma vibração de partilhas de bens, heranças, testamentos, terras.


Seres de luz incorpóreos de uma região da galáxia conhecida como Kryon deram o ar da graça durante as sessões de relaxamento gemo-guiado com ênfase na regressão de vidas passadas e envio de almas perdidas aos planos de luz.

Casais que foram formados na base do terrorismo psíquico e sequestro de almas em regiões 4D, hoje aqui estão encarnados e vivem vidas vazias infernais feitas de guerras frias mentais e uma falta de coragem magnânima de separar-se, assim como um desejo profundo desesperado de voltar para outra região da galáxia conhecida como Kaméh, que na língua desses alienígenas quer dizer “casa”.



O caso mais interessante nessas sessões Maestras de Anemosía Cuántica foi o da paciente que tem como “mãe” na vida atual uma senhora que em vidas passadas foi sua grande inimiga e invocou Belial e Astaroth (Anjos da baixa hierárquia eônica) para ser mãe dela em uma encarnação somente para torturá-la.

Confesso que além de uma surpresa foi uma honra ter esses anjos caídos do passado na sessão de anemosía e confirmar que ainda que sejam anjos, são também Almas profundamente sábias e evoluídas que compreendem os mecanismos do Universo e estão dispostos a negociar (sem muitos critérios morais ou ideológicos) com quem os invoca.

Ambos estavam acorrentando uma legião de pelo menos mais 12 almas perdidas que seguiam nos planos vibratórios energéticos da paciente e que foram devidamente levadas á luz.
 
Revelaram que a jovem que eu estava ali tratando, em outras realidades se tratava ela de uma fada e que sua mãe era uma adoradora de reptilianos que chegou em algumas realidades a se transformar em híbrida (“dá uma olhada nas mãos e nos pés dela mó reptilona, disse Astaroth”) e o mais interessante é que tudo foi confirmado pela paciente na volta do transe hipnótico, nas relações atuais que tem com a mãe e de fato ela sempre havia percebido esses traços lagartos na própria mãe. Dias depois da sessão a paciente me confirmava o que nos ensina a Goetia sobre essas Almas, enquanto Bealial tem o poder te trazer certas almas para o seio de certas famílias, Astaroth consegue fazer com que os nossos poderes psíquicos sejam neutralizados.


Imagino o quanto o leitor deve estar se questionando se tudo isso aconteceu mesmo ou se eu não estou criando uma ficção, mas o fato é que tudo aconteceu da maneira que estou descrevendo, pode ser confirmado pela paciente se ela tiver disposta a mostrar a cara e agora mesmo ainda estou catatônico e boquiaberto, ainda que no íntimo de meu ser saiba que sempre tenha feito muitas perguntas e percebo com total claridade que essas são as verdadeiras respostas e assim não pude deixar de entrevista-lo.


Segundo Astaroth os sacrifícios de crianças são obras exclusivamente de reptilianos e que a guerra é feia, difícil de acabar, existem sérias dificuldades em guerrear com os Dracos e que vai demorar pra que eles saiam do governo da terra.



Disse que os Anjos Caídos não fazem a menor questão de ser adorados pois, não precisam disso e guardam uma profunda revolta quando são levados ao momento em que tinham corpos de carne e por isso nunca mais encarnaram (não todos), não aceitam sacrifícios de seres ainda que aceitem realizar negócios e trocas que de fato podem prejudicar pessoas mas não estão fechados para renegociar o acordo se for em nome do bem maior e de fato puderam liberar a mais de uma dezena de almas perdidas que seguiam nos campos vibratórios dela.


Disse que os políticos do mundo inclusive no Brasil, não tem muita opção ou não tem como “Não participar” ou não fazer esse tipo de ritual de sacrifício e oferendas de sangue, inclusive de crianças e que eles de fato foram postos lá pra isso, vivem baixo esferas de medo e opressão incrível, são obrigados a matar e realizar sacrifícios para adorar os antigos “Deuses” que não são nada mais nada menos que a boa e velha, Reptilería de sempre.



No caso da mãe da paciente, ela havia prometido algo de valor muito alto que havia comprometido ela de forma considerável com Astaroth e por isso ele seguia “algemando” sua filha e mantendo uma legião de seres nos campos vibratórios dela. (“Eu posso tirar as algemas, mas não posso fazer nada com as cicatrizes disse Astaroth através das cordas vocais da paciente”).
O trato feito era poder ter uma encarnação na Terra para ser mãe de sua inimiga que era a fada (a paciente) e ela, vigiaria todos que Astaroth quisesse e assim foi feito. Assim a mãe da paciente tem enfrentado diferentes existências em diferentes realidades “vigiando”, para poder nessa realidade torturar a Fada que hoje é sua filha.
De fato a paciente confirmou que a relação de ambas é mesmo péssima e que sua mãe sempre fez de tudo para manter um tipo de relacionamento profundamente tenso, torturante e incompreensível.
 


 
Mais do que simplesmente uma “Colônia Penal” Sirío-Pleyadiana onde os seres encarnados não tem a menor idéia de suas origens galácticas e que tem suas almas recicladas pelos lagartos de Alfa entre vidas e mortes em bolsões 4D/3D e que tudo isso é possível graças a seus níveis de tristeza e mentiras acumuladas, o Sul do país é também uma espécie de resistência que permite a aqueles que se recusam a participar da guerra, criar uma forma de cidadania que os diferencia do resto do país inteiro. Ainda assim isso que deveria ser a resistência normalmente é infiltrado por sociedades secretas desvirtuando o trabalho das Plêyades.
O sul é Uma Matrix de sossego feita a custa de tristezas que jamais se revelam. Uma Matrix de sossego, dentro das Mega Matrix que são as metrópoles controladas por repteis e jesuítas como Rio, Brasília e São Paulo.

Os De Alfa Draconis mantém uma distância respeitosa do Sul de nosso país justamente por que aqui estão os humanos almas recicladas mais antigas, que já foram sugado ao máximo durante eras e assim acabam deixando os seres de aqui ter um pouco mais de paz, como uma verdadeira colônia de veteranos jubilados das guerras de Órion.
Aqui estão as almas que se recusam a ser infeliz de verdade mas não podem captar seus poderes graças as grandes hipocresías sustentadas, ao racismo subliminar que são suas formas de cidadania, aos profundos níveis de tristeza e imersão bucólica nos cenários de natureza, apesar do frio, mas que os livra de uma relação auto destrutiva e mentirosa com o meio ambiente em que vivem mesmo que não passe o mesmo com seres que compartem a mesma realidade.
Cidades como Curitba possuem considerável possibilidade, que por vezes ocorrem de abrir buracos na malha do tempo, que tem possibilitando por certos períodos a existência de pessoas em até duas realidades paralelas diferentes, sem que essas sequer notem.

A vinda para o sul foi uma das missões mais Nobres das que foram ao Médico Animósico concedidas. Entender de perto como aqueles que de longe são vistos como "Pacíficos" e "cidadãos" são na verdade apenas covardes conformados em suas dores ancestrais e consolados através de um certo nível de conforto e da arquitetura de suas casas.

Na cidade de Siderópolis estão os espíritos que tiveram suas programações abortadas antes do tempo certo e isso cria certas regalías do ponto de vista cármico que permite a esses seres estacionar sua evolução espiritual para receber um pouco de conforto material. Mas a grande verdade é que todas esas pessoas estão se alimentando de energías de tristeza e gerando mais e mais tristeza justamente para alimentar os seres de 4ª densidade que são os carcereiros da prisão quadrimensional da qual somos detentos.

Além do sucesso com os clientes, amigos e pacientes, não poderia finalizar essa postagem sem mencionar os Inimigos que fizemos.



Existe um local em Criciúma chamado "Oykos" que em grego quer dizer "Lar" onde estivemos hospedados e trabalhando durante os días que ali estivemos. Os donos do centro de terapia era um casal (a Loira e o de barba a direita) sendo que ele é "figurinha famosa" da cidade, que se crê "zen" e está orgulhoso de ter feito o caminho de Santiago de Compostela duas vezes. ambos vivem juntos e sem Amor, de forma dócil e pacífica, pregando mensajens de "paz" e distribuindo "SUGESTÕES" que obrigam a todos estar "descalços" e usuarios de uma alegría que esconde as tristezas ao invés de sanar elas. Adoram abraços e passam o dia metralhando a tudo e a todos com discursos nova era que escondem seus profundos talentos para o militarismo e ditadura típica dos movimentos nova era. Ela particularmente era uma pessoa bem estranha e falsa, que se recusava a entrar em contato com as próprias mentiras e tristezas, vivia sempre articulada para estar sempre alegre, acelerada e fingir que não está desesperada por dinheiro.

Durante os días que ali estivemos foi somente elogios, presentes, carinhos, livros autografados, participações nas atividades do centro. Eles estavam orgulhosos e abertos a receber mais vezes o meu trabalho até que na última noite, coisas estranhas passaram.

Eles estavam organizando um evento para 70 pessoas onde havia uma banda de 5ª categoría entoando mantras pensando que eran "artistas Pop" e depois haveria um jantar com pizzas e mais música ao vivo com músicos amadores de qualidade inferior para não justificar nenhum tipo de pagamento aos músicos mas sim o pagamento de 20 reais por pessoa para comer. Até aí não haveria problema, mas o fato é que eles pediam que todos lavassem os pratos. Ou seja, te cobram o mesmo valor de um restaurante, mas tem preguiça de fazer a limpeza e pedem que todos trabalhem para eles mesmo depois de terem pago a conta.



Apesar de a comida e da música estar ruim e de eu ter estado ali a trabalho e não como participante da programação do centro de terapias, eu não reclamei de pagar minha parte e de minha esposa, pois dinheiro para mim não é problema, ainda que estejam nos roubando, mentindo e engañando. Para mim era uma esmola de agradecimento que eu não ia recusar uma vez que o desespero deles por dinheiro era claro. Porém o lado reptiliano derreteu a máscara da dona do centro oykos, uma vez que quis cobras 20 reais de mina Amiga Chris mesmo sem essa estar comendo ou consumindo qualquer coisa, pois só havia vindo para despedir-se de mim e estar mais algunas horas juntos. 

Inconformada a dona do centro voltou depois de 5 minutos que eu havia dito que Chris só estava ali me visitando, para dizer a Chris: "Mesmo que você não coma, tem que pagar os 20 reais pois nós fizemos atividades antes do jantar".

Oras, as atividades já haviam terminado, Chris havia chegado depois e não ia comer aquela comida horrível e ainda assim a senhora que atendia pelo nome de "Dercy" não se conformou em não ganhar e quis cobrar da mesma maneira.

Nos recusamos a pagar e deixamos o recinto para arrumar minhas malas e ir embora.

No último instante decidimos fumar um baseado todos antes de nos despedirmos e foi nesse momento que o "dono" do centro apareceu levando por agua abaixo toda a patifaria Zen que ensina mas é incapaz de praticar nas horas mais corretas.




Ao sentir o cheiro da maconha que fumávamos ele começou a dar um chilique "(Vocês estão fumando maconha?? Fora!!! Vai Embora!!!)"

Sem dar oportunidade alguma de conversa, ele se comportou da maneira mais ditadora, racista e preconceituosa nos humilhando e expulsando e logo depois de ter feito elogios, dar seu livro autografado de presente e dizer que tínhamos as portas daquele centro sempre abertas.

Naquele momento ficou claro o como e quanto a clase média brasileira é racista, ignorante e preconceituosa e que tudo aquilo que eu desde que ali havia chegado, intuia era de fato verdade. Que aquelas corujas e olhos de Hórus na decoração local não era mera coincidencia e de que eu tinha ido ali justamente para isso! Para ser o que Sou!!! um "maconheiro?!?!" Não Amigos! Muito mais que isso!

Uma bomba de Sirius Plantada em Solo Reptiliano! Mostrando aos mentirosos o quanto são mentirosos e as "vítimas" o quanto podem reagir e ser co autores de sua realidade!

Foi uma honra ser expulso do Oykos permitindo ao Manoel e a Dercy realizarem pela primeira vez na vida e com total perfeição o quanto são vampiros e mentirosos e eu faria isso muitas vezes se necessário inda mais sendo em nome da maconha!

O que a maconha tem feito  enquanto remédio pelas vibrações energéticas dos pobres que a fumam e não tem dinheiro para fazer tratamentos medicinais naturais no "Oykos" é infinitamente mais benéfico do que todo o proceso de lavagem cerebral promovido por eles e maquiado de "libertar" ou "despertar" de "nova era" e outras mentiras típicas de brancos racistas mentirosos, isolados numa matrix pós guerra. A proibição da maconha e a maneira como os caretas da clase média policiam e "punem" aqueles que gostam dela é a prova mór de que o racismo em nosso país é a maior realidade latente ainda que maquiada por um estilo de vida consumista mercantil suicida.

Me alegra fazer Amigos, mas confesso que gosto muito mais de tirar as máscaras de meus inimigos e ver eles definhar ante as próprias mentiras.

Portanto se você está pensando em contratar um HomeTherapy e é um mentiroso, moralista, babaca, proibicionista, não gosta de maconha ou tem alguma coisa contra quem a fuma, me esquece camarada! Me erra! Nem pense em contratar meus serviços pois eu e a Maconha temos mais de 6 mil anos de história e resistência com a VERDADE e vocês 80 anos de proibição, estupidez e mentiras.

Nós somos a resistência! Vocês são o medo e a mentira.

Nossos corações já sabem quem vai vencer e quem já venceu essa guerra!
 
Que Deus abençoe a todos,
Namastê
Ruy Mendes – setembro 2014
 
 
 
 







Análise Vibro-Energética da Psicosfera do Rio de Janeiro - Babilônia-Sodoma-e-Gomorra

Dando sequência a série de Post que vão sendo criados a medida em que seguimos viagem pelo país, hoje entraremos em contacto com informações akáshicas que me estão chegando e sendo avaliadas com antigas informações com as quais já trabalhávamos.




Sabemos que nossas Elites não vivem no mesmo tempo-espaço que a maioria dos mortais encarnados na Terra, mas estão sempre na Parte infinita de nossas realidades, recriando a história e manipulando o tempo.

Quando você compreende que a realidade é manipulada através do conhecimento do Infinito-Passado, Infinito-Presente e Infinito-Futuro entende como o pasado-presente-e-futuro estão sendo repetidos, mantendo a maioria da raça humana terrestre dentro de um bucle de realidade limitada, que altera o sistema de crenças de maneira a facilitar o ordenhamento de almas recicladas entre vidas e mortes num mesmo 3D/4D.

Isso explica por que o joven nazareno chamado "Jesús" tem dezenas de "clones" ao longo da linha do tempo e história que repetem sua biografia e também nasceram num mesmo 25 de dezembro, de uma virgem, foram adorados por 3 reis magos, juntam 12 discípulos e um os trai, entre outros eventos-clave da vida de Jesús que se repetem em Krishna, Tamuz, Baco e dezenas de outros. Para compreender melhor o que são os clones da Santíssima Trindade, acesse aquí e conheça um antigo post do blog que trata desse tema.

Depois do último post e das pesquisas realizadas com os resultados encontrados, podemos afirmar com uma certa tranquilidade que nossas Elites Satanistas deixaram a Matriz Americana de onde governaram o mundo durante os últimos 100 anos ou pelo menos desde o final da 2ª guerra e hoje montam sua Base em Brasil, através de diferentes frentes de atuação mas principalmente através da RELIGIÃO (São Paulo), da POLÍTICA (Brasilia) e das "Artes" e "Entretenimentos" (Rio de Janeiro).

Em palavras simples, para nossas Elites, São Paulo é Jerusalém, Brasilia é Egito e o Rio de Janeiro é Babilônia, Sodoma e Gomorra, ainda que Fortaleza seja parte dessa Agenda Colonizadora milenar, pois é onde melhor a Pedofilia é aceita e funciona com ares de "normalidade" "industria" e "turismo" em nosso país, porém está fragmentada ao norte e não participa em níveis rituais do que está por detrás de Brasilia-São-Paulo-e-Rio-de-Janeiro, serve apenas como fonte de materia prima e recursos para o que é de fato modelado nas 3 capitais.

As "sociedades" com suas "tradições" e "costumes" que são Os Centros Nevrálgicos em níveis Políticos, Religiosos e Artísiticos em nosso País em verdade são grandes peças de Macro Magia Negra feitas no início de nossa era, o que seria Magia Negra utilizada através da Arquitetura e engenharia social para manter os cidadãos de uma determinada área geográfica do globo baixo determinadas energías que servem a outros seres que não eles mesmos.

É o que passa em Brasilia que foi criada justamente para que os Políticos responsáveis por conduzir o leme da nação estivessem rodeados de um tipo de "cidadãos-dóceis-e-cordiais" que não fossem mais que apenas "idolatras" que os aplaudem ou "vaiam" mas que sempre "votam" e os "respeitam" como "autoridades".




É isso o que passa com o Rio de janeiro, o Projac e a capacidade de construir conceitos e manter o dominio viral sobre as mentes adormecidas, que a Rede Globo de TV tem como "telespectadores" e afeta a mente e sensibilidade dos Cariocas, formando os conceitos mais profundos e arraigados de seu imaginário desde a infância até a velhice e é o mesmo o que tem sido feito em São Paulo nos últimos 20 anos, tranformando a Locomotiva financeira do País em "templos" erguidos e representados por Igrejas Evangélicas dirigidas por sociópatas, que com suas pregações atuam como um virus e se infiltram na sociedade e são capazes de doutrinar e manter fiéis em todas as clases sociais, eliminando por completo a necessidade de conhecimento de história, a capacidade de questionar a leitura, mantendo as pessoas reféns do respeito a "livros-sagrados" fazendo com que esses sirvam de "base-de-conhecimento" a respeito do passado sem nenhum respaldo científico, histórico que possa ser comprovado e desmentido se necessário.




A pouco tempo atrás o Pastor-Maçônico Silas Malafaia declarou em uma entrevista (o que chamava de "conhecimentos" mas em verdade era apenas verborréia) que a Homosexualidade era uma "doença genética" criada pelo ambiente frequentado pelo Homem. O pastor através de um jogo de palavras e conhecimentos para lá de leigos sobre o genoma, tentava convencer sua entrevistadora e seu público de que o Homem não nasce gay mas é feito assim pelo ambiente cultural no qual nasce, vive e frequenta. Não demorou muito para que um estudante de genética, brasileiro, gay e radicado em Londres aparecesse na rede contradizendo as mentiras do pastor e explicando como o sistema genético funciona.




Por detrás das declarações de Malafaia existe toda agenda esotérica maçônica negra, para recriar no século XXI no Brasil o mesmo ambiente de lutas e guerras ideológicas que tinhamos tanto na inquisição como pouco antes da 2ª guerra mundial estourar na europa e durante todo o século XIX e XX nos EUA através do Silencioso fundamentalismo cristão, muito mais nocivo e psicopático do que o fundamentalismo islâmico. 

As pessoas que formam o "povão" de hoje não são tão diferentes das que formavam o "povão" seja no Egito dos Faraós, seja da Veneza dos Dodges. E ambos até hoje tem em comum a "fome" ou seja, são subornáveis até pelo mais mísero dos pratos de comida e mantém um profundo e religioso "medo-da-morte". São essas almas que se sujeitam a ser recicladas ao longo das eras e por vezes sequer percebe a grande farsa que domina a maioria das geografías 3D/4D do planeta Terra.



Nossas elites também ainda são as mesmas, porém tem a vantagem de conhecer e operar desde o infinito, libre do medo e da dúvida. As mesmas receitas usadas para as ditaduras do passado são usadas hoje, Porém ao invés de usarem o "herege", o "orgulho ariano" ou a "Praga semita" farão agora através de imposição de guerras entre dogmas religiosos e acadêmicos.




Isso já acontece de maneira considerável entre as religiões afro-espírita e as religiões evangélicas em certos pontos do país. Onde a ignorancia e a burrice é "mato" a religião prospera como Praga, o Mercado e as Leis são respeitadas como um "Deus". Porém quanto mais leis tem um estado, mais corruptos ele sustenta e mais leis esses necessitam para estar protegido da Justiça Popular. Frequento o Rio de Janeiro desde os 18 anos de idade e do ponto de vista vibratório e energético se tem uma coisa que a gente sente aquí e de sobra é MEDO.

Porém em grandes paraísos tropicais esse medo em níveis 4D não está plasmado como em geografías de guerra, fome, miséria "a la Iraque" ou "Nova-Delhi". Ele se manifesta a conta gotas. O Medo no Rio não é para que as pessoas estejam "apavoradas" e "inúteis", mas sim apenas confusas, com a crença de que "tem-dado-o-melhor-de-sí" e já não podem fazer mais nada.

Nossos maestros-magos-negros tiveram bastante trabalho para conseguir transformar o rio em "cidade-sem-ley" e "cenário-de-guerra" e isso não está feito pela vaidade deles apenas, mas principalmente para poder conter o caráter de cidadão que aquí encarna e vive de uma maneira que esse não represente perigo para ele mesmo e para a sociedade.

A informação que chega para mim e causa tanta surpresa e espanto como causa na maioria de vocês é que:

Os espíritos encarnados no Rio de Janeiro em nossa realidade hoje, são seres herdeiros dos Atlantes e também humanos que estavam todos encarnados no momento em que tanto essas cidades bíblicas, como o arquipélago atlante, como ideologías, práticas, religiões e crenças mágicas de orden telúricas, STS, negativa, viviam o seu maior auge de expansão e dominio em níveis negativos.

Aqueles que não aprenderam com o afundamento de Atlántida seguem reencarnando aquí e tentando a todo custo materializar seus sonhos de grandeza, vaidade, adoração, idolatría, luzes, camêras, ação e "aplausos".

Todos no rio querem de alguma maneira ser "deuses" e sabem que o são ou que seus ancestrais o eram, mas são incapazes de realizar esse conhecimento livre da influencia tóxica causada pelo sistema de crenças, valores e costumes diariamente modelado, encerrado e doutrinado pelo televisor.

O Carioca é um Eskimó que tem que se adaptar de um dia para o outro a uma realidade de 40 graus Cº e verão o ano todo. Imaginem o quanto não se torna fácil manipular um tipo desse com idéias narcististas artísticas de grandeza em meio a uma beleza natural exuberante? Esse tem sido o trabalho da rede globo. Deixar claro que não importa o quanto você seja irresponsável, medroso, contraditório e mediocre, você também tem o direito de ser "artistas" e ser "aplaudido" e esse sim deve ser o verdadeiro sentido de nossas vidas e existencias.

Nas classes mais desfavorecidas ou pobres estão encarnados espíritos de seres que outrora foram reis, vizcondes, magos, padres, duques, fidalgos, Sir e outros personagens e títulos de elites religiosas e reais-monárquicas, inclusive não humanas, mas que uma vez tendo seus códigos galáticos se encontrando com os da raça humana terrestre da mesma maneira que códigos binários informáticos, se mesclam com nossas estruturas de DNA e ganham o direito de encarnar como humanos e dessa forma realizar nessas condições tudo o que necessitam para harmonizar sua evolução em níveis cósmicos. Isso explica aquilo que os Espíritas Kardecistas sempre diziam de que o Planeta Terra é um planeta de prova-e-expiação evoluíndo para um planeta de regeneração, ou seja. Aquilo que sempre foi um presídio e casa de correção penal, agora passa a ser um centro cultural ou como eles gostavam de dizer um "Educandário".






As pessoas e indíviduos que formam o povo que hoje sofre os efeitos da corrupção e má adminstração pública e que provavelmente é o mais roubado da nação seja pelo cartão postal turístico que é, seja pelas facções criminosas que abudam no topo de sua pirámide de poder, em outras vidas foram os grandes responsáveis pelos impérios de satanismo e magia negra, pedofilia, bruxaria, semvergonhice e libertinagem anáqruica e destrutiva que foram essas famosas cidades como Babilônia, Sodoma e Gomorra.



Em minha segunda sessão de Anemosía Cuántica com uma paciente aqui no rio (isso foi ontem) tivemos a oportunidade de durante a regressão, identificar, orientar, tratar e enviar a luz, 5 almas perdidas que seguiam parasitando os sistemas de chacras e bioenergéticos da paciente a pelo menos uma encarnação.

Se a arquitetura européia possibilita e facilita o acúmulo de Almas perdidas devido a empatía com a beleza arquitetônica e apego aos costumes de uma época, no rio são as crenças e valores emocionais, somada as grandes mentiras milenares sustentadas como "moral", "bons costumes", "valor" e "educação" somadas junto com as "pequeñas-mentiras-sem-importancia" que cada individuo faz questão de manter é que servem de pasto e alimento para que almas perdidas pousem nos sistemas energéticos das pessoas e tenham esses como lar na Terra ao invés de pasar aos domínios da Luz e seguir sua senda evolutiva, seja através de novas encarnações seja em domínios superiores de aprendizado.



Isso explica por que em lugares e geografías energético-vibratórias como o Rio de janeiro seja em 3D ou seja em 4D, sempre é tão difícil trabalhar pelo bem maior.













Justamente por que as pessoas estão tão anestesiadas por essa combinação de "beleza natural" e "medos", que todo e qualquer conceito de bem maior Ou Bem comum é discutível, se distorce em opinoidolatria e narcisimo, porque afinal "Narciso acha feio o que não é espelho".

Foi somente atráves do medo que os cariocas compartem a respeito por exemplo da violencia urbana, que eles criam as tragédias e traumas necessários para mudar o padrão energético de suas vibrações em níveis emocionais e assim materializar os momentos e eventos que são feitos para compreender a própria existência e em que valores essa se baseia para evoluir.

O "Carnaval" nada mais é do que o "Festival da Carne" onde tudo aquilo que é condenado e punido durante todos os días do ano como "pecado" seja permitido e praticado. Graças a eventos como esse, leis hipócritas como a de "atentado-ao-pudor" são sustentadas e garantem que um "policial" semi-alfabetizado tenha poder de prisão ante um outro ser humano caso esse queira banhar-se no mar ou na areia da Praia sem roupas.

Cito esse exemplo para que as pessoas compreendam que por detrás de nossas leis que visam garantir a "ordem" ou a "igualdade-de-direitos" ou nossas eternas discussões sobre o "aborto" ou a legalização das "drogas", existe a desinformação sempre sendo perpetuada e existe ainda a necessidade medieval de se garantir os "bons-costumes" que quase sempre maquiam e justificam uma "educação" que garante a divisão de classes e o racismo, o preconceito e a obediencia servil a intereses obscuros que a maioria dos cidadãos ordinários desconhece.

Querendo ou não, gostando ou não gostando, a grande Verdade que podemos afirmar aquí é que ainda somos mentalmente controlados e governados por uma mentalidade radicalmente Jesuita. As Elites cariocas e brasileiras ainda se orgulham em seus currículos cafonas cheios de páginas e brasões dourados, de contar vantagem de terem recebido educação em colégios tradicionais Jesuitas durante a infancia e adolescência.

A Selma, uma das pessoas que me hospedou aquí no rio e tem um largo e profundo passado envagélico tanto em 3D como em 4D, de Igreja em Igreja ou de pastor em pastor, não quis fazer uma sessão de massagem e anemosía cuántica justificando que não quería trair a promessa que um dia tinha feito a si mesma, de não deixar jamais ninguém tocar as mãos em seu corpo e dedicar sua existência a adorar o senhor "Jesús".

Meus velhos amigos e parceiros que a essas horas já se devem considerar "ex" Eduardo e Guto, um policía federal e o outro militar da Marinha, ambos cariocas, filos de um Major aposentado que eu sempre tratei como pai, são incapazes de punir ou repreender as grosserias e mentiras do próprio pai, mas estão sempre prontos a desfazer a amizade com gente como eu simplesmente por que esses abrem a boca quando pensam e não encontram problema nenhum em ser honesto.

Eu não os culpo por me abandonarem e sei que o fazem por que são incapazes de conviver com as próprias mentiras, com verdadeira igualdade e sem hierarquias. Por isso preenchem os cargos de funcionario público, seja como militar, ou seja como for. São pessoas que são incapazes de adequar sua mente a uma realidade que não seja numérico-financeira e são capazes de jurar que as grandes mentiras do capitalismo são os melhores presentes da civilização. Ambos tem mais de 40 anos e tudo o que postam no Facebook são críticas a "presidenta da república" ou a qualquer outro ser que esteja a um raio de 1000 km de distancia deles. O mais novo acaba de ficar viuvo com uma filhinha rescém nasicda para cuidar e provavelmente jamais entenderá que sua esposa, minha amiga Chris que seguiu firme em suas práticas de yoga por eles sempre ridicularizadas, encarnou entre eles para mostrar o que o pai deles está ensinando eles a fazer com a sutileza, com a espiritualidade, com o lado direito do cérebro, com o feminino que é ridicularizá-lo e rechaça-lo para que o mundo possa seguir para sempre dentro de um dominio selvagem de forças patriarcais.




E eu nesse momento me indago e pergunto o "porque", a rede de televisão que mais investe em "jornalismo" e dramaturgia no País é de propriedade do ex estelionatário e Pastor Edir Macedo, que enrriqueceu produzindo missas que diziam que a dramaturgia de sua maior concorrente era feita pelo próprio "diabo", assim como também me pergunto porque o Padre Marcelo é o personagem que semanalmente aparece na TV Globo Saltitando como os esportistas de 3ª idade que abudam no calçadão de Copacabana e esse tem uma amizade com a Xuxa?! Será que tudo está relacionado e essa gente além de nos comer também se janta? Tudo pode ser!



Enquanto isso tudo acontece num país chamado "rede-globo" ops, quer dizer... Rio de Janeiro, o povo da capital do Brasil que sei lá por que se auto proclama "candango" é incapaz de reconhecer sua própria apatía e o fato de que Brasilia não os favorece como Lar, menos ainda como arquitetura e que sem uma revolução eles jamais terão um bem estar social digno de verdade, menos ainda saúde mental e física para levar a cabo dita neo revolução. Recebi mensagens de reclamação de um leitor do Facebook me chamando de "racista" depois do último post no blog antes desse, que falava sobre Brasilia e a arquitetura Illuminati-Jesuita-Reptiliana.

Através da Mentalidade Idólatra narcisista e ditatorial mantida pela rede globo no Rio de Janeiro e a mentalidade Nazi-Neo-Evangélica mantido pela Bispo Macedo e pelos políticos do PT, PSDB, PSOL e cia em São Paulo, criamos as bases energéticas e sistemas de crença necessárias para manter a mentalidade faraónica nababesca reptiliana que permite aos "políticos" comandar o país desde de Brasilia devorando toda e qualquer forma de equilibrio e verdade.




Não me admira que a mesma mentalidade permita a grupos e facções como o Comando Vermelho ou o Primeiro Comando da Capital, existir há alguns pares de décadas. uma vez que as classes médias e trabalhadoras passam 8 meses por ano vidradas com suas fantasias e passos de dança que exibirão durante 4 días nos bailes de "carnaval".

Tudo é um imenso teatro, uma grande mentira para lá de bem contada onde os maestros magos negros mantém personagens midiáticos da mesma maneira que os dedos hábeis orquestram marionetes e ventríloquos. 

A grande Verdade é que os mendigos e desesperados que abundam pelas ruas e becos do 3º mundo são os reis, psicópatas, aristócratas e elitistas de ontem.





Quando aceitamos e compreendemos a Verdade por detrás dos procesos de energías vibratórias, clarividencia, Clariaudiência, Clariolfatividade, reencarnação, intuição, entre outros mecanismos de conhecimento, enxergamos a verdade de forma natural e espontânea, como é natural e espontâneo para mim sentar para escrever tudo isso a vocês, sem a necessidade de que isso seja comprovado por métodos limitadores.

Ainda que tudo fôsse imaginação e pensamento, ninguém pode negar que esses podem perfeitamente ser veículos e canais de informação e contacto utilizados pelos nossos Eu Superior, Guias e Maestros.





Aqueles que há 10 mil anos atrás criaram Impérios e países na base do medo, porrada e sangue derramado, quando desencarnam e entram em contato com os verdadeiros resultados de suas tiranías, pedem programações existenciais de pobreza, ignorancia, miseria, caridade, não simplesmente por "culpa" mas principalmente para equlibrarem-se desde uma perspectiva cármica.





Quando nos damos conta de que somos Almas recicladas usadas por estados-nações e religiões que por vezes nos ordenham em realidades materiais e astrais, automáticamente nos desapegamos de nossas crenças e nos entregamos a busca pelo conhecimento.  Perdemos o medo de seguir a nossa senda evolutiva sozinhos, não por "orgulho" e "auto-suficiencia" mais do que por Fé e  Humildade.

Desde a perspectiva da programação existencial é necessário que cada pessoa se situe dentro de suas missões aquí na Terra.

O que vejo quando passeio pelas ruas do Rio no rosto de cada mulher e no fundo de cada olhar, são antigas Sacerdotisas que já não podem expressar-se por medo de serem taxadas "putas" na esperança de que isso valia menos do que ser "Mãe", "monja" ou "esposa".

O que o machismo e a ignorancia fizeram na psicosfera da mulher carioca poderia ser considerado facilmente uma mega-macumba para deixar a maior parte delas dependentes de homens que não admiram (ninguém admira), frígidas sustentando amores platónicos com os galãs de novela e em suas realidades 3D, sustentando relacionamentos bélicos ultra delicados que "pisam em ovos", maquiados por fins-de-semanas alegres regado a praia, cerveja, batata-frita, televisão e pizza com catchup.



No rosto de cada Homem carioca que vive e ama essa cidade, vejo o desespero e o arrependimento de quem se deixou levar por uma existência meramente instintiva, emocional e materialista se deixando desconectar do espírito e ser dirígido por suas emoções mais profundas e mundanas, deixando as atividades transcendentes do raciocinio espiritual mental para uma minoría oculta, que provavelmente vive de noite e dorme de dia.

No rio de janeiro estão todas as almas poderosas, profundamente anárquicas e rebeldes, que em algum momento lucraram com o mal, se arrependeram profundamente e querem mais que tudo pagar por seus erros e viver na justiça.

Isso explica essa desigualdade tranquila e conformista, essa paciencia e olhos tristes nas filas dos mercados. Isso explica a conformidade de quem mora na favela e trabalha para quem vive de renda em copa. Isso explica a magia dos gays de aquí ser mais mágica que dos gays de qualquer lugar. Isso explica porque "Jornalistas" vagabundos e oportunistas, assim como salafrários de gravata com a bíblia na mão recebem tratamento de "doutor" e ladrões especializados fácilmente se elegem políticos.

O Carioca não se perdoou e segue contando vantagem de seu eterno carnaval e cartão postal, sem admitir que as crianças cresceram e viraram "criminosos" para que o Copacabana Palace pudesse continuar sendo visto como a nossa grande prioridade.

Que Deus Abençoe a todos. Que Deus Abençoe meus AMIGOS Cariocas.

Namastê

Ruy Mendes - agosto 2014

 

 

Brasília – Engenharia Social Illuminati-Jesuíta e Reptiliana




Como a maioria já sabe estamos no Brasil passeando e conhecendo assim como também realizando trabalhos.
 
Depois de 5 anos sem visitar o país decidi entrar por Brasília cidade a qual eu não conhecia mas que meus guias deixaram claro que deveria ir visitar. Não pela capital em si, mas principalmente pela realidade Subterrânea que ali jaz e que faz com que os povos das cidades do estado de Goiás, Brasília, Tocantins, simplesmente estejam literalmente pisando em um solo de cristais e gemas responsáveis pelo verdadeiro equilíbrio da Terra em níveis 1D.

 

Sem jamais entender porque, Eu sempre achava admirável o “amor” que minha falecida avó tinha pela pessoa de Juscelino Kubitschek e pouco antes de deixar o Brasil em definitivo me lembro de ter vagamente acompanhado uma mini-série da rede globo de TV sobre a Saga de sua vida.
 
 
 

Desde a infância que era normal escutar rumores sobre a possibilidade de não apenas Juscelino, mas vários outros presidentes contemporâneos dele e da época em que construíram e mudaram a capital para Brasília, terem sido assassinados pelos serviços secretos Americanos uma vez que tinha cumprido sua parte na Agenda esotérica de nossas elites.

Eu não fiz turismo em Brasília, não fui conhecer nada nem ninguém e as poucas horas que passei na cidade (um dia e uma noite) do ponto de vista energético e vibratório foram mais que suficientes para nunca mais querer voltar.

 A pergunta que fica no coração de todo Brasileiro que busca a Verdade é: ¿Por que afinal construir Brasília? Que sentido teria levar o centro das decisões do país para fora do Rio de Janeiro e principalmente para longe de São Paulo e Minas que graças a principio ao Café, ao Gado de corte e diferentes formas de matéria prima, sempre foram as Locomotivas Financeiras de nosso país?

Parece que a desculpa usada por Juscelino através de seu Bordão “50 anos em 5” era “levar o progresso para o centro do país, descentralizar o poder da política-do-café-com-leite” e assim melhor governá-lo (será?).
 
Essa desculpa em si era até plausível, considerando o tamanho do país e a necessidade de unifica-lo com intenções progressistas, mas hoje sabemos que nos “Presidentes” e políticos em geral jamais estiveram a serviço do povo e que esse “progresso” por eles alardeado, sempre esteve feito para os benefícios das corporações e não da raça humana como um todo. Quem visita Brasília de fato logo percebe que ela não está feita para que o Ser Humano ou o Candango disfrute, mas simplesmente a IDOLATRE. E quem é o responsável pelo projeto de colocar os seres da raça humana idolatrando concreto enquanto come e respira a poeira seca do cerrado? Ele mesmo, Oscar Niemeyer.

Como todo jovem universitário eu também fui educado e programado para admirar e me orgulhar de Oscar Niemeyer, sua história e biografia e jamais tecer críticas á pessoa dele alimentando as impressões que criam o "cristo maçônico" por detrás de determinados personagens de nossa história exotérica.
 
Como bons brasileiros que somos, sempre programados para se nivelar abaixo dos acadêmicos e catedráticos, estamos sempre com o “elogio” na ponta da língua antes de entrar em contato com a Verdade de cada ser. Para não abusar dos registros akáshicos, fui ao Google e comecei a pesquisar um par de documentários tanto sobre Brasília como sobre Oscar.
 

 

Não foi necessário pesquisar muito para compreender a grande mentira que se esconde por detrás de sua carreira e obra arquitetônica e visitar Brasília e passar nela algumas horas entrando em contato com a energia das pessoas e fazendo análises de sua psicomorfologia, me permitiu entender onde as agendas esotéricas de nossas elites se encontram com a “Grande-Obra” de Brasília.

 

Antes de realizar Brasília de fato, nossos arquitetos sociais já haviam tentado levar a capital para o centro do país sem nenhum êxito. Na Verdade Brasília só deu certo graças aos abusivos SUBORNOS oferecido pelo governo para aqueles funcionários que aceitassem ir trabalhar na nova capital federal abandonando seus estados. As pessoas que aceitavam trabalhar em Brasília ganhavam o dobro de seus salários nos outros estados. Não sabemos exatamente quem é a Mão Oculta por detrás de Juscelino mas em se tratando de arquitetura e construção sabemos que nada pode ser feito nesse país e nesse planeta sem a devida aprovação de nossos Maestros Pedreiros Arquitetos Maçons.

Não encontrei nada que relacione Oscar com a Maçonaria  ou sociedades secretas de forma direta ha não ser a imagen explorando os simbolismos acima e alguns documentários sobre uma "Brasilia Secreta" que posto abaixo para vocês, mas encontrei títulos que ele recebeu ao longo da vida que inevitavelmente o reconhecem como parte fundamental das agendas satánicas tanto do Vaticano como de nossas elites, principalmente as que dizem respeito a Igreja católica e suas misteriosas e desconhecidas ordens de cavaleiros.
 
Entre as dezenas de títulos recebidos por Oscar Niemeyer ao longo de sua vida, 3 me chamaram bastante atenção que são:


 

- ORDEM DE SAURÍ 1ª CLASSE – MÁXIMA DISTINÇÃO CONCEDIDA PELA REPÚBLICA DOMINICANA – 1996

- CAVALEIRO COMENDADOR DA ORDEM DE SÃO GREGÓRIO MAGNO – CONCEDIDO PELO VATICANO – 1990

- COMENDADOR DA ORDEM NACIONAL DA LEGIÃO DE HONRA – FRANÇA 2007

 
 
 
Sem contar as inúmeras medalhas, homenagens e reconhecimentos prestados por diferentes setores de nossas elites mundiais que o mero mortal relegado a base da pirâmide social que sobrevive jamais sonha.
 Se você buscar saber o que é a Ordem de Saurí, pelo menos na Internet não encontrará nada exceto quem são os “artistas”, quase sempre escritores que receberam o prêmio dessa Ordem.
 
 A distinção da Ordem de Saurí costuma ser dada sempre pelos presidentes dos países de centro américa como Republica Dominicana, El Salvador, Guatemala, tudo leva a crer que se trata de uma Ordem sobre a qual não sabemos nada mas que tem o poder de dar prêmios, outorga títulos e homenagens para aqueles que através de suas obras contribuem para o desenvolvimento da Agenda Secreta Esotérica de nossas Elites.
 
Não podemos deixar de nos fixar no fato de que o termo Sauri, nos remete SAURIOS que são justamente os Seres de Alfa Draconis que vulgarmente generalizamos como “reptilianos”.

Minhas poucas horas em Brasília em contato com sua Arquitetura, não deixaram por um minuto sequer de martelar em minha cabeça a possibilidade de que Oscar Niemeyer seja de DNA Reptiliano.

Coincidência ou não, nos primeiros 10 minutos do documentário sobre Oscar chamado: “A vida é um Sopro” ele dá várias indiretas em palavras-chave que confirmam seu desprezo pela raça humana e pelos pobres, que ele “chama” de “fudidos”. Nos mostra em seu escritório uma pequena peça de decoração que parece uma pirâmide vermelha, onde um “Homenzinho-de-paletó-e-gravata” na ponta “reina” baixo os dizeres escritos: “Fudido não tem vez”. Para Oscar os “fudidos” são esses seres humanos que se equilibram em palafitas nas favelas. Oscar afirma que a Arquitetura não está a disposição de todos mas somente de uma casta de privilegiados e que todos esses que levantam suas casas sem o conhecimento dela são uns “fudidos” e por isso “não tem vez”.






O “super-arquiteto” que construiu Brasília, logo nos primeiros dez minutos de película fala sobre um "sonho" que teve numa época de sua vida em que via as Belezas que Cabral encontrou aquí quando chegou ao Brasil por primeira vez dando a entender através de um raciocínio  infantil que o "Mal-do-mundo" é obra de "humanos" e ainda cita ainda uma frase de nada mais nada menos que José Sarney (que nos revela seu hibridismo genético de caráter réptil através de praticas e costumes que revelamos num dos posts do blog feito esse ano o qual você pode conferir aqui) que um dia disse a Oscar que: “Talvez o mundo fosse melhor sem o Homem”.
Por detrás de suas maneiras simples e despojadas, Oscar revela traços de um ser autoritário, que não se conforma em ter de dar respostas para perguntas que ele sugere que jamais deveriam ser feitas, seja por jornalistas, seja por amigos dele que ousaram ser demasiado sinceros referente a suas opiniões e sentimentos com suas obras.

Na minha sensibilidade pessoal Oscar Niemeyer é sim um Reptiliano “Cola-larga” como dizem os Espanhóis, ainda que tenha estado aqui encarnado entre nós até pouco tempo usando um corpo Humano como o nosso. Como vocês sabem o tema réptil é algo que faz parte de nossa anatomia cerebral através do complexo”R”, está em nosso sistema de DNA e não apenas em nossos corpos físicos.



 
 
O fato de uma pessoa não ser um “ShapeShifter” (seres que tem a capacidade de mudar sua forma humana para outras formas humanoides como no caso das famílias reais inglesas, os Bush e outras conhecidas famílias de híbridos entre humanos e reptilianos) não impede ele de ser da Casa de Alfa Draconis, encarnar como humano e realizar uma agenda contra nossa raça. Vale lembrar que Oscar Niemeyer é filho de uma Familia de judeus imigrantes da classe média carioca no bairro de Laranjeiras. Para mim tanto sua afiliação ao partido comunista como seu exílio em París durante a ditadura são "placebos" e mentiras criadas e gerenciadas para que as pessoas jamais realizem a VERDADE. Quando visitamos Brasília fica mais do que claro que ela não foi feita para Pedestres, menos ainda para pessoas caminharem tranquilas, disfrutando o espaço Público. Ao ser indagado sobre as "pirámides" Niemeyer desconversa em tom debochado como se não fosse "arquiteto" e não soubesse história, simbología e etc. Mas sabemos que a cidade de Brasilia foi projetada para imitar os templos egípcios de Akenathon, um dos primeiros faraós com pretensões estatais populistas e monoteístas. 


Brasília está projetada para destruir a auto estima de qualquer ser que queira viver em contato e harmonia com a natureza ou ainda tornar impossível qualquer forma de relação justa entre os Homens.

Como se fosse o membro viril de um violador, Brasília estupra a imagem e a natureza do Cerrado com seu “Concreto-Armado” que dá vida aos prédios públicos e igrejas, fazendo com que as Obras que deveriam beneficiar a população como o Metro, as estações de ônibus, sejam um eterno canteiro de obras, onde os humanos ali presentes estão sempre correndo, assustados, com medo de perder o ônibus ou ser atropelado, com tudo muito mal sinalizado principalmente para turistas. Brasília está o tempo todo dizendo aos seus Habitantes: “Eu não existo pra vocês e quero que vocês se fodam”.

 

 

A nível psicosfera e energias vibratórias, também pudemos avaliar conceitos interessantes dentro do imaginário candango.


Enquanto a rede globo de TV acelera as células do povo para que eles se projetem em personagens fictícios e vivam suas vidas pautadas por notícias espetaculosas, Os políticos e ladrões que comandam Brasília e estão por detrás do governo esotérico de nossa realidade, tem as pessoas do povo de todas as classes simplesmente apavoradas. Não de medos em concreto mas simplesmente como energia 4D que serve de alimento para as impressões. Em palavras simples, não importa se você é policial ou motorista em Brasília, você sempre estará com uma sensação permanente de que aqueles “3 poderes” são “sagrados” e devem ser “respeitados” e jamais “questionados”. Brasilia respira alienação e ignorância de A á Z em todos os setores da pirâmide social. Distribui diplomas e títulos honoríficos a seres ignorantes e dóceis que se orgulham de ser parte de ou trabalhar para uma corte de políticos bandidos a câmbio de jamais se rebelarem ou levantarem questionamentos.  

O mesmo sistema em níveis 4D controla os corpos sutis daqueles que são os cidadãos de goiás e as pequenas cidades com subsolo de cristais ao redor de todas essas regiões.  


Segundo minhas pesquisas, buscas, opiniões, conhecimentos e crenças, todas as pessoas que encarnam ali nessa região são enfermos astrais, humanos que se permitiram hibridar ao longo de diferentes encarnações e agora desejam voltar a ser humanos completos e por isso devem queimar os carmas acumulados em seus sistemas áuricos e energéticos.

A rudeza misturada a um forte compromisso com a honestidade e o desapego pelo dinheiro enquanto valor ou riqueza, o contato diário com a natureza selvagem e hostil, inclusive a possibilidade de se fazer dinheiro através da busca e venda de cristais é justamente o caminho oposto de quem logrou anteriormente os mesmos resultados através do sacrificio humano, escravização de seres, acumulo de ouro, doutrinação mental através de religiões e etc.




Em resumo, todo o processo de escravização e queda dimensional que criamos e perpetuamos desde o antigo Egito em níveis coletivos, pode ser redesenhado e regenerado em níveis individuais através dessas encarnações nesses lugares inóspitos e remotos aonde as pessoas vivem como os animais que estão em comunhão com a natureza, mas são visivelmente infelizes e reféns de seus caráteres mais rudes e grosseiros, possivelmente os mesmos carácteres que em outros pontos da linha do tempo lhes permitiram governar, imperar e perpetuar-se através do “mal” ou de energias exclusivamente STS (Service to Self).

Em verdade as Guerras, a necessidade de domínio, a crença forjada em dogmas e hierarquias, a religião não é da natureza humana, mas sim da natureza réptil.
 
 
 
 
 
 
 
 
Para que a sociedade e a mente humana possam permanecer em formato de pirâmide, Nossos maestros por vezes encarnam aqui em formas humanas, seja como “arquiteto” seja como “papa”, justamente para plasmar, calcificar melhor a “verdade” criada por eles. A base dessas verdades ao longo da linha do tempo começa com as religiões e se firma com o Militarismo. Essas são ambas as maiores potências energéticas baseada em hierarquia, ignorância, desinformação, submissão, culpa e principalmente MEDO.












É baixo essas energias que em níveis 4D nossos conterrâneos daquela região do cerrado árido e semi árido permanecem durante suas encarnações e é para esse fim que cidades como Brasília são construídas.

Uma vez que não há calçadas largas entre as avenidas dando a entender que não deve haver “pedestres”, mas apenas meios de transporte particular ou de massa. Uma vez que as praças estão desenhadas para servir a fins de "idolatría" ao Estado e suas instituições e as Igrejas estão projetadas através de “concreto-armado” e não mais através das geometrias sagradas, uma vez que o conforto é privilégio apenas das classes mais favorecidas e as classes mais pobres estão todas relegadas as periferias e cidades satélites, limitando sua presença nos grandes centros apenas para cumprir com suas agendas de trabalho, fica claro que A agenda que criou e materializou Brasília tinha como principal objetivo:

Afastar o centro do poder e tomada de decisões do país dos povos intelectualmente mais desenvolvidos como no caso do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas. Brasília foi criada onde foi criada possívelmente por que ali existem bases subterrâneas e por que os habitantes daquela região do país em verdade ainda são muito mais africanos e índios (em níveis de DNA) do que “brasileiros”, goianos, candangos e etc.
 
 
Ao contrario do que passaria com Rio de Janeiro ou São Paulo é  simplesmente IMPOSSÍVEL criar uma "identidade-nacional" em um país que tenha Brasilia como Capital, por que as pessoas que ali vivem não saíram da "Selva" e se o fizeram ainda permanecem dentro de um sistema de sensibilidade e crenças similar a era do coronelismo, oligarquía, monarquia e feudalismo. Por isso ese trabalho tem sido feito em vão e de maneira racista, fragmentadora e bizarra desde os anos 60 pela Rede Globo.

E como foi mesmo que Cabral subornou os índios para que esses entregassem a eles as riquezas da terra como o Pau Brasil? Dando “bugigangas” como espelhos, pedaços de cacos de vidro brilhante, escovas de cabelo entre outras coisas sem valor, que aqueles autóctonos jamais haviam visto antes e logo se maravilhavam pensando ser um “regalo-dos-deuses”.

É o que está acontecendo nessa região de nosso país agora mesmo de forma atualizada com as tecnologias que cada dia mais se popularizam.




Aqueles que são Índios, Mamelucos, Cafusos, Mulatos e que ao longo da história tiveram suas culturas, orígens, biografías, histórias, terras adulteradas, violadas, surrupiadas e roubadas pelo governo dos Homens Brancos ou pelo "progresso", hoje sequer se lembram que esse tem uma grande dívida histórica e cármica com eles e não a cobram para alimentar a Idolatria de seus Concretos armados".

Estão todos alienados e anestesiados dentro de seus I-phones, com suas almas recicladas pelo cristianismo e suas mentes controladas por tecnología barata de 5ª categoría que é que temos sendo popularizada aquí na Terra, mantendo as pessoas que mal sabem sobre a própria escravidão "contentes" por que podem se manter em contato, ainda que sem nenhum conhecimento que preste, ainda que sejam um exemplo lúcido e próspero de total covardia e bancarrota de uma raça que é a humana e de um povo que é o Brasileiro.

 

Todas as mulheres negras que eu conheci em Brasília e em Goiás sem distinção ou excessão e de todas as idades, alisam seus cabelos com a crença de que isso as faz mais "bonitas" sem sequer desconfiar que foram programadas pela dramaturgia para jamais terem auto estima ou se amarem como são.
 


As meninas nas escolas que tem cabelo crespo e não tem dinheiro para alisar, os levam preso e jamais o soltam.

As crianças de cabelo sarará são convencidas de que não podem ser belas com esse cabelo e se espelham nos modelos de cabelos lisos de branco usados por “negros” que fazem parte da programação dramatúrgica que os mantém aprisionados num conceito limitado de si mesmo e sempre longe da essência espiritual.

Hoje nós sabemos e podemos afirmar que por detrás da Idolatria ao industrialismo, ao materialismo, ao concreto armado e a ciência fundamentalista-darwiniana-newtoniana-cartesiana, existe as Agendas esotéricas e ocultas das famílias híbridas e reptilianas responsáveis pelo governo oculto de nosso planeta, o qual está mais do que claro e comprovado pelos galardões recebido que, Niemeyer representa!

 

O "Brazil" idealizado pelo Maçon Juscelino Kubithek, desenhado e criado por Niemeyer, pela rede globo e pelas sociedades secretas que sempre nos ordenharam com a cultura populista e demagógica que bem conhecemos e ainda praticamos, hoje em dia é o último "baluarte" ou melhor dizendo "beco sem saída" de nossas elites na vã tentativa de ordenhar a raça humana rumo a um falso conhecimento de si mesmo e assim nos manter como sua granja de alimentos emocionais negativos. Eles querem fazer com o Brasil do Século XXI o mesmo que fizeram nos EUA durante o século XX.

 As grandes mentes doentias dos Illuminatis que criaram a corporação Inglesa que erroneamente chamam de “país” que atende pelo nome de Estados Unidos da América e é uma tapadeira para a Companhia das Ilhas Virgens Britânicas, são as mesmas que construíram Brasília de forma exotérica como “obra de arte”  e templo dedicado a Akenathon (O deus-estatal do antigo egito) e de forma esotérica como “campo de concentração nazi” onde os habitantes jamais teriam conforto, cidadania, instrução e nutrição o suficiente para contestar, protestar e se necessário fazer a revolução da qual realmente necessitamos.
Os Illuminati que formam a Kabbalah Negra que até pouco tempo atrás governava o nosso planeta e realidade com mão de ferro,  de fato transferiram sua sucursal dos EUA e Inglaterra e hoje estão no Brasil, seja alterando os resultados dos placares esportivos com intenções de manipular as bioenergias do povo, seja por detrás do governo do PT boicotando a agenda de Luz que esse deveria levar a cabo ou ainda realizando novas formas de sacrificio ritual através de "accidentes aéreos", "atentados-terroristas" e outras formas de terrorismo psicológico que estão embutidos em nossas programações sensitivas imagéticas e podem ser despertados pela programação da TV e seus raios gamas.

Os Illuminati hoje estão no Brasil criando novas agendas para as empresas e também Estão nas religiões principalmente neo evangélicas onde a “catarse” facilita os casos de obsessão, assédio e possessão energética.

Os Illuminatis estão por detrás da criação de todos os beneficios governamentais que geram hoje no Brasil o mesmo estilo de bem estar social que foi gerado na europa após a segunda grande guerra mundial. A população segue “agradecida” pelos pacotes sociais promovidas pelo governo sem entender que esses são apenas anestésicos que mantém o povo dócil enquanto somos saqueados desde uma perspectiva material e escravizados desde o ponto de vista álmico e cósmico.

A Verdade sobre nossos planos é uma guerra interminável entre seres de nossas elites, pela possessão, propriedade, liberação ou emancipação de nossas almas.


 

Na medida em que você compreenda o que é o processo da morte do corpo físico e como o “medo-da-morte” foi justamente o conceito utilizado para manter as pessoas presas em uma única realidade 4D-3D e desconectar elas da fonte cósmica para onde todas as almas se dirigem depois da morte do corpo físico e ali reencontram todas as informações sobre suas origens nas galáxias, nos ajuda a compreender também de que forma nossas elites criam agendas aparentemente separadas, para que através da simbologia e relação entre diferentes planos de realidades, se juntem em determinadas partes da linha do tempo seja para o bem comum, seja para o bem de uma raça de repteis humanoides que mantém parte da raça humana escrava.

Vale lembrar que ninguém pode salvar a alma de ninguém a não ser mudando o próprio sistema de crenças, enfrentando os próprios medos, reconhecendo e sanando as próprias mentiras.

As pessoas que “acreditam” sem conhecer são geralmente aquelas que após a morte do corpo físico, jamais conseguem ou conseguiram chegar na fonte que as permitiria fazer sentir e lembrar quem realmente são, de onde vem, para onde vão, por que existem, por que estão aquí e qual o sentido de suas programações existenciais nas realidades que co-habitam.

E assim faz mais de milênios que boa parte da raça humana terrestre encarnada, tem suas almas interceptadas antes de chegar a fonte e são por vezes convencidas a ser desviadas ou ainda forçadas a seguir a vontade de seres que “temem”. Esses por vezes podem aparecer durante esse processo na pessoa de seus “pais”, parentes queridos na tentativa de convencer a alma em questão a seguir outros caminhos, quase sempre através do livre arbítrio, pois isso garantirá a essas raças que nos escravizam a ausência da justiça cármica e a ação de outras leis cósmicas.


 

 

Por isso é tão importante buscar compreender a natureza da realidade desde perspectivas energéticas e vibratórias mais do que aparentemente “materiais” e “sólidas” por que nossos maestros escravizadores buscam realizar seus trabalhos através de sugestão muito mais do que impondo ou aplicando a força. Nos convencem e dessa forma se livram das dívidas cármicas que contrairíam se nós da raça humana buscássemos ter acesso a toda informação por detrás de nossa história e existência ao invés de se conformar com as desinformações disponíveis.

É a nossa falta de interesse em compreender o que é a Verdade e a Liberdade que nos tranforma em cúmplices e prisioneiros de Mentirosos nos igualando a eles ao invés de neutralizar-los.

 

Como digo sempre e repito; Crença não é conhecimento.

Não acreditem em nada nem em ninguém. Tenham suas próprias experiências e conclusões.

Tudo o que eu tenho compartido com vocês aqui no blog desde 2009 se trata exatamente disso:

O que é Verdade pelo menos para mim, baseado em meus conhecimentos e em minhas próprias experiências e conclusões.

 

Seria ideal que cada um de vocês fizesse o mesmo ao invés de esperar que esse nível de informação e canalização seja “confirmado” pelas estruturas de conhecimento que em verdade foram criadas e são gerenciadas para manter a nossa raça dentro de uma perspectiva escrava e assim jamais sermos Livres.

 

Que Deus Abençoe a todos, Que Deus Abençoe os Reptilianos que querem escravizar a raça humana a partir do Brasil. Não lograrão!

 

Namastê

Ruy Mendes – agosto 2014





São Paulo: A Nova jerusalém - A Chegada da Arca da Aliança e a Agenda Sionista da Nova ordem Mundial

Aqueles que estão estudando conspiração nas Elites há algum tempo já entenderam que nossos controladores reptilianos são fissurados em rituais.




Hoje vamos explorar e tentar entender melhor o porque a "chegada da "arca-da-aliança" organizada pelo Bispo Edir Macedo é tão importante, a ponto de contar com a presença de ilustres pessoas como a presidenta da república e todas as figuras públicas e "autoridades", "reptilianas-colas-largas" alí reunidas, sendo testemunha do apogeu daquele que outrora há poucos anos atrás, foi acusado de estelionato, preso, com direito inclusive a uma mini série na rede globo, tendo Edson Celulari no papel principal, mostrando as Falcatruas de um pastor ambicioso mas jurando que tudo era mera "ficção". Veja os vídeos abaixo.












 
 

 












As fontes históricas e as famílias reais nos confirmam que são herdeiros do próprio Rei salomão, que segundo reza a lenda controlava uma legião de Demonios através da Goetia que é o mesmo sistema de invocação de demonios usado por Aleister Crowley.
As famílias Illuminatis desde então foram seguindo a evolução das Linhas Ley que cortam a terra e assim através de seus conhecimentos ocultos sempre fundam seus impérios e quando o fazem não deixam de realizar esses grandes rituais.



Lembremos que eles já vinham de Atlántida, logo depois Suméria e se Inflitraram na Babilônia, para depois criar o Egito onde foi o primeiro sistema piramidal com a agenda de transformar os Habitantes da Terra e daquela região em Escravos Robôs Trabalhadores Idólatras através de religião mais que manipulação genética.

Logo criaram o imperio Romano e ao cair desse, nos jogaram por um largo período na idade média, onde estivemos relegado a mais de 600 anos de obscurantismo histórico e intelectual.

Na Idade Média usaram a igreja Católica para nos unir em um ideal e conseguir o nível de medo e culpa que temos hoje, logo nos dividiram com mais guerras e ideologías como o protestantimo, as linhas ortodoxas, gnósticas, cátaras, tratando de fragmentar o conhecimento de maneira a nos confundir e separar ainda mais de nossas orígens e capacidade de percepção.



Com seus calendários Juliano e Gregoriano, nos desconectaram do tempo e tentaram nos segurar como selvagens dentro da idade média o máximo que puderam, mas não podem impedir totalmente nossa evolução mas apenas atrasá-la.

Porém veio o renascimento, revolução francesa que eles também criaram, se infiltraram e controlaram jogando o povo contra os governos, a monarquia, as religiões e instituições tudo ao mesmo tempo e assim pouco a pouco ao longo de alguns séculos a religião foi perdendo o poder, e eles apenas foram manejando os novos sistemas que surgiam de forma a estar sempre infiltrado.






Hoje em dia todos esses sistemas funcionam juntos, como bonecas russas.

Estruturas, dentro de estruturas, que maquiam outras e mais complexas estruturas e todas estão interligadas ao mesmo tempo que só uma parte delas pode ser vista.

Segundo consta, Quando o imperio romano foi chegando ao final devido as guerras e as invasões as cidade sagrada de Jerusalém, esas famílias tiraram a arca da Aliança e foram com ela para a região da Europa fundar a cidade de Londinus, conhecida hoje como City of London.




É conhecido que as tanto as famílias reais inglesas não são inglesas mas alemãs da Casa de Hannover, Os Windsor adotarão esse nome na primeira Guerra para parecer mais "inglês" e para que seu Sobrenome Alemão, Sajonia Coburgo Gotha, não causasse mal estar com a população inglesa e esses não se dessem conta de que seu trono estava habitado por Germanófilos.

Da mesma Maneira temos a Casa de Rothschild, que são os banqueiros das famílias reais e se dizem "Judeus", são donos de 80% de Israel e controlam o FED - Federal Reserv e todos os Bancos do Mundo. São eles que financiam todas as Guerras, ambos os lados e tem o direito exclusivo de imprimir dinheiro no mundo todo, são os Donos da Reserva Federal que está sendo desmontada nos EUA. Os Bancos do mundo que não eran controlados por eles, foram os que últimamente estiveram em guerra como Líbia, Síria, e querem invadir o Iran e etc. Desde Israel mesmo sem serem judeus, os Rothschild controlam a agenda Esotérica da Kabbalah, são adorado como Deuses e em Verdade não são Judeus, mas se apropriam desse DNA e do discurso pró semita para manter a agenda sionista beligerante em marcha, para manter guerras funcionando tanto aquí como na eternidade controlada por seu demiurgo.

Todas esas famílias, tanto reais como boa parte dessas aristocracias, são herdeiras dos fundadores de impérios que outrora tiveram Jerusalém como cidade sagrada e depois que essa foi arrasada por Saladino, se dirigiram as terras lejanas da europa e fundaram a Nova Jerusalém ou Londres.

City of London, no centro de londres é uma pequeña região que pode ser equiparada legamente ao que seria a Itália e o Vaticano.



Essa ronda no centro de Londres que abarca o Banco da Inglaterra, a Catedral de Saint Paul (São Paulo), o prédio do Instituto Tavistok, entre outros pontos claves é a base de operação principal da agenda da kabbalah negra dos de Alfa Draconis  é o centro nevrálgico que controla o Sistema financiero mundial, Os EUA e a União Européia, de onde essa mesma Kabbalah Negra por detrás da nova orden mundial, formada por aristócratas reptilianos, globaliza e tranforma em comercio de bens, todas as formas de relações internacionais, sem respeitar necesariamente diferenças entre as raças que formam parte da verdadeira história do planeta ou ter qualquer preocupação que não seja o lucro máximo e sempre para si mesmo, passando por cima de todo e qualquer um, praticando terrorismo em nossas elites da mesma maneira como nós aquí embaixo da pirámide praticamos entre nós mesmos.

Nossos comportamento aquí embaixo da pirámide é exatamente um reflexo da psicopatía de como se relacionam nossas elites que desde há muito tempo funcionam de maneira encantada graças a atuação de Jinis, Guias Cegos, Seres Mantidianos e outras formas de abductores que formam a verdadeira realidade 4D que enclausurou nosso 3D graças aos nossos maestros magos negros herdeiros caldeus da babilônia.

É disso que se trata o Mágico de Oz. Eles não deixam de serem Homens Bons por serem Magos Muito Mals.


Não é por acaso que a IURD se chama Igreja UNIVERSAL do Reino de Deus. Como todos sabem é parte da Agenda da Nova Ordem Mundial Sionista criar uma religião messiânica única e uma vez que tem em mente também implantar microchips na população e acabar com a moeda de troca em metálico, nada melhor do que aproveitar essa energía coletiva onde todos estão extasiados pelas festas da copa do mundo, com o bolso cheio, a "alegría" em índices de pico, e tratar de inaugurar templos, principalmente esses da teología da prosperidade que criam um sistema de crenças onde o ser humano passa a se relacionar com Deus através do consumismo, da posse, do dinheiro e do suborno.

Vale lembrar que a imprensa independente do Brasil apurou que as burocracias necessárias para a inaguração do templo foram burladas. Cerca de 30 milhões de reais deixaram de ser pagos aos cofres públicos por fraude em contrato, a prefeitura de SP e o governo de Fernando Haddad foi cúmplice do Bispo Edir Macedo roubando os erarios públicos da cidade e ainda assim o evento contou com a presença de todos as máximas autoridades do país.




Ou seja, todas as pessoas comprometidas no Brasil com a Kabbalah Negra dos Bush e são as maiores responsáveis pelos grandes roubos e crimes de guerras maquiados por detrás do imperio financiero que é uma MÁ ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, estão reunidas, mostrando a cara.
 
 
 

Nossas elites estão em guerra, destruindo umas as outras e deixam claro que suas munições se acabam, por isso fazem acordos e se prestam ao ridículo de criar alianças com quem outrora era famoso por ser psicópata e estelionatário.



Quando vemos as imagens da inauguração fica claro o nível de retaradamento mental tanto dos locutores como da audiencia. Uma linguagem infantil, repetitiva e dissimulada que mantém o públicos em níveis de imbecilidades profundos e travessos.

https://www.facebook.com/photo.php?v=749519605108369&set=vb.290498567677144&type=2&theater








Percebam que a Agenda Esótérica Sionista no Brasil sofre ataques, mas também dá grandes golpes!

 Enquanto a TV Record reproduz com ares de evento imperial romano a chegada da Arca da Aliança dando testemunho do nível de retardamento mental que chegaram as pessoas da sociedade em todos os níveis, principalmente as autoridades e políticos vendidos que rendem culto a Baal, a rede Globo de TV exibe um programa com nada mais nada menos que "Nelson Motta" (O Vovô Moderno, aquilo no que o Luciano Huck deve se tranformar daqui uns bons anos) entrevistando e constrangendo o presidenciável Aécio Neves, que tem como grande amigo José Perrela, dono de um Helicóptero que foi preso com mais de 400 quilos de cocaína, onde o piloto do Helicóptero era uma maçon semi graduado, que nega saber o que transportava. A imprensa não da quase um pio. Não existem pessoas para fazer a acusação e seguir as investigações pois a promotoria se nega, o juíz se nega a ler o dossíe e dessa forma por falta de investigação e provas todos são soltos e ninguém fala mais nisso. Vale a pena ver a entrevista de José Perrela no programa de Jorge Kajuru onde em tom jocoso ele conta "causos" do qual se orgulha de ser um êximio cachaceiro. Vejam o Brilhante documentário "Helicoca" e confiram vocês mesmo no vídeo que posto abaixo.


 








¿RITUAIS DE SACRIFÍCIO?

Na mesma semana em que tudo isso acontece, um Jovem talentoso comediante é achado morto em seu apartamento enforcado com um "cinto em seu pescoço" e a hipótese é de "sucídio". O cara tinha 35 anos, era casado, tinha filha e se suicida com um cinto no pescoço?! É no mínimo estranho e parece realmente fazer parte de um ritual.

Devemos compreender que muitas agendas trabalham com o sacrificio humano.
Podemos citar o jornalista Tim Lopes que não sabemos se foi mesmo queimado por "Elias Maluco" no final da década de 1990, como na época disseram;



Lembre-se dos Mamonas Assassinas, Cásia Éler e das circunstancias estranhas em que recentemente morreram um raper no palco, os vocalistas e baixistas da banda Charlie Brown Junior que moravam e morreram no mesmo bairro (perdizes) onde é a Sede da MTV e agora conectem isso com o jovem rapaz comediante que foi encontrado com um cinto enforcado no pescoço e também vivía no mesmo bairro.

Todos eles tem em comum o fato de serem "ídolos" de um determinado tipo de pessoa e ídolos segundo os Illuminatis servem para serem adorados e por vezes sacrificados.

Parece que a Maçonaria e a Reptileria estão mesmo pondo as manguinhas de fora no Brasil. Os mesmos tipos de rituais realizados com os artistas em Hollywood que podem ser desde janis Joplin e Jimi Hendrix, Até Elvis, John Lennon e Tupak, o vocalista do Nirvana, podem e devem estar sendo realizados no Brasil uma hora dessas tanto em níveis 3D como 4D.

Sabemos que desde que a Agenda de Nesara começou a fazer uma Varredura pelo Sistema dos Estados Unidos, minando consideravelmente o Poder da Kabbalah dos Rothschild e dos Bush, as principais famílias migraram suas finanças e bases de controle para o Brasil e a cara publica deles  na atualidade se Chama Eike Bastista, mas já foram outros como a Familia Garneiro.



Segundo as intenções deles, a idéia é criar um nível de religiosidade e ignorancia tão grande no povo que permita a criação da Nova orden Mundial desde o Brasil enquanto os EUA já afundam em suas próprias dívidas mandando sua população viver nos acampamentos da FEMA.



Querem nos atrapar o quanto podem a mais, dentro dessa frequência de tempo-e-espaço-mental-pensamento criada pela programação televisiva, repetindo o mesmo que fizeram na idade média nos mantendo idolatras, servis e ignorantes pelo máximo de tempo. E fazem isso simplesmente por que como Alma de Répteis ou Humanos que trabalham para eles, não poderão mais encarnar na terra.




Em palavras simples, estamos falando daquilo que a Bíblia chama de Arrebatamento

 





Tanto os Illuminatis, como os de Alfa Draconis, Reptilianos, Mantis, Greys, Zetas e outros seres regressivos STS que são o governo de nosso planeta durante a noite galáctica e ainda nos governam mas já estão de partida, sabem que não poderão encarnar aquí na terra, justamente por que o nosso planeta está adentrando o cinturão fotônico e o nível de vibração deles não vai conseguir encontrar códigos para encarnar aquí devido ao excesso de energía fotônica e ausencia de energía obscura.






Logo, como nos alerta Hidden Hands, todos os que são STS principalmente os Negativos, vão ter de criar outras realidades ainda de ordem densa, para poder encarnar e livrar-se da carga acumulada em níveis cármicos, vibratórios e bioenergéticos e caso isso aconteça eles poderão nos encontrar por aquí daqui uns pares de mil anos e estar juntos na Terra outra vez.

É por isso que a tática publicitária tem sido justamente Louvar o PT, o Lulismo e o Governo Social de Dilma Roussef e ao mesmo tempo execrar e humilhar todas as posibilidades de éxito dos que são de "direita" e estão representados pelo que seria o PSDB e a mentalidade neo liberal progresista branca de pele e cheia de magia negra na mente e no carma, racista e maçonica.

Tudo está milimétricamente controlado Amigos! A Matrix está fazendo as coisas de propósito e tudo está acontecendo para que as pessoas tenham claro o que estão escolhendo, antes de si mesmo e da Verdade.







Os vídeos e fotos dos Sociais democratas em Eventos da Maçonaria são proposidatamente feitos para colocar medo no público de bórregos evangélicos e esses por fim votarem no PT e perpetuem esses no poder para sempre da mesma forma que perpetuaram em seus corações as mentiras grosseiras do cristianismo.

Colocar Aécio Neves em Rede Nacional sendo Entrevistado por Nelson Motta que o Constrange falando do caso do "helicoca" cativa" e ganha votos do público branco de playboys cúmplice do tráfico e incapaz de exigir a legalização.







Da mesma maneira que ter a presidenta, o prefeito, os Petistas e o Governo do Estado (PSDB) todos na mesma cerimônia que recebe a "arca" de "deus" juntinhos, sem debates, fazendo parte da inauguração do MAIOR TEMPLO DE ESTELIONATO que temos noticias da história, cativa os enfermos de medo e culpa ordenhados no tempo e na eternidade pelas religiões.











Dizem que o Marketeiro de Aécio Néves para as próximas eleições a presidente no Brasil será o Magnata Globalista George Soros. A agua do estado de São Paulo foi simplesmente secada. Imagine se a população soubesse que a Ladeira Porto geral se chama assim porque ali passa um rio, que simplesmente cobriram com cimento, cal e concreto para projetar aquilo que as elites inglesas acreditavam que deveria ser o Centro de Nossa Cidade.





Através dessas pequenas informações, devemos compreender e aceitar que essa Agenda já está sendo realizada ha muito tempo e muitos de nós humanos galácticos, sendo parte dela ou tendo sido prejudicado por elas, nos dispomos a encarnar aquí para dar os conhecimentos necessários para que vocês se dêem conta do que é a prisão e quais as alternativas claves para sair dela.
Pense, que ese sistema que hoje as pessoas estão sustentando seja através do "voto" ou do simples fato de viver "acompanhando noticias" só é possível graças a televisão.

Pensando, bem do ponto de vista da Felicidade consigo mesmo, da auto estima e do conhecimento é possível que alguns de nós estivéssemos muito mais em paz e menos endividados na Idade Média.



O que vemos hoje no Brasil através do relacionamento promíscuo dos poderes políticos (que deveriam ser laicos) com as religiões não é apenas uma questão de "votos". As pessoas que estão no poder também tem medo, sabem das forças que estão por detrás tanto de Israel como de Edir Macedo, Rede Globo e os Sionistas e o Medo é justamente o combustível mór, que essas forças necessitam para estar e permanecer no controle.



Todavía graças ao cinturão fotônico eles não podem mais estar aquí e por isso estão tratando de juntar o máximo de adeptos e almas possíveis para ir com eles criar essas novas realidades mais densas que eles possam habitar. Todos temos o Karma de Lucifer desde que criaram o tempo, porém os que permanecem no controle devem migrar para fora da Terra justamente para poder continuar satisfazendo suas naturezas de controlar. Os que tiverem a real vocação de serem governados pelo que deve ser o Bem Maior sem perder contato com a consciencia de si mesmo e a própria liberdade, parece que estarão aquí e finalmente terão suas almas livres.




Não se trata de profecías e castigos, mas de energías e vibrações.





Não se pode existir no cinturão fotônico com programação da Noite Galáctica. As pessoas que não mudam sua mentalidade a ponto de perceber o que é mentira e o que é VERDADE, não fazem escolhas, são omissas e deixam que a mentira governe a realidade, são justamente as que já estão cooptadas e de contratos assinados, para isso que chamam de arrebatamento.

E os "cristãos" esperam por isso, pensam que isso é bom que é "jesus" que está vindo resgatá-los quando em verdade são apenas forças regressivas reptilianas que se creem donas de nossas almas uma vez que essas encarnam e geram alimento através de emoções negativas, para eles. Aliás todos que se alimentam de medo e culpa ou baseiam seus conhecimentos em apenas um livro seja a bíblia, o corão ou o que seja, esperam por isso de verdade.



A vinda do messias ou do Imame é algo levado a sério pelos fieis das religiões, enquanto os Sionistas e seus cúmplices judíos fazem da raça humana, Golens.
 
 

Somente quando cada indíviduo da raça humana compreender que não pertence a nenhuma outra raça e que somos Infinitas Espécies é que as portas da percepção para a realidade cósmica podem ser abertas e compreendidas.

Enquanto isso não acontece, divirtam-se (ou morram de medo) com a programação Feita pela Matrix.


Que Deus Abençoe a todos

Namastê

Ruy Mendes - Agosto de 2014




Egito - A Última Colônia Atlante

Ao contrário do que diz a Bíblia e tenta em vão afirmar o Creacionismo, boa parte dos livros universitários e toda a parafernália intelectual ocidental acadêmica "darwinista", o "mundo" como conhecemos, não nasceu há mais ou menos "6 mil anos" (e o homem não veio do macaco) assim como não saímos de um ponto zero de evolução, para chegar a ser isso que somos hoje. Ao contrário o nosso processo de "queda dimensional" na matéria se trata justamente do mal uso e da perda de dons psíquicos e talentos extraordinários, de uma inteligência supra evoluída que um dia tivemos pleno domínio e que hoje jazem nos contos fantásticos  recheados de "super-poderes" que fazem de alguns personagens, "super-heróis".




Em Verdade os "super-heróis" são seres fictícios que servem para mostrar a humanidade os talentos e dons que ela teve latente em seus planos conscientes e baixo seu total domínio, um dia.











Existe muitas Histórias e muitas Verdades debaixo das areias dos desertos do Oriente Médio. Aquilo que hoje é uma imensa "caixa de areia" e paisagens infinitas, há alguns milênios foi uma floresta tropical, onde viveu uma civilização (várias civilizações) muito diferente e em vários aspectos, muito mais avançada, com tecnologias muito mais sofisticadas do que as que conhecemos hoje em dia.



A história oficial nos mostra que ao regressarmos aos impérios do passado encontraremos, antes da Idade Média o Império Romano, o Império Grego (Greco-Romano) e o Império Egípcio. Antes do Império Egípcio, tivemos o Império Babilônico e Finalmente um dos maiores impérios que o mundo já teve, chamado Suméria, época e local onde dizem os "estudiosos" acadêmicos: Foi o Berço da nossa "Civilização"; Que permitiu ao Homem deixar de ser Nômade, criar artefactos de ferro, bronze, desenvolver agricultura entre outros "avanços". 






Essas informações não são "mentiras", porém não são toda a Verdade a respeito dessas épocas, lugares e tempos antigos e o que realmente aconteceu ali. 

Segundo a "ciência oficial", não "existe" provas que nos permitam afirmar que existiu o Continente chamado Atlântida (apesar de os tratados de Platão e outros filósofos gregos afirmarem que "Sim, existiu" esse continente que, por distintos motivos, se submergiu no oceano que hoje leva seu nome) e todos os cientistas e pesquisadores de nossa era que insistiram em ir mais a fundo a respeito desse tema, de alguma forma foram banidos ou condenados ao ostracismo pelos meios oficiais como a Royal Society de Londres ou tiveram seus trabalhos inflitrados e transformados em Manipulação e DESINFORMAÇÃO.

Não é por acaso que as Elites acadêmicas evitam aprofundar-se nesse tema. A História de Atlântida é recheada de eventos, que para a mente ocidental materialista, só podem ser interpretados como "lendas" e "mitos", ao invés de "Verdades", pois trata-se de uma época do planeta terra em que as coisas eram muito diferentes. 

De 450 Mil anos atrás até mais ou menos 12 mil anos atrás, (data provável em que o Atlântida e seus habitantes enfermaram e se afundaram no mar) Os seres humanos eram andrógenos (possuíam ambos o sexo em um mesmo ser) e não divididos em extremos energéticos masculinos e femininos como temos hoje. Nossa comunicação não era apenas verbal, mas principalmente telepática e psíquica. Nossos corpos eram menos densos e feitos de uma substância etérea fluídica (ainda hoje apesar de não parecer, os corpos materiais da raça humana são fluídicos, compostos por mais de 70 por cento de água) similar ao que os espíritas kardecistas chama de "Períspirito". 

As pessoas tinham total conhecimento de si mesmo e acesso aos seus domínios psíquicos, energéticos, vibracionais. Não Existia Enfermidades, Não havia Tempo, nem dia, nem Noite. Éramos capazes de acessar e fazer uso de energias anímicas que hoje formam partes de nossos cérebros, sistemas endócrinos e de chacras para os quais hoje em dia estamos impedidos ou "adormecidos".



Mapa do que Seria "Poseidôn" - Capital de Atlântida
Foi em Atlântida que o processo de "Queda Dimensional Vibratória" Começou e teve como resultado o encarceramento da maioria das pessoas de nossa raça, nessa realidade densa tridimensional material, limitada a 5 sentidos cerebrais, que hoje aqui compartimos e da qual a maioria de nós hoje em dia é prisioneiro e crê ser a "única" realidade com vida "Inteligente" que existe no vasto espaço cósmico. 




Antes de Atlântida, tivemos outros continentes no planeta terra, civilizações avançadas que habitaram nossas dimensões há mais ou menos 450 mil anos atrás até 25 mil anos atrás. Estamos Falando de Mu e Lemúria

Não se pode abordar esses temas com uma mente fechada, baseada nos conceitos que as atuais "escolas" e "Universidades" erroneamente nos ensinam ser "o real" ou "possível" . 

Quando se estuda essas informações, há de se estar aberto a todas as possibilidades, entre elas a de que nessa época, fomos visitados por seres de outros planetas, de outro sistema solar que aqui estiveram, e nos deram ensinamentos. Esses seres eram absurdamente mais evoluídos e tinham um conhecimento espiritual e tecnológico extremamente avançado. Foram esses seres extraterrestres que nos possibilitaram um avanço a nível civilizatório e um florescimento cultural que culminou naquilo que os estudiosos clássicos chamam de "Primeira Civilização" ou "Berço da Civilização", (Suméria).

Lemúria e Atlântida existiram em uma época de nosso planeta em que a sociedade não era como conhecemos hoje, em formato de "Pirâmide", mas sim ESFÉRICO a imagem e semelhança do planeta terra. Não é necessário ser muito inteligente para imaginar as grandes diferenças que esse fato gera, na realidade dos habitantes do planeta. 

Éramos uma sociedade em desenvolvimento, com as energias sendo trabalhadas em nome de um integral equilíbrio e auto conhecimento, com alto desenvolvimento de nossas faculdades mentais, sensoriais, psíquicas, espirituais e energéticas. 

Os homens não mentiam, a energia feminina não era reprimida, as sociedades tinham um padrão vibratório matriarcal e as pessoas dedicavam suas vidas a evolução de si mesmas através do ensino e a ajuda ao próximo. (Exatamente o extremo oposto da sociedade patriarcal egocentrica, esclerótica e competitiva que temos hoje). 

Podemos afirmar que, da mesma maneira que hoje temos uma sociedade baseada na evolução e domínio do lado esquerdo do cérebro, ou masculino, que é lógico, pragmático, objetivo, material, essa época do planeta terra estávamos realizando nossa evolução pelo lado direito, que é onírico, subjetivo, artístico, abstrato, espiritual.

Basicamente o problema começou quando esses seres de outras galáxias que aqui estiveram e ao mesmo tempo que nos deram novos conhecimentos, também nos "escravizaram", começaram a entrar em desacordo a respeito de como deveriam interferir ou influir no desenvolvimento evolutivo da raça humana. 

Os Lemurianos acreditavam que a raça humana deveria evoluir por si mesma e que essas raças com mais conhecimento deveriam ajudar apenas quando solicitados. Estavam dispostos a compartir seus conhecimentos e a vida no planeta de maneira a respeitar a evolução natural de nossa raça. Já os Atlantes, acreditavam que por serem mais avançados a nivel cultural e tecnológico, tinham o "direito" de nos "escravizar", deveriam não somente orientar mas DIRIGIR a nossa evolução e ser responsável por ela. A falta de um acordo entre ambos, criou aquilo que ficou conhecido nos registros do planeta como: 

As Guerras Termonucleares


Essa foi uma guerra da qual não houve vencedores, mas apenas a total destruição de ambos os povos e geografias, afetando drásticamente as placas tectônicas e o núcleo do centro da terra, assim como a natureza da crosta, recursos hidrícos e naturais. Foi a partir desse momento que a humanidade começou a desenvolver diversas formas de enfermidades e simplesmente com elas "sobreviver". Uma dimensão fora da saúde e do equilíbrio foi criada e as pessoas começaram a ter de aprender a viver dentro dela.

 Nessa fase da história, o planeta (como faz até hoje, porém a maioria não pode ou não quer perceber) se comunicava telepaticamente com seus habitantes. Nos conta a História que o espírito da Mãe Terra, Gea ou Gaia como diziam os Gregos, que até então era reconhecida por todos como um organismo vivo, com corpo, mente e espírito, que se entendia como o reflexo proporcional macrocósmico de cada ser humano, ficou tão triste, abalada e destruída que "jurou" afundar ambos os continentes num prazo de mais ou menos 30 mil anos e assim a profecia se cumpriu. 

Nessa época "30 mil" anos não era nada, uma vez que os seres que habitavam o planeta, viviam facilmente em torno dos 100 mil anos. 

Só restou a aqueles povos prepararem-se para o grande cataclísma que então viria. 

Tanto Lemurianos como Atlantes, tinham colônias espalhadas por todo o mundo e o país que hoje conhecemos como Egito, era uma delas. As principais famílias que formavam a Monarquia Atlante e sua côrte real, se espalharam pelo mundo pouco antes de seu continente afundar. Com eles levaram os conhecimentos que jazem nos seios das sociedades secretas que controlam o mundo até hoje em nossos dias.



Foi entre o afundar de Atlântida e a Ascenção do Império do Egito, que começou o processo de transformação de uma sociedade esférica feita para o bem comum, em uma "sociedade piramidal", baseada em escravidão e "emprego" das massas que praticavam a adoração de Idolos nas bases, e a existência de um clero sacerdotal e um faraó que criassem as "leis", dogmas, que desenhassem os rituais que as massas deveriam praticar e que moldaram nossos planos conscientes e inconscientes com grandes mentiras e estafas que duram até hoje, como por exemplo a "religião". 

Foi em Babilônia, pouco antes da ascensão do Império Egípcio, onde as famílias reais atlantes já haviam se inflitrado, que nasceu as formas de adoração zoroástricas, que se transformariam no que hoje conhecemos como "Hinduísmo", "Islamismo" e "Judaísmo". 

Ali nessa época foi quando a raça humana foi introduzida e apresentada a diversas formas de rituais e cerimônias, que incluiam beber sangue e comer a carne daqueles que eram sacrificados aos Deuses, fossem esse animais ou seres humanos. 

Aquilo que nessa época era conhecido como: "Escolas de Mistérios", pouco a pouco foram inflitradas pela degeneração moral e ambição gananciosa que caracterizava o câmbio de nossos planos dimensionais refletidos em nossos valores e assim se transformaram em sociedades secretas, criadas e gerenciadas por seres atlantes que estavam entre os faraós e os sacerdotes, nobres e altos fucionários, que assim como as máfias de hoje em dia, criaram clãs com rituais, códigos, sinais e condutas próprias e enfim se infiltraram nas famílias da monarquia e elite egípcia que pouco tempo depois viriam a ser os "Faraós". 

Uma dessas sociedades de conhecimentos ocultos que foram infiltradas, era conhecida como: 

A Irmandade daSerpente e segundo nos comprovam as evidências, ela dirige o planeta terra até os dias de hoje e por isso toda a decoração dos palácios e monumentos desde o egito até os dias de hoje, as bandeiras das famílias reais em todos os locais do mundo, assim como as arquiteturas de suas casas, palácios, castelos, escudos e brasões estão repletas de imagens de serpentes, dragões e seres reptilianos.




A Irmandade da Serpente foi criada por Enki, um dos filhos de Annu, Irmão de Enlil e a príncipio tinha como missão eleger "escolhidos" que tivessem o privilégio de entrar em contato com a Verdadeira origem da raça humana e a verdadeira história desse planeta que hoje conhecemos como: Terra. 

Enki deu essa missão a seu filho Toth, que era um mestre na arte de ensinar e que é o autor do famoso "Livro Egípcio dos Mortos", que ensinava aos seres humanos como proceder depois da morte para habitar e ter acessos as dimensões do paraíso. Porém essa sociedade secreta também foi infiltrada por uma das raças de fora de nosso planeta que disputavam o poder na Terra. Esses eram os Draconianos, da constelação de Alfa Draconis e assim esse Conhecimento foi distorcido, para enganar e escravizar o homem ao invés de libertá-los.

Essa era da ascensão do império egípcio, foi de fato a época do planeta em que esses seres híbridos e reptilianos, passaram mais tempo entre nós, nessa terceira dimensão que habitamos. Caminhavam entre nós, ocupavam postos de destaques, sentaram nos tronos dos faraós e nos ensinaram a realizar distintas formas de sacrifício humano e derramamento de sangue como forma de se gerar a energia e vibração necessária para extender essa presença deles entre nós.



Desde então, a Irmandade da Serpente foi a sociedade secreta que deu orígem aos Cavaleiros Templários, Maçonaria,Cavaleiros de Malta, Ordu Templi Orientis, Rosacruzes e muitas outras sociedades públicas ou secretas. Essas sociedades existem até os dias de hoje, controlam religiões, governos, bancos, exércitos, meios de comunicação e disputam entre sí o poder de controlar a terra e escravizar a raça humana.






Ir ao Egito hoje em dia é realmente como voltar no tempo entre 2 e 5 mil anos, ainda que você esteja em ruas de asfalto, entre automóveis, restaurantes, prédios de grandes corporações e camelôs que vendem artigos de última geração fabricados na China, a preço de banana. 



Tentei Muito, Mas Não consegui fazer uma boa foto, mas pode-se
ver com perfeição o Dragão e a Caveira
debaixo do Cristo Cruficicado.
Uma das coisas mais interessantes que me aconteceu foi no bairro Copta, que é o bairro cristão na capital do Cairo. Repleto de igrejas cristianas, mais do que mesquitas, entre uma Igreja Ortodoxa grega e um cemitério encontrei uma igreja que dizem, foi onde Jesus "se escondeu" e foi ocultado dos soldados do Rei Heródes que segundo a Bíblia, tinham ordem de matar todos os rescém nascidos que encontrassem e crianças até os 3 anos de Idade para evitar a profecia de Um Messías que regeneraria o mundo. A Igreja é escura, rústica e bastante simples.
Qual não foi minha surpresa ao ver, bem embaixo do cristo pregado na cruz, no alto do centro do altar da igreja, 2 DRAGÕES E A CAVEIRA da Sociedade secreta Skull and Bonnes, da qual TODOS os presidentes americanos são afiliados. 


Esse evento reforçou dentro de mim as evidências sobre a Irmandade da Serpente e sobre a bem possível hipótese de o cristianismo ser uma "fraude" milenar histórica. Não estou afirmando que seja, uma vez que desde a adolescência sempre me identifiquei com os ensinamentos de cristo, mas como bom pesquisador, não posso estar fechado para nenhuma hipótese.

Parte Externa da Igreja Onde Dizem ter
"escondido" Jesus Cristo da matança de Heródes.
Apesar de um Bairro Copta e de um convívio entre diferentes religiões até que pacífico, no Egito a grande massa da população é Islâmica e talvez esse simples fato responda por que, a maioria daquelas pessoas, principalmente a grande maioria das mulheres, que estão dentro de burcas que parecem "sarcófagos", baixo aquele sol escaldante e cheiro de suor que impregna o ar, não parecem ser felizes e vivem exclusivamente para a prosperidade do comércio, sem valorar a si mesmo e outras realidades que formam a essência humana. 
Parece mesmo que o deserto é a exteriorização dos intelectos e sentimentos daquele povo que apesar de um passado faraônico de glória e poder, hoje se limita a obedecer ditâmes religiosos e históricos sem jamais questioná-los, se submete totalmente a uma sociedade que militariza os jovens desde os 14 anos de idade, que limita seu povo a uma existência servil de adoração ao mercantilismo e a eterna tentativa doentia de querer vender coisas materiais sem valor, a preços exorbitantes, para depois abaixar esse preço e crer numa "bondade" humana baseada em "descontos" dados em mercadorias.



Talvez menos nos restaurantes, mas de maneira geral, no Egito, todas as coisas tem um preço diferente para cada pessoa, para cada turista ou para o povo local e isso faz com que você se sinta sendo enganado, a maior parte do tempo em tudo o que faz ou em tudo o que compra. Muitas pessoas ao verem que você é de fora, vem falar com você, pegar em sua mão, te tratar bem, te dizer "welcome" como quem não quer nada e te convidam a conhecer seu espaço de trabalho "apenas para dar-te um cartão de visitas", sempre jurando que é "sem compromisso", te oferecem um chá, biscoitos, disfarçam muito bem, juram que querem apenas "sua amizade".



Eu e o Camêlo Taiga (E um Forte vento que "me fez ganhar 30 Quilos").
Mas não adianta, a sede e ambição por vender e arrancar dinheiro das pessoas desesperadamente e a qualquer custo, nesses povos é bem mais forte que os dogmas religiosos. Um passeio de camêlo ou cavalo pelas regiões onde estão as pirâmides, ou um vidro de azeites corporais começa sendo oferecido por um valor exorbitante, até 10 vezes maior do que o valor do produto e depois de tanta insistência, acaba sendo vendido por 5, 10 vezes menos do que o preço pedido inicialmente.  


É comum escutar justificativas como: "Minha filha nasceu hoje", ou "Meu filho mais velho se casa amanhã", para confirmar a "alegria" e a empolgação ("You are my Brother!!!") e uma possibilidade de "já que é assim", se fazer um "melhor desconto". A mentira é um lugar comum entre praticamente todos os comerciantes do Cairo.

 Isso não quer dizer que não existam boas pessoas, bons comerciantes e que você não possa fazer bons negócios e boas comprar no Egíto, mas prepare seu "espírito arqueológico" para encontrá-los.




Quando as pessoas desse passado iam deixando de conectarem-se consigo mesmas e substituindo essa prática pela adoração e realização da "vontade do Faraó", o grande trabalho de DOUTRINAÇÃO MENTAL que nos guia até os abismos morais e existenciais que tão bem conhecemos ainda hoje em dia, começou e até então não parou mais. E os primeiros lugares do planeta terra onde este trabalho de "exorcismo da fé" e das pontencialidades do homem começou, foi ali mesmo naquele continente e nos países africanos que hoje, são os mais pobres e carentes do mundo em todos os graus de existência.




A África, apesar de seu passado rico em histórias, recursos, lendas e conhecimentos, não é o continente mais pobre do mundo simplesmente por que "As elites européias" trabalhem por isso, mas principalmente pelos valores que há pouco mais de 5 mil anos, estão sendo impregnados e foram incorporados nos campos psíquicos, vibracionais e sensíveis daquela gente.





Mais pobres do que os recursos materiais e maior do que as dificuldades daquele povo naquela área do globo terrestre, para se ter acesso ao que quer que seja, são os valores  e crenças, dentro de seus corações e cérebros e isso se caracteriza pela "fé cega" e sem questionamentos a milenares e infantis religiões preconceituosas machistas, que limitam e diminuem a existência da mulher a uma realidade puramente servil ao homem, que usurpam a Verdade sobre as mensagens de Deus e sobre os possíveis contatos entre Ele e os Homens. 
Que negam, censuram e rechaçam a natureza das energias sexuais que perpetuam a vida na terra. Que promovem a desigualdade sociais e culturais entre homens e mulheres, promovem guerras como formas de se conquistar a Paz e ignorância como forma de manter a todos "obedientes".
Que elegem profetas humanos como portadores de "perfeição divina" e que usam antigos livros "sagrados" que bem podem ser estafas milenares, como a "palavra última e imutável" dada por "Deus" a raça humana. 






















Propaganda da "ONU" nas Ruas do Cairo
"Sem Comentários".

Não bastasse todo o desastre psíquico, pobreza moral e injustiças, causadas pelas religiões, o povo egípcio também é "Militarista". Nunca vi tantos jovens de 14 a 25 anos fardados pelas ruas do centro da cidade de um país, como vi no Cairo, andando em bando, cheio de coragem nas atitudes e medo nos olhos. A crença cega e sem senso crítico em uma "segurança" feita por assassinos armados programados para matar (Militares) é parte milenar integral da educação desse povo.



 Não é por acaso que praticamente a totalidade dos países do continente africano é pobre e seus governos matam seus povos, com a eterna e mentirosa promessa de estarem "trabalhando" pelo bem deles. 







Isso acontece simplesmente por que as famílias que naquela época da ascensão do império egípcio começaram a transformar o Sistema em uma Pirâmide e controlar o mundo como até hoje controlam, iniciaram ali naquele continente e nesses países que são os mais próximos daquele país onde viveram os "faraós", o trabalho de levar a bancarrota os valores morais e espirituais que jazem impressos nos chacras, cérebros e corações dos homens. 



Jamais poderíamos ser condenados a pobreza e a miséria na qual a África está imersa, se estivéssemos conectados com os Reais valores e verdadeiras propriedades de nossa essência humana e principalmente Espiritual. 

Mais do que os seres que nos agrediram, fizeram mal e nos escravizaram ao longo da história, fomos nós que (até hoje) prestamos obediência a eles, permitimos que esses danos, agressões e escravitude, fossem feitos.

Que Deus abençoe a todos. Que Deus Abençoe o Egito, A Última Colônia Atlante.

Até a próxima Viagem;

Namastê

Ruy Mendes - setembro 2012





 
“Estação: Índia” –Primeiras Impressões.

Dizem que uma pessoa que vai a Índia pela primeira vez, ou ama ou odeia. Não há meio termo quanto ás impressões que toda a miséria e pobreza dos confins asiáticos, mesclada com uma riqueza espiritual intacta na essência e ao mesmo tempo corrompida no tempo causam ou possam sustentar. Faz algum tempo que remexi emails, materiais antigos, fotos, viagens, coisas que foram feitas há anos atrás quando eu ainda não estava identificado com isso que me transformei através do encontro com a minha essência. Com Isso que me considero e pratico nos dias atuais e os Indianos Chamam de “Dharma”.

Mesmo antes de haver internet, pra ser honesto desde que aprendi a escrever, sempre tive o costume de escrever diários, cartas, mensagens e guardar elas. Os emails que escrevo direcionados a pessoas em geral, sempre são salvos como: “carta a fulano”, “carta aberta bla bla bla”. E buscando essas “cartas” que em verdade são na maioria, rascunhos de emails, eu encontrei alguns até que recentes. Eram emails que enviava a um monte de pessoas, quando estive na Índia, realizando cursos, viajando e mais que tudo aprendendo, entrando em contato com informações que hoje são a base do meu dia a dia e trabalho como terapeuta, ou “Médico Animósico”.

Mais impressionante que os emails enviados, me surpreenderam os endereços de pra quem enviava. Noventa por cento perdi contato, ou briguei, me desentendi, mandei "tomar no cú", escrevi cartas esculachando e não me envergonho nem um pouco de ter aberto mão dessas pessoas e se o tempo voltasse atrás, abriria mão delas uma segunda vez, talvez de maneira mais cruel, ou mais inteligente e sarcástica no que tange a competição e as formas que acontecem uma separação.

Eu era um jovem paulistano, um DJ, ex-produtor de TV que havia abandonado o curso de jornalismo da faculdade no último ano. Era um novato estudante de acupuntura, já há alguns anos estudante que queria ser professor de yoga e tinha medo de ser confundido com “viado” por gostar de dar massagens. Para fazer dinheiro para ir viajar, fazia pães italianos e vendia aos vizinhos e amigos, trabalhava de segunda a quinta feira com as atividades terapêuticas que fazia de maneira tímida e pouco divulgada e aos finais de semana realizava trabalhos como DJ, produzia festas para empresas e tocava em eventos, além de alugar equipamentos de som e luz, mesclando isso com trabalhos de produção que garantiam o meu sustento. 

Tinha amigos em todas as esferas de relação. Amigos de infância, amigos de relação profissional, amigos de bairro, amigos da noite, amigos do clube, amigos do Bar, Amigos de tudo que era lugar.

Assustou-me quando vi que noventa por cento daqueles endereços de email, eram de pessoas que jamais foram de fato Amigas. Estavam em minha vida, faziam parte de minhas relações. Mas foi o próprio tempo e as atitudes dessas pessoas (ou a conseqüência das minhas atitudes) que me revelaram que as raízes daquelas relações eram muito mais um falso glamour que eu provocava e as atraía, somado a capacidade de competição, sedução e inveja, do que a admiração respeitosa e o carinho (amor) sincero dessas pessoas pela minha pessoa. 

Aos 25 anos de idade iniciei esse processo de “deletar” pessoas. “Amputar” gente de dentro de mim que considerava como membros de meu corpo. Gente que eu estaria disposta a dar minha vida por eles, sem jamais desconfiar se o sentimento deles por mim era verdadeiro ou no mínimo recíproco.

Sempre sofri por gerar inveja e desejo. Sempre estive protegido desses sentimentos negativos (fossem meus ou dos outros) pela minha ignorância e prazer em amar o próximo. Eu demorei para ter consciência.

A Índia foi o quarto ou quinto país que estive em minha vida e o terceiro continente. Fui ali sem nenhuma ilusão de novos aprendizados, preparado para jamais mudar e continuar pra sempre exatamente aquilo que pensava que era e com a idéia clara de ter um certificado indiano de “Yoga Siromany” (professor de Yoga) o que eu acreditava que me daria melhores oportunidades na carreira que queria seguir. 

Desde os 18 anos era praticante. Aos 24 me interessei em ser professor, mas não tinha coragem e era desestimulado pela pessoa que me ensinava. Essa me expulsou da escola, depois de pouco mais de 7 anos me dando aula e ensinamentos. Tudo graças ao meu jeito de ser e acima de tudo graças ao meu carisma e sucesso com suas alunas, que ele em vão, há anos tentava comer se tornando aos olhos delas cada vez mais estranho, e eu em poucas horas me tornava grande amigo. 

Nessa escola e com esse professor estudei por volta de 7 anos, enquanto paralelamente entrava em contato com os livros do Professor Hermógenes, que é de verdade quem eu considero meu grande Mestre de Yoga. 

Tenho gratidão por meu primeiro professor, com quem estive nos primeiros anos, mas não posso deixar de reconhecer que era uma pessoa instável, agressiva e megalômana. Ainda assim me permitiu por anos freqüentar suas aulas e crescer nas práticas, até o momento em que esse crescimento começou a afetar seu ego, superar seu caráter e fazer com que ele enxovalhasse o tratamento dado a minha pessoa. 

Eu não tinha escolha há não ser fazer aquilo que todo aluno que desafia e aponta as contradições de seu mestre, faz que é: Beber na fonte em que todos Eles beberam. E se as pessoas que querem fazer dinheiro, ora ou outra vão ter de aprender sobre isso nos EUA, em Londres ou na Suíça, no que tange a yoga, ninguém pode ser ensinado e aprender, melhor do que indo a própria Índia, (berço milenar dessa técnica) e vivendo tudo que acontece na vida de um sujeito que pisa aquela terra. 

Abaixo segue o 1º email que enviei aos meus “amigos” e contatos da época. Relendo posso sentir meu deslumbre, misturado com a pureza sem desconfiômetro, doçura e o prazer em compartir a viagem. Minha total ignorância a respeito da história do planeta terra e da raça humana. Meus parcos conhecimentos fragmentados de história. Minha ilusão a respeito da impotência humana. Meu equívoco sobre os ingleses e a " evolução" ocidental. 

Espero que meus leitores gostem. Em Breve postarei outros registros dessa e de outras viagem, em diferentes cidades, com diferentes impressões e grandes aventuras. 

Por último gostaria de registrar que: É um prazer para mim dividir isso com os leitores de hoje, que sei que me acompanham atualmente e não são poucos, ou pelo menos são muito mais do que aqueles "pretensos amigos" em uma centena de endereços de emails do passado. É um prazer para mim dividir isso com amigos, que não são menos amigos por nunca terem me visto ao vivo e são desconhecidos fisicamente de minha pessoa. 

Sinto muito mais prazer hoje com vocês, do que com pessoas que convivia, considerava e pensava amar, ou pelo menos conhecer. Manterei os textos originais sem quase corrigir nem editar nada e apenas incluirei fotos.

As fotos também foram todas feitas por mim durante a longa viagem e como não sou fotógrafo profissional, desde já peço desculpas. Espero que gostem: Namastê.

Entao...

Eu cheguei a Índia ha 5, 6 dias... E ainda nao havia tido tempo de escrever nem condensar tudo que acontece dentro do amago de um sujeito que pisa nesta terra....
Tumba de Gandhi







Dizem que antes da divisao da pangeia a uns 5 milhoes de anos atras, India, 

china e  america latina eram o mesmo pedaço de terra... se isso for verdade... Por um lado o brasil fez muito bem de se separar da Ásia, para que agora pouco a pouco, cada celula que somos nos, possa vir reencontrar a gota de divina espiritualidade que perdemos.

Nova Delhi, como eu ja disse a alguns.. caos. Gente demais.... uma nevoa cinza que se mistura com os gases de combustiveis fosseis e as fogueiras de lixo que os indianos adoram fazer... 



O fogo tem um significado elementar pra eles aqui... aos poquinhos tenho conseguido entender.

Depois de 2 dias em delhi, estress e passeios turisticos, segui para haridwar... cidadezinha de fanaticos religiosos , sadhus onde alcool e carne sao punido pela lei de forma severa, com cadeia e tudo. La pela primeira vez encontrei o rio ganges (ganga river como eles dizem aqui), Rio enorme e bravo, que corre sem parar atraves de uma baita forca... Sua agua, apesar do monte de gente, e limpa e cristalina.... 





Eu estava decidido a nao entrar no rio. Mas em um momento de "sublime magica" sentado sozinho, numa das escadarias em frente, fui chamado por ele, como um discipulo e chamado por seu mestre, tirei minha roupa e ali me banhei, mergulhando minha cabeca dentro dele por 7 vezes. 




Sua agua gelada engrossou meu fino cabelo, despertou minha pele e rejuvenesceu toda minha aura. O ganges nasce no gangotri, e antes de chegar ao gangotri, vem do mundo espiritual. 
Foi a India
 o local escolhido pelos seres da espiritualidade, para guardar para os homens os conhecimentos e os segredos do mundo invisivel e da sabedoria atemporal do universo. Para nos ai do brasil isso pode parecer loucura, mito ou lenda, mas pra eles aqui e algo bem trivial e simples, faz parte.



Depois de 2 dias la em haridwar, segui finalmente para Rishikeshi (de tata, uma especie de mototaxi que eles guiam como tarados...). 






Rishiskesh e conhecida como a capital mundial do yoga, (foi aqui que os beatles gravaram o white album e conheceram o Mararish Marresh) e sinceramente era o principal motivo de minha vinda para ca. Aqui estou extasiado. 



A cada esquina a um curso de massagem, uma escola de yoga, praias de areia fina banhada pelo ganges e todas as coisas sao muito baratas.... imagine vc pegar transporte a menos de 50 centavos, receber massagens por 10 ou 20 reais, praticar diferentes linha de yoga em troca de donativos, se hospedar num resort, jantar em bons restaurantes por 3, 5, 6, reais..... a moeda aqui vale nada.. ou ainda menos do que isso... cada 20 rupias e equivalente a 1 real... portanto quando quiserem gastar pouco pra viajar, venham a India...





Devo me extender por aqui por pelo menos um mes e depois devo seguir para varanassi e goa.... mas isso ainda nao e certo, pois num segundo tudo pode mudar.

A parte que menos gosto desta viagem e fazer tudo só (apesar de ter feito amigos e ter conhecido pessoas) mas quando digo só, e porque nenhum de vcs, principalmente os mais intimos estao aqui... e nao sao poucas as horas que me imagino recebendo a reação e o comentario de cada um, em cada momento engracado, espantoso e etc....


As principais conclusoes que aqui cheguei por enquanto foram: 

"A invasao inglesa foi uma bencao para o povo daqui!" 

"O Indiano vibra na adolescencia da espirtualidade". 

"Ghandi é imbativel!" 

"Yoga é autoperfeição e a busca por essa". 

"Aqui seria nada sem nós e nós seriamos nada sem aqui". 

"Tudo é como tem que ser". 

"Bom mesmo deve ser ser uma vaca na Índia mais sagrada e respeitada que tudo, sempre a vontade e mimada.... e so por que da leite..."




Um beijo a todos e obrigado por serem cúmplices e parceiros nessa viagem e confissão.

Assim que puder, escreverei mais. Fiquem a vontade para responder e caso nao estejam gostando, basta me pedir e eu desadiciono desses longos e cansativos emails, ok?!

Hare OM, namaskar
Ruy





Capadócia –Vestígios de uma Civilização Intra-terrena e Extraterrestre:



Eu não sabia quase nada sobre as cavernas e as civilizações que habitaram a região da Capadócia e Anatólia, quando em 2009 resolvi ir á Turquia. Sabia apenas que era a terra do soldado guerreiro que desafiou a Elite da época e ficou conhecido na história como: “São Jorge”.  Foi ele que em meio á reunião das cortes romanas que programavam dizimar a todos os cristãos, se levantou espantado com aquela decisão e disse pela primeira vez que: “Todos os romanos deveriam se converter ao cristianismo”.




Todos os membros daquela reunião se espantaram de testemunhar um membro da “suprema corte romana” defender com tamanha ousadia a fé em Jesus Cristo. Ao ser questionado por um cônsul sobre a origem dessa ousadia e atitude, Jorge respondeu que aquilo tudo era por causa da VERDADE. 

O Cônsul insatisfeito e arrogante, ironicamente o questionou: “Mas o que é a Verdade”? E Jorge prontamente o respondeu: “A Verdade é Meu Senhor Jesus Cristo, a Quem Vós perseguis e Eu Sou Servo e nele confiando me pus no meio de vós para dar testemunho dessa verdade”.


Como Jorge mantinha-se fiel ao cristianismo, o imperador tentou fazê-lo desistir da fé torturando-o de vários modos. E, após cada tortura, era levado perante o imperador, que lhe perguntava se renegaria a Jesus para adorar os ídolos. Todavia, Jorge reafirmava sua fé, tendo seu martírio aos poucos ganhado notoriedade e muitos romanos, tomado as dores daquele jovem soldado, inclusive a mulher do imperador, que se converteu ao cristianismo. Finalmente, Diocleciano, não tendo êxito, mandou degolá-lo no dia 23 de abril de 303, em Nicomédia (Ásia Menor).



Mas quando estive em Istambul, algo me dizia que eu deveria ir pra lá e assim o fiz, pegando um ônibus que me deixou na cidade de Ürgup, depois de pouco mais de 10 horas de viagem. Nas paradas de ônibus nas estradas me recordo de ser observado pelos seguranças dos bares, que não eram poucos. Cada bar de beira de estrada tinha em média 10 seguranças paizana que ficavam orientando as pessoas na fila do caixa sempre atento se elas estavam ou não roubando. Eles tinham uma desconfiança declarada que não faziam questão nenhuma de esconder, assim como uma certeza nos olhos de que eu estava esperando uma oportunidade de “roubar” ou sair com a mercadoria que elegi para comer ou beber, “sem pagar”. Isso me ajudou a entender melhor a fama que os turcos criaram ao redor do mundo. Turcos, romenos, marroquinos, entre outras antigas nações que foram grandes impérios guerreiros e saqueadores, tem a mesma fama de serem ladrões ou aproveitadores ao redor do mundo (A Lei do Karma é Justa, Implacável e como a vida, jamais se apieda).

Durante a viagem, o visual da estrada, era de imensas plantações do que pareciam ser batatas, onde senhores velhos e senhoras de idade e de roupas que cobriam todo o corpo, mesmo debaixo de um sol escaldante, pareciam trabalhar sem jamais ter tido descanso ou férias.



Ao chegar á região conhecida como Capadócia, A Primeira impressão que tive foi de um imenso “glacê” de areia, com pequenas, médias e grandes montanhas basálticas, onde se abriam pequenas janelas e portas, onde pessoas pareciam estar vivendo da mesma forma, desde há muitos milhares de anos. É bastante impressionante. A Beleza natural singular que eu jamais havia pensado que existisse, parecia um conto de fadas venusiano. Parecia a superfície lunar ao vivo e a cores com um sol de rachar. 





O Povo daquela região parecia habitar aquelas terras há muitos milhares de anos. Ao mesmo tempo, seus olhos revelavam uma relação diferenciada com a existência, pareciam contaminados com os valores rastejantes reptilianos do capitalismo, a febre do ouro, a cobiça e ganância.  Faltava pouco mais de um ano ainda para que as informações que hoje trabalho sobre as raças extraterrestres como dos reptilianos chegassem a mim através de pesquisa e registros akáshicos. Mas meu inconsciente já estava estudando e recebendo informações sobre ela entrando em contato com aquela região, o povo turco, principalmente o povo da Capadócia e Anatólia.

Depois de uma parada de poucas horas em Ürgup, me dirigi a Göreme, onde encontrei um hotel barato e muito bom, com wi-fi, uma bela suíte a preço bem modesto que não ultrapassava os 10 euros/dia.

Foi á última vez que vi minha ex-namorada com quem convivi por nove anos e nos vimos por webcam. Foi a primeira e única vez que nos masturbamos juntos a distância, praticando o que as pessoas conhecem como “sexo virtual”. Aquilo serviu apenas para reforçar o imenso sentimento de engano que eu censurava dentro de mim a respeito dela e de nosso fracassado relacionamento.




Göreme foi a minha base. Ali pernoitava e durante o dia ia conhecer as diferentes cidades e suas atrações turísticas. A melhor coisa que existe em qualquer lugar da Turquia são as casas de banhos. 

Locais ancestrais que existem desde antes de cristo e os homens se reúnem para receber massagem e banho de outros homens que ali estão para esse serviço. Tudo feito com respeito e pudor, enrolado em toalhas de pano xadrez de diferentes cores, e auxiliado por espumas de banho e azeite de massagem.

Existe um contato humano dentro desses lugares, que não é feito através de palavras. Como se esse serviço de limpar o corpo do outro e massageá-lo como uma profissão e não com interesses de sedução ou eróticos, fosse a verdadeira forma cristã de os turcos manterem suas raízes vivas.



No primeiro dia em que eu cheguei, havia um velório em praça pública. Homens de semblantes tristes se amontoavam para carregar um caixão que senti, era de uma pessoa querida e já bem anciã.


 




Como todos aqueles que acabam de chegar num lugar novo e tem tempo de sobra, fui aproveitar as atrações que imaginei que estavam mais perto do meu hotel e deixei para realizar os passeios mais importantes e de destaque no dia seguinte. 


Resolvi ir até o pico de uma montanha em frente o hotel, onde havia hasteada uma bandeira turca, encima de uma estrutura que parecia o teto de um observatório. Ali encontrei jovens estudantes de não mais de 15 anos, que fumavam marlboro e bebia coca-cola, o que também bebi enquanto os observava. Ali contemplei a paisagem, imaginei como teria sido para “São Jorge” vir da Palestina a cavalo e depois de tanto tempo ser conhecido como um ser daquela região: “Jorge de Capadócia”.





Era um imenso céu azul. Uma calma que eu estranhava já que tinha todas as minhas referências do mundo muçulmano, relacionado com as mentiras dos sionistas sobre o terrorismo árabe e todas as falsas informações que os meios de comunicação propagam insistentemente para que jamais saibamos quem são os verdadeiros governos do mundo e quem governa através do mal.




























Céu, mato, montanhas, areia basálticas que variavam do tom marrom ao rosa, pedreiras e marmorarias que pareciam ambientes fantasmas. Torres e minaretes adornavam quase todas as construções. 

Aquilo só parecia ocidente quando me dirigia as praças, bares e atrações turísticas. No caminho de uma das montanhas, reparei que; Os problemas de moradias enfrentados pelo governo turco, era facilmente resolvidos pelos cidadãos que escavavam suas casas nas montanhas de rocha e areia. 


 


Num desses caminhos havia um depósito de lixo, com um lindo gato de pêlo branco e laranja, assim como a bandeira da Espanha e dos estados unidos cobrindo algumas caixas de papelão, e uma embalagem das batatas pringles e ainda uma garrafa de água mineral. 


Pedi a um senhor que num desses buracos-casa vivia que me deixasse fazer uma foto dele em seu habitat, ele aceitou, me tratou muito bem e não parava de sorrir um sorriso que me dava aflição, pois seus dentes além de podres parecia estarem infeccionados á anos. Eu queria ter registrado seu sorriso franco e honesto sem dentes, mesmo com aquela estética grotesca, mas quando percebeu isso se limitou a cerrar os lábios e olhar com honestidade para a câmera.





Meus dois primeiros dias de passeio foram por florestas, bosques que pareciam encantados e aumentavam mais ainda a impressão de vida na antiguidade. 



As borboletas eram centenas, a luz que batia nas pedras era diferente do que eu estava acostumado. 


Algumas rochas guardavam desenhos rupestres religiosos de escombros do que um dia foi ritual de monges, que viviam em cavernas.  As Agências de passeios, apesar da simpatia de seus donos, se revelaram como verdadeiros mercenários capitalistas. Num dia em que eu desisti de fazer o passeio pois estava cansado, o motorista da agência esteve insistindo por quase uma hora para que eu fosse. Me esperou atrasando o passeio e irritando a todos, apenas para não perder dinheiro.Eu constrangido, acabei atendendo sua insistência e me desculpando com o grupo de turista que ele fez me esperar. 



Os turcos são assim, simpáticos, mas muito interessados. Não sentem a menor culpa em mentir para ter o mínimo de vantagem financeira. Graças a deus, para toda regra existe excessão e essa eu pude conhecer ao longo dos dias em que ali estive. Mas de fato “a regra” domina a essência dos atos daquele povo milenar, que ficaram conhecidos ao longo da história como excelentes bárbaros e comerciantes.



A perfeição das curvas nas esculturas da rochas, me davam a dimensão do quanto minha sensibilidade era grosseira para a arquitetura e que, se dependesse de mim e de minha inteligência, muito provavelmente a humanidade não teria saído da grosseria rupestre e estaria até hoje a luz de velas, pois eu não me imagino “descobrindo a eletricidade” ou ainda desenvolvendo técnicas de melhoria arquitetônica, seja em pedra, areia ou o que for. 
Foi ali pela primeira vez que eu de fato intuí e constatei que a tecnologia material que tem nos escravizado desde a queda do Egito e hoje ainda nos escraviza, não é de origem humana.










Infelizmente, no dia em que fui levado a conhecer as cavernas e cidades subterrâneas, onde dizem os turcos: “seres humanos” habitavam durante longos tempos de guerra, não contava com um bom flash para a câmera que tinha. Portanto as fotos saíram escuras, algumas completamente inúteis. 











Mas o que devo dizer é que, as cavernas da capadócia são sim grandes cidades subterrâneas, que contavam com mais de oito diferentes andares de cima abaixo, podiam abrigar até mais de 10 mil pessoas sem necessidade alguma de contato com o mundo externo. Havia lugar para os animais serem alimentados. As cidades possuíam lojas de alimentos, cozinhas, estábulos, igrejas, prensas de vinho e azeite, poços de ventilação, poços de água e uma escola religiosa.








As partes liberadas a visita turística não chegam a 10 por cento da realidade daqueles subterrâneos, que tem ligações com outras cidades através de túneis com mais de 20 quilômetros de distância. 


Aquilo me impressionou tanto, que naturalmente fui posto em contato com as teorias sobre a “terra oca”, os povos intra-terrenos evoluídos que estão no centro da terra e cuidam de parte da energia sagrada do planeta.

A história oficial nos afirma que graças a essa habilidade dos hititas e demais povos que dominaram aquela região e aprenderam a viver debaixo da terra, muitas guerras foram vencidas “por W.O”, ou seja: Os inimigos simplesmente encontravam “cidades-fantasmas” abandonadas sem pessoas que pudessem ameaçar e matar. Cristãos foram salvos de grandes massacres graças a esse singular talento de adaptar-se aos subterrâneos. Os monges que aquela região habitavam era especialistas nessa adaptação de trocar a superfície pelas cavernas e usar essa realidade como parte de sua dieta de “martírio” e “sacrifício”.












De todas as pessoas que conheci, a mais impressionante foi um senhor que tinha uma modesta barraca de vender diferentes tipos de chá. Passei aproximadamente duas horas com ele em seu agradável estabelecimento, onde fui apresentado a um famoso poeta turco, que recitou poemas em sua língua, em troca de eu recitar os meus em português.

Sem dúvida que os cenários do interior da Turquia, foram dos locais mais mágicos e belos que visitei em minha vida.




Ali em Capadócia, compreendi perfeitamente quem afinal era o tal "dragão" que São Jorge havia matado e que eu sempre me questionava se havia existido, em meus tempos de catecismo. Ali compreendi o porque a Igreja Católica Romana não Aceita, nem beatifica, nem reconhece São Jorge como um Santo e sobre isso não falam nada. 


Considero que pela primeira vez, entrei em contato com a realidade de seres reptilianos que se infiltraram no DNA da humanidade e estão camuflados até hoje entre nós, em nossa elite aristocrática e monárquica, como “seres humanos”, sendo que em verdade são híbridos de seres humanos e outras raças que habitaram o planeta. 

O próprio general e imperador Júlio Cézar foi conhecido em sua época e é reconhecido até hoje por historiadores sérios, como: “sobrinho e herdeiro direto da deusa Afrodite” e quem conhece a história e biografia de Julio Cézar,  estranha a sorte e ousadia desse brilhante general, que precisou ser morto por seus “amigos” e correligionários, para ser freado em sua ambição por poder e glória e para que a república fosse salva.

De fato o que a verdadeira história do planeta terra nos conta, seja através de livros sagrados como a “bíblia” ou através de pesquisadores que ousaram aceitar a marginalização e ridicularização da comunidade científica é que:
“Os deuses" quando viram as fêmeas humanas, ficaram por demais impressionados com a beleza dessas e assim as possuíram tendo filhos com elas e criando essa elite de seres híbridos de humanos com outras raças, Elite essa que ficou conhecida como “Os filhos dos Deuses”.Essa linhagem sanguínea diferenciada do DNA da raça humana está hoje entre os seres que conhecemos como as “Famílias Reais” e nas aristocracias que estão logo abaixo dessa na pirâmide de manipulação social. 

O mundo social em forma de pirâmide foi uma criação genial desses “Deuses” (e seres de outras raças que disputam a nossa escravidão e domínio) após o afundamento de Atlântida e início do império egípcio. Não é natural uma sociedade em forma de pirâmide, já que a própria forma de nosso planeta é esférica e circular. Tudo isso foi criado pela psicologia sanguinária de seres altamente evoluídos psiquicamente e que escolheram não evoluir mais, pois com o conhecimento que tem, são livres pelo universo.   

O futuro de nossa raça e de nossa sociedade tende a sair do formato pirâmide e migrar para harmonia circular.  Assim, nos próximo cem ou duzentos anos, acabaremos com a divisão de classes e todas as mentiras que fragmentam, manipulam e separam os seres humanos de um conceito de verdadeira irmandade e família.

Recomendo a todos que visitem a Capadócia e realizem suas próprias pesquisas e estudos a respeito da verdadeira história da raça humana e do planeta terra. Mais que fazer pesquisas, busquem conhecer vocês mesmos, acessar os registros akáshicos, onde toda a verdade está catalogada e pode ser acessada.

Que deus abençoe o conhecimento e a sensibilidade de todos.

Namastê
Ruy Mendes – junho 2011.










2 comentários:

  1. Olá. Gostei muito do seu trabalho. Moro na cidade sagrada de Muzambinho ( Minas Gerais Brasil). Ninguém sabe que a cidade é sagrada ou um dia será Consagrada. Apenas poucos conhecem os símbolos espalhados pelas ruas e praças tais como desenhos de peixes e estrelas no chão, Cruz de Pedra Rosa no centro da cidade, Letras gregas com IHS , estrelas de cinco pontas nas fachadas das casas, fonte fálica de pedra e camaras subterâneas no centro da cidade. Se tiver interesse busque fotos no google imagens( vai encontrar poucas fotos dos simbolismos mas alguma coisa achará) Meu fone de contato (35) 8429-8529. Existe um bairro chamdo Jardim das Rosas Vermelhas Socialista , bairro Canaã e bairro Alto dos Anjos. ( vale a pena conhecer) abraço Fernando Magalhaes Sene

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde. Gostei muito das pastagens. Seu trabalho é muito interessante. Fiquei na duvida quanto a questão da hibridização entre humanos e reptilianos. Seria por ato sexual ou de outra forma. Levo em conta que provavelmente o DNA deles seja diferente do nosso sendo impossível a união desses. E mais, seria possível a existência de reptilianos entre nós que fazemos parte das classes inferiores ou somente nas reais e elevada aristocracia? Abraços.

    ResponderExcluir

Obrigado Pelo Seu Comentário

Ocorreu um erro neste gadget

Visualizações de páginas da semana passada