segunda-feira, 30 de abril de 2012

Kymatica - As Sequélas da Agenda Esotérica

O Documentário de Hoje é uma Brilhante e científica pesquisa assim como detalhada explicação sobre a Verdade de Nossas células assim como a Verdade sobre esse macro organismo onde vivemos, chamado Planeta Terra.


O documentário:  "Kymatica - Agenda Esotérica" é a síntese onde converge e se explica as relações viscerais entre a física quântica, a ciência convencional, a filosofia, a evolução humana e a ansiedade de nossa raça de compreender e conhecer a si mesmo e os "por ques" de sua existência.

Dirigido por Ben e Dan Stewart o vídeo-documentário feito em 2009 e que tem pouco mais de uma hora e vinte minutos, prima pela excelência, simplicidade e pela maneira objetiva que trata as informações ao desmistificar antigos ritos, histórias e lendas que foram introduzidas em nossas culturas, principalmente a cultura ocidental judaico-cristiana, como dogmas e "verdades" incontestáveis que até pouco tempo atrás eram tabus sobre os quais não se abria espaço para discutir a respeito e pesquisar sobre.




O documentário cria um paralelo entre o mito de que o planeta terra seja uma "massa amorfa e indefesa" assim como as células que formam os seres vivos sejam como "operários" inconscientes sem vontade própria.


Muito pelo contrário, o vídeo nos mostra e comprova de maneira bastante didática e científica como o ser humano, esse complexo feito de mais de 50 trilhões de células é muito mais do que um simples corpo material perecível ao tempo e feito a nível microcósmico a exata imagem e semelhança estrutural da qual foi feita nosso planeta e ambos evoluem harmonicamente.

Ao contrário do que a ciência convencional trabalha para nos convencer, as células de nosso corpo sentem, se alimentam, pensam e se comunicam umas com as outras. Ao contrário do que as cátedras universitárias trabalham para nos convencer, nosso planeta está longe de ser essa "massa amorfa indefesa" que o "homem" destrói ativamente enquanto ela se condiciona de maneira passiva a essa destruição.




De maneira impecável através desse documentário entraremos em contacto com as estruturas eletromagnéticas do planeta terra assim como do corpo humano e diversas pesquisas científicas que não são divulgadas por meios de comunicação ou pelas estruturas mundiais de mídia e ensino, uma vez que se divulgadas, romperiam os pilares da educação e doutrinamento mental impostos a raça humana até nossos dias.



A influência dos câmbios de radiações do sol central galático em nossa atmosfera, devido ao espaço que ocupamos no cosmos a cada 26 mil anos (onde nos encontramos adentrando nos dias de hoje) aumentam a velocidade do movimento de rotação e translação de nosso planeta terra. Isso tem efeito direto em nosso sistema cardíaco, de chakras e em todos os nossos sistemas materiais físicos, sutis e vibracionais. Por isso cada vez mais os dias parecem passar mais rapidamente e durar menos.

Em pouco tempo isso possiblitará a toda humanidade entrar em contato com outras faixas de frequência de realidade, tanto material quanto etérea, como hoje em dia é privilégio somente de "médiuns" não bloqueados e seres extra-sensíveis. As mudanças em nossos sistemas cardíacos, de chakras e endócrinos fará com que novas informações sejam assimilidas por nossos sistemas de percepção (que vai muito além do simples complexo cerebral responsável pelos mecanismos do corpo físico).





Um paradoxo que confirma e explora a consciência como o grande molde universal que cria a matéria e a realidade tridimensional onde vivemos hoje. 




Em um sistema de percepção limitado pela linguagem, essas informações costumam soar polêmicas ou simplesmente, "conspiracionistas", "alternativas", "utópicas", "teóricas", mas o grande fato que a ciência convencional tenta, mas já não pode negar é que a consciência cósmica e nossos padrões de vibração determinam tudo o que sucede na matéria propriamente dita, onde a maioria de nós tem limitado seus conceitos de percepção e realidade.






As frequências de vibração de nosso planeta atuam em consonância com todos os sitemas biológicos e vice versa. 


Isso explica e confirma o por que meios de comunicação em geral, dão prioridade para más notícias e informações negativas.

Por que os cartéis da indústria farmacêutica, ignoram e depreciam as formas de curas alternativas e assim fazem impérios financeiros através da propagação de enfermidades e controle de vacinas, muito mais do que da facilitação e cura de enfermos ou o direcionamento das grandes massas para um estilo de vida consciente e saudável. Muito pelo contrário esses sistemas nos direcionam para um conceito de existência, totalmente voltado para o consumo de coisas supérfulas e uma alimentação suicída.

Existe uma tendência nos meios de comunicação e ensino de querer empurrar "goela abaixo" das pessoas a idéia de que o mundo é um "caos" o qual é impossível(?) organizar e que governos e instituições fazem o melhor que podem para "organizá-lo". Isso é MENTIRA.

Existem movimentos dentro do stablishment e na ponta da pirâmide social, realizados com a intenção de manter o Status Quo e o Poder dos recursos naturais e da Informação nas mãos de uma minoria reduzida, para que assim a grande massa humana que habita as bases da pirâmide social no planeta terra, possa ser manipulada de forma mais eficiente, por menos de um por cento de seu total, que há milênios e milênios se mantém nesse topo da pirâmide, impedindo a evolução da civilização como um todo.



Disso se trata a famosa "Agenda Esotérica" da qual trata o documentário, que as Elites mantém desde tempos imemoriáveis e em nossos dias cumpre 90 por cento de seus objetivos, faltando apenas ter condições de inserir microchips em toda a população mundial, para controlar essa desde uma única central-base.




É importante lembrar que o Presidente Barack Obama já sancionou e aprovou a Lei que obriga todos os cidadãos norte-americanos a partir do ano de 2013 a terem microchips inseridos debaixo de suas peles e corpos. Nesses constarão todas as informações de saúde, bancária, celular entre outras de cada indíviduo. 


Abaixo temos o exemplo de dois vídeos:

Um telediário de língua castelhana, que faz uma reportagem sobre essa lei e proposta de microchipagem da população e o outro vídeo é um comercial veiculado na inglaterra usado para ganhar a simpatia da opinião pública sobre esses implantes.





É extamente esse evento da implantação de microchips na população em escala a nível mundial, que definirá se o futuro da raça humana será de Facismo ou de Liberdade.

Para as pessoas que já perceberam ou apenas desconfiam da grande mentira que se sustenta por detrás dos principais meios de comunicação e comunidade científica, Kymatica é o documentário ideal para entrar em contacto com mais e novas contra- informações e realizar de maneira tranquila e verdadeira, uma melhor e mais eficiente abertura de consciência.

O documentário "Kymatica, Agenda Esotérica" tem uma hora e vinte poucos minutos. É em inglês com legendas em castelhano, mas pode ser encontrado no youtube legendado para o português, porém divididos em 10 diferentes volumes. Segue logo abaixo desse último parágrafo. Bom filme:










Que Deus abençoe a Todos

Namastê

Ruy Mendes - Abril de 2012

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Extraterrestres na Antiguidade - Capítulo III - A Missão

Hoje apresentaremos o Capítulo III da Série "Extraterrestres na Antiguidades, produzido e exibido pelo History Channel.





Em "A Missão", entraremos em contato com dezenas e dezenas de depoimentos, entrevistas, fatos e evidências compilados pelos diferentes e não menos prestigiosos, pesquisadores e estudiosos que arriscaram suas carreiras e o ostracismo da comunidade científica sustentando teorias diferenciadas que afirmam realidades bem diferentes daquelas sustentadas pela comunidade acadêmica e científica a respeito da história do planeta terra, da origem da raça humana, vida em outros planetas, a viagem a Lua, as linhas de Nasca nas montanhas do Peru, a teoria Darwinista sobre a evolução do homem entre outras mensagens e informações que para a grande maioria é "novidade". (uma novidade de 450 mil anos)


















Nesse programa as pessoas mais uma vez serão apresentadas ao já falecido arqueólogo e tradutor Zecharias Sitchin, um dos pouquíssmos homens que enquanto na terra viveu, foi capaz de compreender e traduzir a linguagem escrita dos sumérios.



Qualquer pesquisador superficial, sabe que foi na Suméria que os grandes avanços da humanidade aconteceram e por isso esse lugar do mundo onde hoje se situa o Iraque ficou conhecido entre os meios de historiadores como o "Berço da Civilização". O Uso do ouro como condutor de diversos tipos de energia, a agricultura, o pastoreio de animais, a canalização e desvio dos cursos das águas para as necessidades humanas, entre outras formas de evolução que fizeram a raça humana deixar de ser nômade e os encaminharam para o que hoje conhecemos como "civilização", são comprovadamente heranças de aprendizados que aconteceram na Suméria.



Na segunda metade do século XX, foram encontradas na região da antiga Mesopotâmia, baixo metros e mais metros de terra, as famosas "Tablillas" de argila em escritas cuneiforme (que eram mais de 22 mil) onde boa parte da história do Povo Sumério foi então registrada. Essas foram traduzidas pelo famoso escritor e pesquisador, aqui nesse blog várias vezes citado, Zecharias Sitchin.



O Capítulo III da série tem como subtítulo "A Missão" pelo fato de explorarem nesse capítulo as evidências históricas em diferentes culturas mas principalmente a Suméria, o como e porque, uma raça de outro sistema solar, conhecida como Annunakis, vieram a terra para realizar a missão de encontrar e levar ouro. Uma vez que necessitavam de moléculas de ouro na atmosfera de seu Planeta (conhecido como Nibiru) por ser esse parte fundamental a estrutura do equivalente  sua "camada de ozônio".

Ao chegarem aqui se surpreenderam com a quantidade de ouro, mas parte da expedição se rebelou uma vez que era muito difícil realizar as excavações e trabalhar nas minas. Após a rebelião decidiram que necessitariam de trabalhadores, melhor dizendo, "escravos" para realizar esse trabalho e o que havia disponível era o que a ciência nos ensinou ser o "Homo Erectus", que até então não possuía muita inteligência e por isso, teve sua genética modificada por engenharia Annunakis. Segundo os antigos registros dos Sumérios, assim foi criado o primeiro homem feito a "imagem e semelhança" dos "Deuses";
"Adão", (que em sumério é "Adamu" e significa o "1º Homem"), em Hebreu significa "Homem".

Esses foram os primeiros Humanos Modernos criados ha 450 mil ano atrás, bem diferente do que ensina a Bíblia, o Darwinismo, o criacionismo e as matérias tidas como "oficiais" por serem reconhecidas por um corpo de velhos decrépitos senhores da "Royal Society" que "oficializam essas e outras "teorias" que foram e são imprimidas em nossos planos conscientes e inconscientes como "Verdade".

O que é também curioso é que quase todas as "histórias", "Deuses", "Profetas" e "Eventos Santos" contidos no velho e novo testamento bíblico da atual bíblia usada pelas igrejas católicas e evangélicas para ordenhar seus rebanhos de fiéis, tem equivalentes Sumérios, Fenícios, nas religiões da Índia e em dezenas de outras culturas e suas religiões, o que em parte confirma e corrobora para as evidências e suspeitas sobre a Bíblia ser uma fraude ou a Cópia da cópia, da cópia da cópia de diferentes compilações "sagradas" que há milênios e mais milênios atrás, foi e ainda é usada como forma e adestrar e doutrinar as massas.







Segundo Sitchin, somos o resultado da mescla do DNA do Homem Primitivo com o DNA dos Annunakis e desde então uma sociedade em forma de pirâmide foi criada e até hoje é mantida básicamente da mesma maneira: "Faraós", "Reis", Pessoas de "sangue-azul" e herança genética Reptiliana-Annunakis são mantidas no topo sendo servidas por uma massa de escravos-trabalhadores que se mantém nessas condições principalmente graças a meios de doutrinação mental e lobotomia em massa conhecidos como "religiões".








Óbviamente que para manter esse sistema intocável, ele teve de ir se adaptando e sendo moldado, conforme as massas evoluíam com o tempo. O que antigamente era feito no topo com faraós, reis e humanos que se consideravam "deuses" hoje ainda é feito, porèm com "Idolos" da cultura Pop, do mundo dos esportes, das Letras, da ciência e etc. O que é importante que as pessoas entendendam é que não faz tanta diferença o que está sendo adorado, desde que as massas vibrem e criem a energia coletiva da "adoração".









As teorias, propostas e evidências apresentadas nesse documentário nos ajudam a compreender melhor o por que(?) por exemplo o continente africano, sendo o lugar de nosso planeta com mais ouro abundante em seu subsolo, ou o mais rico em recursos naturais e matéria-prima é onde mais pessoas são subjulgadas, escravizadas e vitimizadas pela miséria e pela fome. Existem minas de ouro em diferentes partes da África que datam de mais de 150 mil anos atrás. Em dezenas de idiomais africanos a Palavra "conhecimento" significa literalmente "vindo das estrelas" ou "iluminado". Diversas culturas africanas que o império inglês tentou liquidar e tenta até hoje, nos ensinam através de suas antigas histórias que "homens desceram do céu" em "naves" trazendo "conhecimento" e "abençoando" a humanidade. Esses foram recebidos e por muitos povos são adorados até hoje como "Deuses". Lendas zulus afirmam que "seres das estrelas" vieram a terra em busca de ouro. Entrar em contato com as informações desses documentários nos faz compreender melhor "Por que"(?) Os Americanos ao invadir o Iraque nessa última guerra, trataram de destruir e dizimar a coleção de diferentes museus daquela região. Curiosamente num desses museus que foram destruídos, estavam as "Taboas" de argila traduzidas por Zecharias Sitchin que contavam a história da civilização registrada pelo povo Sumério.









Abundam evidências e quase comprovações em diferentes culturas de nosso planeta de que a cultura antiga foi recheada de experiências que o conceito anglo-americano de comunidade científica e tecnologia, simplesmente desprezam e "ignoram" não por ser "mentira" ou por não ter como ser "comprovado", mas simplesmente por que derruba de uma vez por todas os pilares da sociedade assassina por eles criada e por nós sustenadas.

Espero que tenham uma boa sessão de documentário.

Que Deus abençoe a todos. Que deus Abençoe os Annunakis.

Namastê

Ruy Mendes - abril 2012

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Emêtevê e Cultura Fashion



A Bestialização da Juventude em Video-Clip e "Comédia"

Assim pode ser definido o recheio da grade de programação da emissora MTV (Music Television) que nasceu em 1981 nos EUA e na década de 90 surgiu no Brasil fazendo a cabeça dos jovens que hoje tem mais de 30 anos, entre eles eu Mesmo. Era super legal ver o "Fúria Metal", O "Yo Raps", "Lado B" e diversos outros programas (que para nós adolescentes brasileiros da década de 90 era então quase uma "novidade", uma vez que já tínhamos vistos os programas "Grito de Rua" e "Clip Trip")  que talvez ainda existam hoje em dia, ou foram remodelados mas em essência ainda devem ser exatamente os mesmos em forma e conteúdo que sempre foi: "Vjeizinho" descolado na pose da moda (lendo o teleprompter como se fosse o maior fã conhecedor de bandas) promovendo a cultura pop (maquiada de "alternativa") e a excentricidade irreverente de seus "artistas", de maneira frenéticamente repetitiva, lançando gírias, modas e tendências e mais que tudo, PADRONIZANDO a mente dos jovens.



Wherever, vamos ao ponto do qual trata esse blog:



MTV é uma experiência e invenção dos Illuminatis (como foi o Heavy Metal, como foi o "Feminismo" entre outros movimentos de massa, direcionados para diferentes públicos e para diferentes finalidades que tinham como prioridade a MANIPULAÇÃO) que tem a missão de fazer exatamente isso que faz:
Criar um padrão mental que manteha os jovens vibrando em uma mentalidade de rebanho, onde todos "achem tudo legal", vejam sempre o "lado positivo", concordem e descordem sobre as mesmas coisas, confirmem para sempre e cada vez mais o "Materialismo" como a única realidade. 


Mais que tudo, a missão da MTV é  manter a juventude longe de um contato intenso e profundo consigo mesmo e principalmente com a espiritualidade, permitindo que essa seja quase sempre encarada apenas do  ponto de vista caricato das "igrejas" e religiões".


Através do comportamento apelativo dos "Idolos" de seus programas e casting, os jovens pobres e ignorantes (de todas as classes sociais) do 1º e do 3º mundo são alimentados de cultura e ilusão, são subliminarmente convencidos a serem para sempre aquilo que são (jovens do 1º ou 3º mundo), tendo seus campos psíquicos e emocionais recheados de conformismo e consolo, maquiado de "comédia" e "vídeo-clip", mais do que de conhecimento e atitude.

Junto com a comunidade científica, com a Imprensa, com o Sistema Acadêmico, Bancário e outras estruturas que comandam o planeta terra e escravizam a raça humana, a MTV foi uma "mão na roda" para manter os jovens adequados, inofensivos, melhor manipuláveis, absortos em medos secretos e "ego-trips" que enaltecem a ignorância (de si mesmo e de tudo) e desprezam, ridicularizam, transformam em "Piada" o conhecimento e a responsabilidade (de si mesmo e de tudo). 

Enfim, toda uma geração de seres que acreditam na "felicidade" que possuem através das experiências repetitivas de "prazer" e negação da dor que conseguem acumular, sem perguntas, sem posicionamento, sem individualidade, sem críticas, sem questionamentos e mais que tudo sem senso de união para a transformação da sociedade.






Se as gerações de jovens das décadas de 1960 e 1970 foram marcadas pelo Rock n Roll, pela contra-cultura, pelo LSD, pelo movimento Ripe, pela guerra do vietnã, pela liberdade sexual, pela pílula anticoncepcional e ativismo político em nome da Paz por um mundo melhor embalados por letras como "Imagine", "Blowing in the Wind", ou "Give peace a Chance", as décadas de 80 e 90 foram marcadas pela profunda apatia, falta de esperança, boçalidade, falta de engajamento político, participação social, embaladas por letras como "Dance with Myself ou "Meus Heróis Morreram de Overdose".



Um profundo egoísmo e falta de sonhos marcaram as décadas que ficaram conhecidas como, "Década do Desespero" e a "Década Perdida".
Como os leitores desse blog sabem, As Elites que controlam o nosso planeta tem uma agenda esotérica que é seguida a risca e controla os grandes eventos, as guerras, os atentados terroristas, a tecnologia, a ciência, as corporações e maneja o controle das massas de uma maneira geral. Para que tudo isso possa ser levado a cabo sem o conhecimento e principalmente a intereferência das massas e os 99% da população mundial continue sendo ordenhada como vacas e controlada por menos de 1% da mesma, é necessário criar e gerenciar diferentes formas de manipulação e a MTV foi uma das que mais deu certo.

Venho de uma família onde tenho 2 irmãos de 25 e 35 anos e ambos, (como fui eu) são até hoje profissionais de Televisão. Sou da época em que grande parte dos jovens que saiam do colegial e iam prestar alguma faculdade, se deslumbravam com a idéia de trabalhar em rádio e TV, jornalismo, publicidade e propaganda sem sequer realizar o fato de que esses cursos foram criados não para a veiculação de informação, mais do que para a manipulação e encarceramento mental na realidade material e total submissão de nossos 5 sentidos cerebrais a uma ditadura corporativa que tem como dogma o Consumismo e a Venda de Produtos. 

Em minha época como estudante de "faculdade particular" (não faz tanto tempo assim, oras), as idéias de grêmios, sindicatos, organização de estudantes, eram todas "demodê" e faziam parte do passado ou da realidade dos pobres da periferia, das fábricas, jamais de nós, classe média burguesa, filhos de pais "trabalhadores" (escravos financeiros), que jamais precisaram trabalhar.



Se hoje temos no Brasil (e no mundo) um Nazismo Cristão Evangélico que vomita um discurso baseado na TEOLOGIA DA PROSPERIDADE MATERIAL e perpetuação da sociedade piramidal (quanto mais rico você for, independente das desigualdades sociais ou sua contribuição para o caos mundial, será sinal de que Deus Ama mais você do que os outros e "mais próximo dele você está!") dominando as esferas mais carentes de nossa população representadas pelas classes mais baixas de um lado, disputando força com  um Comunismo Gay, que vomita o discurso baseado na "Liberdade sexual" (quanto mais sexo você faz, quanto mais vontades próprias e fantasias de prazer você realiza, mais "Livre" e mais "feliz" você é!) de outro, representado pela "modernidade e cultura" recheada de desconhecimento dos jovens das classes mais favorecidas que tiveram a oportunidade de na adolescência fazer "intercâmbio" em londres, Canadá ou nos EUA (países que hoje encabeçam guerras para roubar petróleo dos países árabes com a desculpa de "livrar o mundo do terrorismo" e torná-lo um lugar "Mais seguro") e os jovens de ambos os lados e "classes" da sociedade aceitam fazer seu papel de idiota e refém (da mentira que privilegia uma minoria e alimenta um sistema assassino regido por banqueiros por detrás de políticos), independente da Verdade e do lado em que estejam é graças a bem sucedidos meios de manipulação como a Emêtevê.







Quando tinha 10 anos de idade havia passado boa parte do tempo em frente a televisão recebendo sua programação mesclada em 5 ou 6 canais de TV Aberta que era o que havia na época. A rede globo claro, predominava 60% do tempo, dando espaço para a programação das outras emissoras durantes seus intervalos comerciais.

Com o advento da MTV (que eu jamais consegui ser "fã" ou acompanhar por horas a fio) comecei a estranhar o "prazer" que meu irmão mais velho sentia em passar horas conectado a programação de video-clipes e notícias sobre bandas, principalmente na parte de rock e heavy metal.

Da mesma maneira, estranhava a capacidade de meu irmão mais novo para acompanhar a grade de programação do SBT de Sílvio Santos. Meu irmão mais novo muitas vezes chegava a brigar e chorar para poder acompanhar todos os programas do SBT no domingo, principalmente aqueles que envolviam a participação do auditório.

Hoje em dia quando olho para a MTV encontro a fórmula perfeita que quando mesclada, doutrinou a mente de meus irmãos desde a infância e faz deles até hoje, reféns dos dogmas de comportamento e ética, propagados pelo aparelho televisor.

Aquilo que Ary Toledo, Costinha, Chico Anysio, Ronald Golias entre muitos outros faziam magistralmente em seus áureos tempos de artistas (Humor, comédia, sátira, geralmente recheadas de RACISMO, MACHISMO, HOMOFOBIA maquiados por detrás do "Humor") foi incorporado pela linguagem da MTV, pelos bares e meios de entretenimento em geral e hoje conhecemos através do termo "Comédia Stand Up" e engolimos isso como se fosse o "supra-sumo da inovação".

A Mesma linguagem e formato exaustivamente usada durante décadas pelo SBT de Sílvio Santos, com pessoas do auditório particiando de gincanas, ganhando dinheiro e prêmios é feita hoje com os "jovens-cordeiros" pró matrix que sem jamais se inteirar, aceitam de tudo feito por seus governos e autoridades, enquanto assistem "beijos na boca", "beijos no Sapo", um gordo punk  playboy burro e nojento tratando mal as pessoas, uma dezena de modelos drogadas putinhas "falando bem ou mal de uma banda ou de seu vocalista". Quem "fica com quem", "quem comeu não sei quem", quem causa mais "desejo", é mais canalha, mais "engraçadinho" ou provoca mais "sedução" e assim fazem a alegria da audiência e dos patrocinadores da tal "Êmetevê".

O resultado de tudo isso é uma massa de cérebros inúteis, que encontram na "gargalhada" e no "sarcasmo" os novos deuses da juventude e uma perfeita maquiagem para suas frustrações, vazios e tédios. 

A MTV faz as vezes de "templo" e "mesa de sacríficio". 





O que antes era feito nas missas e rituais de adoração do Egito ou da Grécia Antiga sacrificando e derramando o sangue de bodes, pombas e outros animais, seja em nome de Jesus,  ou de Atena, Ceres, Artêmis, Deméter, Baphomet, Astaroth, Isis, Órus e etc, hoje em dia é feito na poltrona de casa em frente a TV com os cérebros dos telespectadores, em nome de Michael, Britney, Justin, Mckauley, Timberlake ou Madonna.



As pessoas e principalmente os jovens, crêem se "divertir" e consumir "arte", enquanto em verdade, suas mentes estão apenas sendo programadas para transformá-los em nada mais que "fãs", seres submissos, adequados, inofensivos, identificados e conformados com o fato de 99% do mundo ser gerenciado e adestrado por 1%.

Seres totalmente prostituídos as estruturas do Stablishment e aos senhores que comandam o mundo, imprimem cédulas de dinheiro, criam leis, regras, modas, dogmas que essa massas de cérebros e corações falidos seguem, na crença de que tudo é "ao acaso" e de que o ultimo Idolo que eles estão adorando e consumindo, foi "descoberto sem querer "depois de gravar a si mesmo cantando no banheiro de casa e "postar no youtube".



É Possível que nada disso estivesse sendo escrito hoje por mim se não tivesse um sentimento de profundo pesar por meus irmãos terem aberto mão da amizade e do contato comigo por de mim e desse meu trabalho no planeta terra sentirem vergonha, para viver contando vantagem de posarem em fotos ao lado de artistas e "celebridades" que eles pensam "admirar" mas possivelmente sem querer saber ou perceber, apenas invejam e idolatram, alimentam e enriquecem.

Como Espírito encarnado na matéria que sou, confesso que ainda é difícil para mim acompanhar por internet as reproduções de comportamentos repetitivos e destrutivos, propagados por meus irmãos na intenção de ganhar "audiência", "aplausos" e "risadas", imitando os apresentadores que os doutrinaram durante toda infância e adolescência nos periódicos da TV, para hoje garantirem a fidelidade e cumplicidade de um público (doentio, ignorante, tiéte, lambe-saco-de-artistas), iludidos de que divulgam "informação" para uma orda de competitivos invejosos que recheiam a audiência dos televisores, telejornais, auditórios de estúdios ou comunidades virtuais, sem jamais se importar com nada além de sua sede de "risadas", "desgraças", fome de "fofocas" e "gargalhadas".





É triste para mim constatar que a maioria dos ditos "Humoristas" ou "entretenedores" Hoje, Humilham pessoas em troca de audiência, repetem exaustivamente o chiste, para gerar apenas mais e mais "gargalhadas", mesmo que para isso se desconectem totalmente de suas Verdades e Espiritualidades.

Gostaria de deixar claro que eu não tenho nada contra os profissionais de TV, contra os comediantes e apresentadores, em verdade até admiro e respeito muitos deles.



Mas a grande verdade é que me abala e perturba saber, perceber e ver que a maioria deles são usados para manter as massas burras e dormentes através da humilhação camuflada de "anedótas" e "opiniões" e em troca de acumular mais e mais dinheiro, simplesmente continuam e não agem em nome da transformação da sociedade mais do que de suas contas bancárias e da audiência de suas corporações empregadoras.






Vivemos em um sistema cultural que faz as pessoas se sentirem culpadas e faz elas terem de dar satisfações por terem "engordado", por terem "envelhecido", por terem perdido a fama, por terem perdido espaço na mídia.

Sustentamos um sistema de ensino e aprendizagem que doutrina os jovens para se contentarem em "querer", em "ter" e fazer de tudo para por exemplo ser proprietário de um "automóvel", mas jamais mover-se para exigir um transporte público decente de seus governos, para todos os cidadãos de suas cidades, estados e país. Sistema esse que Faz as pessoas se sentirem culpadas por não se prostituirem aos ricos, aos famosos e aos mercados, culpadas por não encontrarem meios de serem iguais a esses. 

Banalizam tudo que é sério, tudo que é correto, tudo que é simples, tudo que é VERDADE, tudo que é diferente ou fora do padrão sistematizado dessas televisivas linguagens.

Banalizam o Bem, transforma tudo em "produto", "piada", notícia, banalizam a morte e tudo que é sagrado.

Vivemos em um sistema social que aceita que potenciais alcóolatras jamais se tratem para poder ser para sempre parte de um grupo com o qual desejam estar identificado na ilusão de que assim "se socializam".

A cocaína, a mentira, o alcoolísmo, a dependência, a vaidade narcisa, varreu do mapa mental de várias pessoas que eu conheci e ainda conheço, a busca por sí mesmo e a idetificação com a espiritualidade, para em troca poderem acumular em seus albúns de fotos do facebook ou do twitter, a verdade de que estiveram por algumas horas ao lado dessa ou daquela "celebridade".

Eu poderia escrever horas e horas sobre verdades que me criam chagas e poderiam ser mudadas se as pessoas se ajudassem e se auto-questionassem, mas não quero fazer de minha dor o motivo desse post.

Sinto que era importante desabafar e escrever sobre tudo isso, assim como dedicar esse post aos meus irmãos. Talvez no futuro isso sirva para alguém ou seja útil para mudar alguma coisa pra melhor.

Que Deus Abençoe a Todos!

Que Deus Abençoe meus irmãos e abra os olhos de todos os profissionais de TV, Mídia, Imprensa e de todos os outros meios de comunicação, que ocupa as mentes dos seres da raça humana e habitantes do planeta terra com Lixo, que alimenta as massas de "risadas", para que o mundo seja para sempre um caos, controlado e gerenciado por tão poucos.

Namastê

Ruy Mendes - Abril de 2012

terça-feira, 3 de abril de 2012

Rede Globo, O Espelho dos Assassinos e O Retrato de Dorian Gray

No Brasil existe uma frase célebre que saíu da boca de um falecido político ladrão, famoso e folclórico, que dizia que: "Se não Saiu no Jornal nacional, Não Aconteceu"!

Não é de hoje que a informação no mundo vem sendo "globalizada". Aquilo que antes era a competição saudável que fazia dos meios de imprensa competentes e submissos a informação, ao verdadeiro jornalismo e obviamente, a Verdade, se transformou em total submissão aos "mercados" (que jamais tem rostos), e suas leis facínoras que priviliegiam sempre as mesmas classes para que o mesmo sistema que escraviza e encarcera a raça humana, se sustente.

A Imprensa que temos hoje não é mais um órgão que trabalha com INFORMAÇÃO, mais do que é um "time", uma "equipe" praticamente sem desafiantes ou "adversários" (salvo uma dúzia de "blogueiros Sujos"), que não mais compete entre seus concorrentes, mas apenas "notíciam" as mesmas informações (que os Magos Negros donos do mundo decidem que deve ser notíciada), assim como ESCONDEM as informações que as estruturas desses mesmos Magos Negros, Decidem que deve ser escondida e afastada do conhecimento do grande público.



Em 1891 o jovem escritor, poeta e dramaturgo irlandês Oscar Wilde, escreveu a brilhante novela, "O Retrato de Dorian Gray". É interessante conhecer um pouco a vida de Oscar para compreender o por que escreveu essa história, novela que com o tempo se tornou um dos grandes clássicos da literatura. Oscar Wilde frequentou os corredores das Elites Inglesas depois que trasladou sua vida para Londres, ali debutando sua carreira como escritor. Em plena Era Vitoriana, foi preso e cumpriu pena acusado de "Sodomia", pois nessa época em plena Inglaterra, "Homosexualismo", quem diria, era punido com prisão.

Muito bem relacionado com artistas, poetas, músicos e pessoas influentes, o jovem oscar Wilde, escreveu o "Retrato de Dorian Gray" baseado em realidades que aconteciam na então "Classe Média Vitoriana" e supostamente nas elites e nas famílias da monarquia reinante.



A História de Dorian Gray conta sobre um pintor que conhece um jovem e fica fascinado por sua beleza, harmonia estética e então pinta um retrato fiel dele, seu melhor quadro. O Jovem Dorian Gray é um aristocrata de família rica que vem pela primeira vez a cidade grande (Londres) para viver na casa que herda com a morte de um parente.



Uma vez em Londres, começa a conhecer e frequentar os espaços culturais bohemios da época e a fazer amizades. Uma dessas amizades é o pintor que pinta seu retrato e um outro amigo que influencia seu comportamento, o ensina a fumar, a beber, a ir-se com prostitutas, apresentado a Dorian os "Prazeres" mundanos da Vida e da Carne, chegando ao ponto de desafiar Dorian a Vender sua Alma ao Diabo. 


Esse sem pestanejar aceita e recebe a câmbio de sua alma, o poder de jamais envelhecer. 


Quem envelhece é seu retrato e assim durante a história vamos sendo testemunhas da degeneração moral e sexual de Dorian Gray, que para alimentar sua vaidade e satisfazer cada vez mais seus insanos desejos, se transforma em um narcisista fetichista e assassino. 



O Retrato passa a ser sua Alma e sofrer em sua pintura, as consequências de cada ato do Jovem Dorian que tem seu corpo e beleza física preservadas, sem jamais envelhecer, se entregando a todos os prazeres, realizando todos os seus desejos e vontades, a ponto de se tornar um assassino doentio, perturbado, ainda que estéticamente perfeito e mais que tudo, invejado e desejado. (exatamente como acontece com uma pessoa que por exemplo vá trabalhar na rede globo ou outro meio de TV)


Ainda que a história de Dorian Gray tenha sido feita no final do século XIX, é incrível como sua temática é pertinente e atual nos dias de Hoje. O que antes apenas uma priviliegiada elite artística podia fazer graças ao acesso a conhecimento e desenvolvimento de seu senso cultural estético, hoje é feito por uma massa de ricos e pobres, graças ao aparelho televisor.






 Qualquer pessoa que comece a estudar o funcionamento da nossa sociedade ocidental capitalista chegará a uma unânime conclusão:


Que essa é uma sociedade que ocupa a mente dos homens atráves do estímulo de desejos (propagados por publicidade), principalmente o desejo de consumo e que para que esse possa prevalecer, todos os valores morais, filosóficos, espirituais e estéticos do ponto de vista da integralidade humana, todos os conhecimentos e principalmente A VERDADE devem ser secundarizados, pormenorizados e se possível esquecidos. Sabemos que no capitalismo e no ocidente, uma pessoa vale aquilo que o dinheiro dela pode comprar, muito mais do que aquilo que ela pode realmente ser e saber.

As pessoas no ocidente em geral não estão preocupadas ou se importam se os produtos e as tecnologias que elas estão comprando escravizam pessoas, matam outros seres humanos e outros seres vivos. Elas não se preocupam com o impacto ambiental, cultural e social desses produtos, não pensam jamais em realizar se o simples ato de adquirir um produto que elas tanto desejam e "trabalham duro" para obter, faz com que pessoas sejam escravizadas ou sangue de inocentes seja derramado com a ajuda delas.

O fato de sermos cúmplices de assassinos, de comprarmos e consumirmos produtos que financiam guerras e a morte de milhares de pessoas que não escolheram essas guerras, nem os regimes políticos e financeiros que as possiblitam e patrocinam, quer você queira ou não, quer você concorde ou não, faz de todos os humanos que usam dinheiro seja para o que for, cúmplices e CO-ASSASSINOS.


Quando você faz questão de usar um tênis de uma determinada marca ou ter um telefone celular de última geração sem se importar que esses produtos e aparelhos estão sendo fabricados por pessoas de um país na Ásia que vive em situação de extrema pobreza, que estão sendo escravizadas, tendo seus valores exorcizados e colonizadas, enquanto são obrigadas a realizar 12 horas, 15 horas de trabalho diário sem direito a descanso, ganhando 0,10 centavos por hora para não morrer de fome, você é também um escravizador É parte integral na engrenagem de escravização global mundial.





Quando você aceita tomar um refrigerante que o mundo inteiro toma e através dos impostos pagos pelas fábricas desse refrigerante, governos conseguem sustentar e promover guerras, você também é parte integral na engrenagem assassina das guerras, ainda que você não lucre com elas, como lucram os governos, as indústrias e os senhores da guerra.




Mas nada disso chega ao seu conhecimento, por que existe uma máquina de informação preenchendo seu imaginário e seu psíquismo com outras informações, mais que tudo com PREOCUPAÇÕES para que através dessas preocupações que você tem, os "governos" e os "senhores da guerra", possam justificar suas "medidas de segurança" e assim atingir seus objetivos praticamente e quase sempre, sem resistência ou dificuldades.



No Brasil esse trabalho sempre foi feito pela Rede Globo de Televisão e suas estruturas de informação que incluem rádios, jornais, canais de TV a Cabo e etc. 


Tanto que para as outras emissoras de TV no Brasil atingirem sucesso, necessitam IMITAR, quando Não Plagiar totalmente como hoje faz a Rede Record, a fórmula de manipulação desenhada pela grade de programação da rede globo (que é Basciamente: Telecurso dramatúrgico, Noticiário, Noticiário, Dramaturgia, Programa Infantil, Programa de Variedades, Noticiário, Noticiário Esportivo, Programa de Variedades, Dramaturgia-Novela, Filme, Noticiário, Dramaturgia-Novela, Noticiário, Noticiário, Dramaturgia-Novela, Noticiário, Dramaturgia-Novela, Dramaturgia-Mini-Série, Filme, Noticiário, Programa de Entrevista, Filme, Filme. Das 06h00 da manhã até as 03h00 da madrugada, de segunda a sábado com publicidades dos patrocinadores, entre a mudança de uma programação e outra. Aos Domingos se torna menos repetitivo uma vez que a programação tem menos variedades é mais lenta e permanece muito mais tempo dando prioridade a uma única programação).


Mais do que tudo, os processos de doutrinação realizados através da cobertura e promoção total do futebol e das telenovelas no tubo televisor é o que chamo nesse post de o "Espelho dos Assassinos". O Lugar Para Onde a Sociedade Assassina que sustentamos e somos, Mira Seus Olhos e jamais tem a oportunidade de entrar em contacto com a Verdade sobre suas essências e colaboração nesse macro-ritual macabro que faz de todos cúmplices envolvidos e que se transformou as Comunicações e Entretenimentos "familiares".




Sabemos ou pelo menos desconfiamos que a Sociedade Brasileira é essencialmente corrupta desde sua formação e desde o mentiroso "descobrimento" que nos ensinam descarada e errôneamente que aconteceu "em 22 de Abril de 1500". Mas não realizamos, não percebemos que essa corrupção está intríseca em nossa essência, por que entre outros motivos o complexo globo de dramaturgia e cinema, prepara mini-séries, filmes e novelas que confirmam as mentiras das versões oficiais da história.

Enxergamos a corrupção nos políticos, em nossos vizinhos, nas estruturas públicas e privadas (quase nunca na imprensa) mas jamais em nós mesmos. Não enxergamos, não queremos enxergar, menos ainda admitimos nossa parcela de colaboração. E tudo isso por que desde manhã até de noite o aparelho televisor nas salas das famílias brasileiras lança modas, tendências, manias, exemplos, histórias, entretenimentos, "informações", Notícias, "coqueluches" de modas passageiras que em verdade não tem nenhuma importância mas graças  a REPETIÇÃO sistemática e publicidade frenética nos vendem (e nós compramos) como as "coisas mais importantes do mundo". Nos fazem o "favor" de imaginar por nós, como deve ser a "realidade" e como deve ser até mesmo a nossa imaginação.


As Mesmas Novelas, com as mesmas fórmulas, os mesmos vilões e as mesmas intrigas, há mais de 40 anos. Nos Enganam e adulteram as realidades sobre o que acontece nas Índias, No Marrocos, No Sertão, no Rio de Janeiro, Aliás tentam reduzir a pluralidade da cultura brasileira ao eixo Rio-SP, obrigando seus artistas a usarem todos um "Sotaque Carioca". Nos empurram goela abaixo meias-verdades e grandes mentiras sobre a arte e sobre o mundo, através de suas linguagens estéticas e dramatúrgicas que usamos como Modelo para desenvolver nossos conceitos sobre: Existência, felicidade, sobre direitos, sobre deveres, sobre o que é ser cidadão e mais que tudo sobre o que pode e o que deve e o que jamais pode e jamais deve ser: VERDADES.

Por décadas e mais décadas permitimos que a seca assolasse e matasse os nossos irmãos do norte. Por gerações desde que existe a república, aceitamos pagar impostos que jamais chegam aos investimentos necessários para a manutenção da sociedade.

Aceitamos que a corrupção se prolifere por todas as estruturas do país e até mesmo dentro de nós, desde que o "conforto" e a ignorância na qual nos colonizaram e encerraram, não seja afetada.

Aceitamos doar 8, 10, 12, 16 horas por dia de nosso tempo as mesmas empresas e corporações que patrocinam essa programação, desde que possamos receber algum parco dinheiro em troca disso para manter nossos vícios e costumes sem que ninguém "se meta em nossas vidas", com a crença de que isso é "respeito a nossa individualidade" e a única forma de realidade que podemos viver e desenvolver para ser feliz, sem jamais se importar com quantas pessoas estão sendo SACRIFICADAS E MORTAS para que isso assim seja.


Chegamos ao ápice da burrice e do egoísmo. Não nos importamos em Saber nenhuma verdade seja sobre o que for. Nos contentamos com "fofocas", com "versões", "notícias", nos contentamos em ser "torcida", "telespectadores", "opinadores" que tenham a VERDADE e o CONHECIMENTO como artigos desnecessários.

Nos contentamos com o direito de fazer polêmica e ter a nossa "opinião" (que quase sempre não é própria, menos ainda fruto de nossas experiências dado ao fato de que preso a essa rotina robótica, não temos quase nenhuma experiência, mas sim a repetição daquilo que o televisor nos disse e gostamos ou nos identificamos), sempre com a esperança invejosa de um dia estar onde estão todos aqueles "Idolos", seja do esporte ou da dramaturgia, que a então "poderosa" e decadente Rede Globo, nos produz e prepara, para que estejamos sempre ali, em frente aquela janela eletrônica, na esquina da sala de nossas casas sem jamais desconfiar que o que eles dizem, afirmam, propagam e vendem,NÃO É A VERDADE NEM A REALIDADE mas apenas um "espelho-negro", onde vemos as imagens que queríamos refletir e não a realidade do que realmente refletimos.



Não é de hoje que a humanidade realiza rituais onde vende sua alma em troca de prazeres e poder nas esferas materiais da terra, como fez o jovem Dorian Gray, da novela de Wilde. Mas é de hoje que existe um sistema em nosso planeta, que possibilita essa venda de alma em larga escala massiva. Fazendo com que as pessoas se desconectem definitivamente de si mesmo, da espiritualidade, de suas missões na terra e de suas verdades, para construir suas vidas e suas "felicidades", alicerçadas nos exemplos que aprendem assistindo e consumindo "publicidades", nos sentimentos de inveja e admiração de outras pessoas, muito mais do que em seus próprios sentimentos e reconhecimentos a respeito dessa felicidade.

Sabemos que a grande maioria do Casting da Rede Globo está afundado até os ossos em mentiras, Sodomias, putarias, cocaína, sexualidades descontroladas infelizes mentirosas, frenéticas e exacerbadas e a linguagem de sua programação serve como exemplo para a formação do nosso caráter e do caráter de nossas crianças, perpetuando cada vez mais esse exemplos destrutivos como "corretos", banalizando cada vez mais nossa participação e poder de decisão seja na sociedade, seja em nossas próprias vidas, para simplesmente viver reproduzindo "festinhas" que nos faz crer que somos felizes e que nos ensinam através do estilo de vida e consumo de quem está dentro do tubo televisor.

Sabemos e constatamos todos os dias que essas estruturas de comunicação trabalham em prol da glamourização do mal e da preservação de um sistema caótico homicída. Fazendo um jogo de forças entre meias verdades, criando "paixões nacionais", sentimentalismos de útlima hora, que captam a atenção de seus espectadores e geram lucro conforme a audiência. Sabemos que eles elegem e derrubam presidentes, zombam das leis, destroem e constroem carreiras, acusam e condenam sem provas. Bagunçam todas as nossas essências, com uma maquiagem de alta fidelidade e competência com seus espectadores.


Da Mesma maneira que o Jovem Dorian Gray em troca da juventude eterna vende sua alma e se transforma em assassino, nós em troca dos segredos dos artistas e suas "intimidades, pelo privilégio e acesso as operações plásticas e tratamentos de "botox" feitos por cada um deles e que "garantem" a prolongação da "juventude" e dos valores humanos baseados em aparência, viramos as costas para toda a realidade cármica e espiritual além da matéria e também nos transformamos em homicídas diretos e indiretos de nós mesmos e daqueles que necessitam de nossa ajuda para existir.


Perder horas a fio, tardes e noites acompanhando essas programações, recebendo suas mensagens subliminares e depois dedicar nossas vidas a repetí-las, compartí-las e prolongá-las em nosso nicho social, tem um efeito bestial, que infelizmente não conectamos por que anestesiamos nossa consciência e nossa culpa com um estilo de vida que nutre lentas formas de suicídio como "diversão".

O pior é que da mesma maneira que os traficantes de droga não são os culpados pelo vício de seus usuários uma vez que são apenas "comerciantes" de um mercado com alta demanda, essa colorida e brilhante estrutura de comunicação que cria imagens, "verdades" e "culturas" através das mensagens e exemplos de suas distorcidas dramaturgias, novelas, atrações e publicidades, não pode ser considerada responsável pela ordem que vem desse caos e pela banalização das desgraças.

Os responsáveis somos nós que consumimos, que nos permitimos estar alí horas em frente o aparelho de TV, (ou o espelho que reflete o que gostaríamos de ser e não a Verdade sobre o que somos).

Acompanhamos a novela ou jogo esportivo e depois vamos aos centros de compra e entretenimentos conhecidos como "Shoppings" (que em inglês significa "Compras") adquirir os produtos que não precisamos para nada, mas que aquelas publicidades nos ensinaram e convenceram que deveríamos "ter".

Os responsáveis somos Nós, que aceitamos ser "arquibancada", "jurados", "Votantes" daquilo que eles elegem como "realidade" e assim ajudamos a pagar e sustentar o salário astronômico de semi-alfabetizados jogadores de futebol e artistas, para que conterrâneos deles morram de fome e sede e ninguém faça nada.

O problema maior de nosso planeta e principalmente do Brasil, não é a pobreza, por que essa gera condições de que a espiritualidade das pessoas desperte e assim se conectem com outras melhores realidades e outros pontos de vista. As limitações e desafios das dificuldades da pobreza quando vencidas enriquecem o espírito.

O problema maior desse planeta e da sociedade ocidental em geral mais que a pobreza é a permissão que todos damos para a exsitência da "Extrema Riqueza"


A riqueza descarada de alguns poucos indivíduos, as custas da extrema ESCRAVIZAÇÃO, pobreza e miséria de muitos outros.


A extrema riqueza  sim estaciona o desenvolvimento espiritual do sujeito, faz com que ele acredite ser um Idolo", um "Deus", mais merecedor e melhor que todos os outros. A Extrema Riqueza desenvolve a ganância, o egoísmo, a ambição desmedida e sem controle, seja através de um simples ser humano, seja através de complexas estruturas e corporações como as que temos hoje.



Não é contra a pobreza que devemos lutar, ela é parte inerente de todos nós, o nosso lado Ying, o nosso dark side, a nossa porção negativa. O que devemos proíbir em nosso planeta é a extrema riqueza. É o sentimento de aceitação e normalidade que mantemos dentro de nós, a respeito de uns poucos sujeitos entre todos nós poderem ter muito mais do que tudo de necessário e desnecessário, enquanto muitos sujeitos entre todos nós tem cada vez menos do que o básico ou jamais tiveram nada.

Podemos equilibrar a realidade e a vida de nosso planeta e ecosistema, começando por desenvolver a consciência a respeito do que é necessário, fundamental e imperativo a vida de todos, mais do que o enaltecimento a CÓPIA e realização de prazeres e desejos de alguns. Que tem servido de "modelo" para nossas buscas e escolhas.





O futuro do planeta terra não é ideal e não tem quase lugar, para quem foi educado baseado em mentiras e egoísmo.

Nós Precisamos DESPERTAR Para Novas e Melhores Realidades. (Precisamos Inclusive Construí-las) e Para a grande Maioria dos Brasileiros e dos Ocidentais, "Despertar", começa Apertando a Tecla OFF de Seus Televisores. 


Despertar Começa Arregaçando as mangas e trabalhando. Não por corporações, empregos ou empresas, mas pela Felicidade, pela justiça e pela Verdade. E a Verdade é que O Equilíbiro de Nosso planeta Não depende de governos e empresas, nem de um sistema financeiro assassino, entretenimentos, publicidades, imprensas veiculando más notícias e dramaturgias nos alimentando sonhos e esperanças que jamais se materializam.

Despertar, criar uma nova e melhor realidade, mais justa e mais correta, Depende Apenas de Nós Seres Humanos e de nossas Consciências. Evolução não é poder de compra para todos. Isso é Neo-Escravidão. Evolução é o direito de Existir com Dignidade, de Saber a Verdade e Mais que Tudo de desenvolver a Consciência.

Que Deus Ilumine o Raciocínio de Todos Os Humanos do Planeta Terra e Principalmente o Intelecto chauvinista dos Brasileiros burros da classe Média. Que a cada dia quando assistem TV, Vendem Sua Alma, para Sustentar Grandes mentiras, como fez Dorian Gray para manter uma aparência sedutora e Juventude Eterna.

Namastê

Ruy Mendes - Abril 2012
Ocorreu um erro neste gadget

Visualizações de páginas da semana passada