quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Hip-Hop - Muitas Mentiras e Grandes Enganos

Thaíde & DJ Hum


A primeira vez que escutei Hip-hop, ou rap, como se dizia em minha infância, fiquei encantado. O Nome dele era Thaíde, acompanhado de seu DJ Hum, que o filho do zelador do prédio vizinho do meu mostrou pra mim. Aquela não era minha realidade, que era a realidade da classe média dos anos 90, no bairro do paraíso, com metrô, ônibus, avenida paulista, cinemas e shoppings por perto. Mas mesmo assim me seduzia. Era uma forma inteligente e original de se fazer protesto. O filho do zelador tinha o apelido de "Esponja" graças a seu cabelo sarará e de maneira bem humorada, recebia todo tipo de preconceito maquiado de "brincadeiras" que nossos amigos e vizinhos considerados "playboys" faziam. Através dele e de seus amigos entrei em contato de maneira mais profunda com a realidade e cultura das periferias. 






Anos depois conheci os Racionais MC, que de cara me fizeram gostar muito das letras e músicas além de me fazer sentir uma espécie de orgulho por ter problemas financeiros e não ter a mesma realidade cheia de facilidades que tinham os meu amigos, vizinhos e conhecidos da "classe média", e ter de enfrentar as dificuldades que enfrentei para conseguir fazer as coisas que queria e por vezes conseguir fazer elas sem contar com a ajuda e com o dinheiro de meus pais. 


Final dos Anos 90, Me lembro perfeitamente de frequentar o bar do Geraldinho no bairro do bexiga nos arredores do centro de São Paulo, onde acontecia os ensaios da escola de samba "Vai-Vai" e ali encontrar Mano Brown acelerando seu diplomata sempre cheio de pessoas dentro, contando vantagem, acelerado suas células com gírias e tretas e se recusando a apertar a mão de qualquer pessoa que fosse branca, inclusive aquelas que admiravam seu trabalho. Pedro Paulo com seu estilo revoltado dava medo e impunha respeito, talvez sem ter a consciência de que, através de atitudes como essa, promovia o racismo e o preconceito que tanto cantou ser "vítima" em suas belas letras.


Considero que era duplamente mais complicado, pelo menos para minha sensibilidade, viver entre os playboys e ter uma vida de "pobre" super limitada, já que a cada convite e oportunidade minha resposta era sempre "não", do que ter amigos iguais, que sofrem as mesmas limitações e compartilham as mesmas realidades como provavelmente aconteceu com Pedro Paulo e todos aqueles sujeitos da perifería que depois viraram Idolos do Rap.




No entanto para mim o rap se restringia ao universo brasileiro. Os nomes "RunDMC", "MC Hammer", "Vanilla Ice", "Public Enemy" entre outros eram por mim conhecidos, porém por não compreender o inglês tampouco me seduziam. 




Até esse momento, considero que era puramente música o que esses rapazes estavam fazendo. Do final dos anos 90 em diante, as indústrias fonográficas, mídia e publicidade entraram no jogo de maneira pesada e é a partir desse momento, que surgiram Eminem, Jay Z (e outros rapers que dizem os "conspiracionistas" "venderam a alma ao diabo") que o post de hoje fala sobre. 





Aquilo que nasceu como expressão artística de protesto, indignação e injustiça a respeito da atenção e assistência que as classes mais ricas dão as mais pobres, se tranformou em um festival de "gigolôs mulatos", orgulhosos de aparecerem em fotos mandando as pessoas "tomarem no cú" e de se comportarem como os ricos bandidos que antes os oprimiam e eles com razão criticavam.


 Uma vez que a Indústria Illuminati sequetrou o formato do Hip-Hop para o show bussiness, para a manipulação mental dos jovens do mundo e também os campos psíquicos dos jovens negros e pobres que gostavam daquele ritmo e se identificavam com essa moda, vestimentas e forma de expressão, a revolta e a indignação passou a ter "prazo de validade". 








A Revolta e a Indignação passou a existir apenas até o momento em que aqueles jovens negros pobres, conseguissem virar "classe média" (independente de a pobreza seguir aumentando entre as pessoas de suas origens e bairros), conseguissem atingir o poder aquisitivo dos playboys classe-média tão por eles criticados, participar do mercado de consumo supérfulo e gerar ingressos para seus brancos banqueiros. 






E assim foi com todos os grupos que nos anos 80 e 90 cantavam a realidade da periferia e logo anos depois estavam cantando sobre suas "putas loiras" e "baladinhas" nas festas que faziam dentro de suas casas/mansões ou das danceterias nos bairros ricos, propriedade dos brancos que até pouco tempo atrás davam emprego de doméstica as mães desses rapers. 



Uma enorme mentira, uma imensa palhaçada que hoje segue sendo registrada, promovida e vendida por rapers que fazem parte da cultura hollywoodiana e das comunidades de relacionamento virtual como twitter e facebook. 












Já naquela época a predileção desses rapers por gastar todo um salário mínimo em um par de tênis e jaqueta já era maior do que a vontade de mudar o sistema. Não bastando esse tipo de pobreza e contradição moral, desde sempre eram tiétes da cultura de bonés, tênis e camisetas de basquete americano, jamais o basquete de seus países. Subliminarmente, promoviam a MBA, a Coca-Cola e demais manipuladoras sem sequer desconfiar que contribuíam para que seus países e bairros afundassem na miséria que diziam ser  "culpa do governo"








Falavam mal, criticavam os "playboys" branquinhos do shopping" como os "grandes culpados" mas passaram toda a infância e adolescência desse movimento cultural, lambendo a sola do sapato da cultura americana. 






"Mano Marrom", "Kleber Geraldo", "Edivaldo Pereira" e "Gelo azul". Essa é a tradução literal do nome americanizado dos idolos do rap nacional brasileiro Mano Brown, KL Jay, Eddy Rock e Ice Blue, que muito provavelmente até hoje não falam inglês mas mantém seus apelidos, penteados e trejeitos em língua inglesa, mesmo que sem o domínio do idioma sempre estiveram limitando sua arte e protesto as perifierias de um mesmo país, como se a pobreza fosse um problema local e não uma arma do capitalismo para prosperar a vida de alguns as custas da morte e miséria de muitos. Aliás nunca vi a palavra "capitalismo" na boca de nenhum deles o que não quer dizer que eles não tenham protestado contra esses. Mas o que fica claro é que; Depois de 20 anos de rap, esses senhores hoje são "tiozinhos" classe média, que com razão se orgulham de sua biografia lutadora, mas que desistiram de mudar o sistema, já que se adequaram a ele e hoje se limitam a serem idolos de presidiários e pobres da periferia que provavelmente morrerão dentro dessa perspectiva "idolatrando" a sorte alheia.




Talvez por falta de cultura, percepção e interesse esses sujeitos estejam perpetuando um conceito de existência material como a única forma de prosperidade assim como o sistema que mais os marginalizou durante a infância e marginaliza seus antigos amigos e vizinhos até hoje. 


Em diversos de seus clipes, aparecem "tirando onda", contando o dinheiro das bilheterias de seus shows e distribuindo esses entre seus amigos e equipe de forma exibicionista, sem sequer considerar o quanto fazendo isso se alimentam de faixas de vibração como INVEJA, EGOÍSMO, COMPETIÇÃO e mais que tudo falta de cultura, conhecimento e sensibilidade com seu público, promovendo a nível inconsciente diversas formas de atividades injustas para que seus fãs possam um dia contar dinheiro da mesma forma. 








Como se aquelas cédulas de papel fossem algo mais que cédulas e tivessem algum valor que não sejam DÍVIDAS no sistema financeiro que oprime, escraviza e controla não apenas a perifería de onde eles vieram mas toda a raça humana. 











Esses "Senhores do Rap" orgulhosos de sua biografia e cor de pele, hoje se limitam a uma agenda de shows, a uma cambada de "fãs", a Jogar video game e ter a parede de suas casas decoradas com quadros de Tupak ou Malcom X, sem perceber que não dão mais exemplos de resistência e provavelmente envergonham seus Ídolos que penduram na parede, se permitindo ser vampirizado por um sistema que deveriam ainda lutar para estar transformando. 


Esses "Senhores do Rap" Não encontram forma de evoluir a não ser desfrutar aquilo que o dinheiro pode comprar, por que em outros níveis de consciência fazem questão de permanecer ignorantes. Apóiam políticos populistas e gansters da Indústria musical. Permitem que uma grande mídia os use e vampirize sempre com a finalidade de vender, vender e apenas vender. Provavelmente como a grande maioria, desconhecem, desprezam e ridicularizam a realidade sobre a espiritualidade e assim sendo, só lhes resta afirmar a existência na matéria.



O novo Idolo que a indústria fonográfica "foi buscar na periferia de grajaú" para continuar mantendo os jovens baixo doutrinação mental através da adoração de "Idolos" e a crença de que no capitalismo "todos podem ser vencedores" é um jovem branco, de olhos amendoados e fala mansinha que ironicamente tem o nome artístico de "Criolo". Sua biografia no rap é impecável, suas maneiras são a de um "príncipe", sua música é realmente muito boa e contagia. Sua revolta é o sonho de consumo poético que os neo-liberais, corporativistas e sociais democratas racistas do estado de são paulo sonham para quem quer que seja um dia queira protestar ou dizer alguma "verdade". Nada disso maquia o fato de que mudam os peões e as cores das peças (peles) do xadrez, mas os donos do tabuleiro são os mesmos. E esses cada vez mais parecem tirar sarro da cara dos jovens consumidores dessa e de muitas outras culturas reconhecidas como "tribos urbanas" que nascem de uma necessidade imperativa de mudança, mas logo em pouco tempo são infiltradas e passam a ser utilizadas no processo de manipulação e doutrinação (que um mercado editorial e de mídia como a revista na imagem ao lado promovem) e assim permite manter o poder do planeta terra e a administração da raça humana nas mãos de quem sempre esteve.

O motivo desse post não é apenas "criticar" menos ainda falar mal de rappers ou da "cultura" hip-hop a qual eu, apesar de sempre ter sido branco e jamais ter sido pobre ou miserável ainda que tenha lá minhas revoltas e tenha passado meus perrengues e necessidades, modesta e honestamente sempre desfrutei, admirei e apreciei. 


Muito mais do que isso a intenção é deixar claro que para que o mundo mude as pessoas precisam mudar. E para que as pessoas mudem é preciso que elas compreendam o que estão fazendo e permitindo que as Elites façam. 


Enquanto permitimos uma cultura musical fashionista egoesclerótica onde o protesto se limita usar roupas largas, a fazer lindas rimas e diferentes formas de rebolado com as "mãozinhas para o ar" predomine, sem que isso possa alterar as bases do sistema que nos oprime, censura e escraviza a nível existêncial e mais que tudo espiritual, não vamos diferir em nada daquelas pessoas que assistem a novela das 18h, depois o jornal, a novela das 19h e outro jornal, e depois a novela das 21h, o filme e mais um jornal e acreditam que são "felizes", "cultas" e se "divertem" enquanto sanam suas depressões e sentimentos de derrotas com pílulas e sendo expectador das misérias dos outros que dão graças a deus de não ser, como se não fossem parte integral nas causas dela. 

Se esses Idolos do hip-hop brasileiro não se engajarem com os movimentos de libertação que hoje estouram no Egíto, na Síria, no México, em diversos países da europa e a imprensa brasileira os deprecia apenas como "indignados" ou "revoltados", ficarão registrados na história como os puxa-sacos e imitadores daquilo que há de pior na cultura americana que são esses rapers que promovem o consumismo, a prostituição, o acúmulo de dinheiro e bens materiais, a felicidade através de roupas de grife e de um estilinho salafrário.


Que Deus abençoe a Música em todas as suas variantes e a Verdade sobre ela no planeta terra e que a Indústira de consumo e o mercado capitalista, sejam exorcizados de uma vez por todas dos campos psíquicos e sensitivos de cada pessoa, rica ou pobre. 


Somos todos Um.
Namastê

Ruy Mendes - dezembro 2011.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Grandes Estafadores da Humanidade e do Planeta Terra

O Marketeiro de Hitler dizia que uma mentira bem contada e repetida insistemente torna-se uma "verdade". 


E tem sido assim na admnistração do Planeta Terra e no conduzir o rebanho humano desde mais ou menos 12 mil anos para cá. 

O post de hoje no blog vai apresentar algumas poucas, das muitas estruturas políticas e sociais que todos pensam existir para sanar os problemas da humanidade e ajudar o planeta terra, mas em verdade são as grandes causadoras e admnistradoras desses problemas. 


Estruturas corporativas, científicas, políticas entre outros tipos de estruturas, que tem altos lucros finaceiros graça a existência dos nossos maiores problemas e nossas piores desgraças. 





O grande medo dessas estruturas é que o problema acabe, por isso elas não poupam esforços para que as desgraças continuem existindo e se proliferando. Criam diferentes formas de marketing e publicidade, independente de serem VERDADES OU MENTIRAS, para através da alta ingestão de sentimentos e estímulos emocionais manteram as pessoas da massa iludidas sobre suas reais capacidades e sobre quem são de verdade, além de um mero corpo de carne.






O maior artifício de manipulação e arma de destruição em massa dessas estruturas é um aparelho de TV na esquina da sala da maioria dos cidadãos do planeta. 


Portanto se você é daqueles que segue a massa e se contenta em obter informação de maneira passiva em frente uma tela, fique esperto, por que você está sendo enganado, usado e mais que tudo, ESCRAVIZADO.





a Maioria das pessoas, já deve ter percebido que os políticos do mundo inteiro em todos os países ditos "democráticos" ou não, tem os mesmos discursos, dizem as mesmas mentiras, sofrem os mesmos revéses e escândalos sobre "corrupção" não importa se são de direita, de esquerda ou do centro.

Para pessoas despertas, está mais que claro que se trata tudo de um grande teatro, uma mentira retumbante que de tão grande e perfeita, os "cordeiros pró-matrix" duvidam existir. 

Tudo isso é feito para encobrir um imenso roubo dos recursos planetários e manejar uma massa de escravos, que somos nós os 99% da população mundial que estão sujeitos a ter de "trabalhar" ou sustentar-se através de empregos, enquanto 1% de nosso todo planetário humano, acumula riquezas e gerencia essas estruturas as quais estamos sujeitos a penas de privação de liberdade e até da própria vida, caso não a aprovemos.

Há poucos dias o presidente do império de nosso planeta aprovou uma "Lei" que da liberdade para as forças armadas americanas terem poder de prisão sobre qualquer cidadão americano em qualquer parte do mundo, mesmo sem provas ou sem julgamento. Basta que ele seja considerado suspeito de "terrorismo" ou "subversão" por qualquer "soldado", para que ele possa ser privado de suas liberdades conquistadas e garantidas desde a "independência" dos EUA da corôa britânica.

O Sonho das elites que nos controlam é extender essas leis por todo mundo, sujeitando as pessoas da mesma maneira que hoje nos sujeitamos ao sistema monetário financeiro.


















Nada disso seria possível sem essas estruturas mentirosas e assassinas que para todos vamos apresentar agora:



UNICEF - Provavelmente a maior mentira e mais letal de todas as estruturas de governo para administração dos problemas do mundo, já que utiliza crianças para logras suas mentiras.
Sua missão em verdade é manter uma taxa de mortalidade infantil elevada nos países pobres e emergentes, assim como manter uma baixa taxa de natalidade nos países ricos. A Unicef foi criada em 1946, após as duas grandes guerras mundiais. O objetivo principal teórico de sua criação era dar assistência as crianças do mundo independente de raça, religião, credo, ou condições sociais.

Levando-se em consideração o tempo de existência dessa instituição e a proliferação de desgraças, barbaridades e assassinatos infantis em todo mundo, seria mais do que necessário acabar com a Unicef e desmascarar a grande extorsão de dinheiro público e de doações, que ela realiza todos os anos através de campanhas famigeradas para arrancar dinheiro das pessoas enquanto injeta dentro dessas "culpa" e "medo" impedindo as pessoas de se realacionarem com o problema de perto e assim descobrirem que o "problema" se trata apenas de um negócio.

Antes de me acharem louco por alegar essas informações, procurem pensar que essa estrutura não tem nada a ganhar sanando os problemas, mas tem muito a ganhar administrando eles.

Por isso a Unicef é a grande responsável pelo amadurecimento precoce e das mentiras que formam a vida dos jovens, principalmente os pobres, de nosso planeta. É graças a Unicef que a fome e desnutrição infantil no mundo é uma ameaça permanente e no que depender deles, jamais será sanada.



ONU - Responsável pela "manutenção da Paz", "direitos humanos", "assuntos humanitários", "direito internacional" entre outras baboseiras criadas pelas elites do mundo, para que as pessoas simples acreditem que essas elites estão "cuidando" dos problemas existentes e jamais tirando proveito deles. De tempos em tempos essas elites criam GUERRAS em distintos pontos do globo terrestre para poderem justificar ações, criações de Leis e métodos alternativos de governança, que podem muitas vezes ter aparência humanitária, mas trabalham em verdade para cumprir uma agenda antiga, que é a agenda esotérica da elite global.


Na ponta da pirâmide da ONU estão grandes pedófilos, assasssinos, satanistas, criminosos de guerra, banqueiros impiedosos, que só pensam em seu lucros, entre outros estafadores que se beneficiam das desgraças do mundo, manipulam governos, controlam a imprensa e doutrinam a opinião pública sempre a favor de seus interesses.



PRÊMIO NOBEL - Essa estrutura tem a missão de galardonar com prêmios, os seres humanos que contribuem com essa agenda das elites e muitas vezes também permitem que a massa humana terrestre encarnada continue sendo enganada através da cultura contemporânea e tecnológica para que jamais despertem para o fato de que foram e estão sendo escravizadas. Mentirosos de grossos calibres, cientistas, médicos, poetas, economistas, inventores, presidentes, pesquisadores e demais seres honoríficos. Todos eles fazem parte da "máfia do nobel" que tem a missão de dar a impressão as massas de que, alguns seres humanos são geniais enquanto o grosso da massa humana é menos que lixo e pode sim passar fome, morrer lutando em guerras que não criaram ou vítimas de doenças e enfermidades de massa, que muitas vezes possuem cura, mas que também as elites criam em seus laboratórios para controle e diminuição da população global. O nome "nobel" vem de Alfred Bernhard Nobel, um sueco que nasceu numa família de engenheiros e ficou trilhardário graças a seus inventos de explosivos controlados que foram usados primeiramente para obras de engenharia e posteriormente para assassinatos de seres humanos em massa e macro-rituais satânicos, que ficaram conhecidos ao longo da história simplesmente como: "Guerras". Dizem que Alfred Passou a vida em depressão ao ver a direção e para que uso seus inventos foram tomados.



MONARQUIAS - Algum dia, alguém decidiu (alguém que controlava as religiões e não podia manejar todo poder que conseguia graças a essa mentira, sozinho) que algumas famílias deveriam ser "reais" e alegou que essas eram escolhidas por Deus e uma vez que as pessoas do mundo aceitaram isso, assim se pôde para sempre justificar que todas as famílias fossem comuns e não bastando serem apenas "comuns", fossem também "súditas". Submetidas a vontade imperial dessas famílias ditas "reais".  Qualquer criança que estude história compreenderá que as riquezas das famílias reais sempre foram obras de saque, roubo, entre outras atitudes que englobam assassinato de inocentes, extorsão, genocídio e etc.

As monarquias se perpetuam no mundo graças a suas linhagens sanguineas que alegam muitos pesquisadores, não são humanas, mas híbridas de humanas com outras raças que habitaram nosso planeta no passado. Nesse passado elas diziam ter sido "elegidas por Deus" para conduzir e governar a humanidade. Hoje sabemos que esse Deus não foi o criador do universo, mas um anjo caído, rebelde, assim como outros seres multidimensionais, com sede de sangue, energias e carne humana. A tradição e o glamour envolto na existência dessas famílias e suas tradições permitiram que elas existissem até aqui enganando a todos. Mas seguramente que se a grande massa de humanos desse planeta quiser viver num sistema justo, feito mais de verdades do que de enganos, terá de exigir o fim desse tipo de palhaçada e estratagema de manipulação e perpetuação de mentiras.



INDÚSTRIA FARMACÊUTICA & ALIMENTÍCIA -  Por mais que de a impressão de que uma existe para "fabricar remédios" e a outra existe para "gerenciar a produção de alimentos", o fato é que tanto a indústria farmacêutica como a indústria alimentícia são uma mesma indústria em seus diferentes tentáculos de manipulação e morte.
O pai da medicina, O grego Hipócrates já dizia: "Faça da Sua Dieta a Sua farmácia". 


Hoje já está provado que todas as enfermidades degenerativas como o câncer (um dos maiores campeões de lucro dessas indústrias) tem diferentes motivos para existir assim como diferentes formas de tratamento e cura, sendo que esses, em quase 100% dos casos está na dieta de alimentos e impressões ingeridas por seus portadores ao longo de suas existências.




Não é interessante para a indústria farmacêutica uma raça humana livre de enfermidades assim como não é interessante para a indústria alimentícia uma raça humana sendo alimentada de forma saudável. Quanto mais obesos mórbidos e enfermos existirem melhor será para elas. em diferentes postagens desse blogs, alegamos e confirmamos que: 





A indústria farmacêutica não tem lucro nenhum curando pessoas enfermas. Muito pelo contrário ela tem mais lucro vendendo as drogas que diz "tratar" essas doenças que a indústria alimentar cria e gerenciando a mentira de que "os cientistas estão pesquisando" e "quase descobrindo a cura", seja da AIDS, do câncer ou de qualquer outra enfermidade.


As Escolas de medicina do mundo, principalmente nos EUA são patrocinadas por esses cartéis de indústrias farmacêuticas e laboratórios, obrigando as estruturas universitárias a formarem profissionais com informações falsas e ou parciais a respeito de saúde, das enfermidades e seus tratamentos, criando assim "médicos" que em verdade não passam de "promoter" de laboratórios e vendedores das drogas e pastilhas fabricada por esses, sempre incentivando o lucro pessoal desses profissionais. 







A mesma realidade também é válida no que tange a indústria pró-carne e a indústria dos derivados de açúcar e alimentos químicos quando relacionada com os ensinamentos dados as instituições universitárias que pretendem ensinar "nutrição".




OTAN - Reparem que ela tem exatamente o mesmo logo que a famigerada ONU, pois se trata do corpo de polícia desta. Também conhecida como "NATO" dependendo do idioma que se esteja falando, a Organização do Tratado do Atlântico Norte nasceu após a segunda guerra mundial com a missão de organizar a europa e "proteger o mundo da "Ameaça soviética". Sua sede está na Bélgica, país conhecido entre os "conspiranóicos" e estudiosos alternativos como uma das principais "Mecas" do Satanismo Mundial das elites, que realizam sacrifício de seres humanos, principalmente crianças, em evento onde se praticam e realizam barbaridades como pedofilía e outras formas de antigos rituais praticados por essas elites de monarcas, banqueiros e etc.

É a OTAN a grande responsável por marionetar políticos europeus, mesmo contra a opinião pública, para a manutenção de guerras, para o saqueo de petróleo dos países arábes e para defesa de interesses dos governos ocultos por detrás desses políticos.

A OTAN foi criada em verdade para ser a "polícia" do mundo. Não há uma guerra nos últimos 100 anos ou desde que foi oficialmente criada, onde ela não tenha se intrometido e manipulado ambos os lados em suas disputas. É a OTAN quem arma e treina rebeldes para derrubar um governo que não se alinhe aos interesses dos amos capitalistas do mundo. Todos Os exércitos do mundo são subordinados da OTAN e nenhum país é soberano diantes dela. Claro que para o grande público essas informações são travestidas de "proteção militar" contra o "terrorismo", mas a grande verdade é que os melhores e mais especializados terroristas do mundo são as próprias forças armadas da OTAN, tanto que quando não há um real perigo de ameaça inimiga, eles são capazes de criar um e através das mídias manipular as histórias conforme os interesses da Elite Mundial.



MÉDICOS SEM FRONTEIRAS - Ainda que a ação médica humanitária seja necessária nos locais do mundo que sofrem com a guerra e a violência, não podemos negar o fato de que muitas das instituições que nasceram com essa prioridade, foram ao longo do tempo infiltradas e hoje se conformam em fazer o teatro dirigido pelas elites, realizando trabalhos de "ajuda médica humanitária" que podem ser considerados inúteis do ponto de vista das soluções necessárias para a correta administração do planeta terra, já que tem como prioridade a "midiatização" e "espetaculização" da guerra e do "socorro" de suas vítimas.

Esse é o caso do grupo conhecido como: "Médicos sem Fronteiras".

Hoje em dia a principal atividade dos "Médicos sem fronteiras" é espalhar publicidades pelos países onde tem suas sedes, com imagens gritantes de vítimas da fome, da pobreza e da guerra no mundo, chocando os cidadãos, injetando medo, culpa e sentimentos de falsa fraternidade, pedindo doação de dinheiro e subliminarmente, convencer as pessoas que elas apenas precisam doar dinheiro pois o "problema" já está sendo resolvido pela Unicef, pela ONU e pelos "Médicos sem Fronteiras". Graças a intrigas políticas e egocentrismo de seus criadores foi criada também a instituição "médicos do Mundo". Essa Nasceu justamente como forma de protestar e não concordar com o método de publicidade usados pelos primeiros.


Essas instituições na europa fazem vendas de produtos açucarados em farmácia que revertem fundos para as vítimas de guerras e doenças. 





Na espanha uma dessas campanhas chama-se "Pastilhas para el Dolor Ajeno" e usa descaradamente Idolos do cinema, da TV e da cultura pop para convencer as pessoas a comprarem um "caramelo" e assim possibilitar que pessoas sem condições financeiras de comprar "remédios" possam ser assistidas e passar "menos dor". 


Um Absurdo, com o qual muitos desinformados (3 milhões somente na Espanha) contribuem doando dinheiro acreditando que isso é necessário e basta para se construir um mundo melhor, como "menos dor".





RELIGIÕES - Não importa qual delas, hoje são muitas. Pelo menos no ocidente em geral, com raras excessões no oriente, Todas tem praticamente a mesma finalidade: Doutrinar a massa humana ignorante e carente de conhecimento e mais que tudo, "consolo" em troca de práticas e obediências que geram doações financeiras que, por menor que sejam, se revertem na riqueza descomunal de pastores, padres, bispos, gurus e outros estafadores. Qualquer pessoa que já visitou o vaticano, ali viu mais ouro e pedras preciosas no cedro e mitra do papa e em suas roupas, do que a prática das máximas cristãs de humildade, fraternidade e igualdade pregadas pelo jovens Jesus, caso esse tenha mesmo existido o que históricamente e fora do coração de quem se diz "cristão", não é comprovado.

As outras principais e maiores religiões do mundo como o judaísmo e o islamismo, apesar de estarem mais próximas de uma certa "tradição", também comprovaram ao longo da linha do tempo fazerem uso da guerra e da extorsão,  usurpação da verdade da história, assim como da doutrinação de seus fiéis praticantes para atingir seus interesses. 

Os neo-evangélicos e todas as religiões que fazem parte dessa nova forma catárzica de pregação e doutrinação que surgiram nos últimos anos, dispensam comentários pois são escandalosamente financeiras, abrindo mão quase que totalmente de uma tradição e coerência em nome da pontualidade nas doações de dizímos. A grande maioria dessas são instituições gerenciadas por estruturas satanistas como alguns setores da maçonaria. 





"Bola de Neve" (que ridículo uma igreja ter esse nome e encontrar fiéis que a pratiquem), "Renovação Carismática", "El Shadai", "Assembléia de Deus", "Adventistas" entre centenas de outras que surgem a cada dia e se denominam "crentes evangélicos" ( e repetem incessantemente as palavras: "graças a deus irmão jesus amén" e etc) e usam a "Teologia da Prosperidade" Material como seu DOGMA são as religiões que "arrebanham fiéis hoje em dia promentendo o paraíso na terra e a libertação de satanás, a câmbio de uma mordiscada gorda na renda financeira de seus fiéis. Muitas são donas de grandes impérios de mídia e informação e também extendem seus tentáculos na política elegendo deputados, senadores e etc.



A Mais poderosa delas e que mais cresce no Brasil e no mundo é conhecida como: 


"Igreja Universal do Reino de Deus". Seu chefe é o empresário brasileiro mundialmente conhecido como Bispo Edir Macedo, seu símbolo é uma pomba branca que tem diversas formas de interpetação que vão muito além do "símbolo da Paz". No Brasil, Essa igreja de pouco tempo para cá, resolveu enviar o nome e CPF dos fiéis que não pagam o dízimo em dia, para os sistemas de proteção ao crédito (SPC e CERASA) Para que esses tenham seus nomes sujos na praça e não possam realizar compras a prazo ou fazer novas dívidas antes de saldar os dízimos.


O fato é que em todos os tempos do mundo, a religião foi a grande responsável pela divisão da raça humana, responsável por grandes guerras e matanças desenfreadas. Responsável pela diseminação de MENTIRAS que se tornam parte da história oficial que será formada e ensinada no futuro. Hoje a tendência das elites é usar essas religiões para manipular as pessoas de maneira que essas se conformem com a evolução e prosperidade no capitalismo sem jamais questionar as contradições e mentiras deste, ou ainda sua infalibilidade, chegando ao ponto absurdo de crer que esse é um "caminho para Deus".



BANCOS - Fiz questão de deixar eles por último por que hoje em dia são eles os grandes responsáveis pelas crises políticas e financeiras mundiais, assim como o grande engano que habita a mente de seres comuns a respeito do que é a "riqueza". 
Os bancos nasceram da necessidade que as pessoas tinham de guardar suas riquezas e valores, que quase sempre era ouro, prata ou pedras preciosas, em local seguro. 





Alguns banqueiros, que eram e são os donos desses cofres onde as pessoas guardavam suas preciosidades e valores, perceberam que as pessoas quase nunca iam averiguar, sequer buscar as riquezas então ali depositadas, muitas vezes durante toda a vida e de geração para a geração.


Assim sendo, tiveram a brilhante idéia de criar um "Vale", um pedaço de papel, uma "cédula" da instituição bancária que alegava e confirmava que o nome e pessoa portadora dessa cédula, possuia a riqueza ali enumerada e nomeada. Essa ao longo do tempo foi sendo aperfeiçoada.

Essa cédula ficou vulgarmente conhecida como "cheque" e "dinheiro". 


Até 1913, essas cédulas tinham seu valor medido no lastro ouro, que era a quantidade de ouro e outros metais preciosos que a casa bancária possuía e podia ser trocada a qualquer momento. Desde de 1913 com a criação da reserva federal (FED) as "cédulas" não valem sequer ouro ou qualquer outra coisa e começaram a ser impressas a granel, de maneira descontrolada criando riquezas que não existem e que para valer alguma coisa criavam e criam automaticamente dívidas. Vale lembrar que a dita "reserva federal" (FED) não é um instituição governamental, nem federal, nem pública. A única instituição que tem o direito de imprimir cédulas de dinheiro é um instituição privada, que está acima dos poderes dos chefes de estado e não pode ser submetida nem fiscalizada por nenhuma outra instituição seja do governo federal ou privada.


Foi graças aos bancos e aos sistema financeiro, que o processo de escravização da raça humana se aprimorou.






Essas instituições existem para nos roubar e fazem isso de maneira bastantes engenhosa e simples. Realizando empréstimos que são apenas informações numéricas digitalizadas em contas bancárias e não riquezas. Através dessas informações digitalizadas em contas bancárias as pessoas tem acesso a cédulas de dinheiro impressas por eles próprios e sistemas de créditos controlados e concedidos somente por eles, através dos quais as pessoas podem realizar compras e participar do sistema de consumo e sobrevivência. Uma vez que as pessoas não podem saldar suas dívidas com essas instituições, dívidas essas que foram criadas sem que os bancos movessem suas riquezas, mas apenas digitassem alguns números nas respectivas contas bancárias de seus clientes, o banco se vê no direito de tomar para si as propriedades de seus clientes, essas sim verdadeiros bens de riqueza que não são apenas números digitados numa tela de computador.


São essas instituições políticas, religiosas, financeiras e não governamentais, apenas algumas do total que formam o centro nevrálgico de manipulação, escravização e controle da raça humana e do planeta terra. É delas que temos que nos livrar e acima de tudo perder o medo de transformá-las e o melhor é que podemos fazer isso desde dentro de nossas casas, não participando das "oportunidades" por elas propagadas. 


Para isso temos de nos desapegar das crenças mentirosas por elas geradas e propagandeadas e simplesmente entrar em contato com novas e verdadeiras informações sobre a existência, sobre a raça humana e sobre a espiritualidade. Necessitamos simplesmente confiar em nós mesmo e ensurdercer para as mentiras e manipulações gritadas aos 4 ventos em telenoticiários e meios de comunicação.


Espero ter conseguido ajudar e orientar aqueles que percebem esse processo mas se sentem perdidos para agir e tomar decisões. 


que Deus Abençoe a todos e permita a Liberdade e a Verdade Para toda raça humana:


Namastê


Ruy Mendes - dezembro 2011

sábado, 3 de dezembro de 2011

Extraterrestres na Antiguidade - Capítulo I - A Evidência




A Partir de Hoje Nosso Blog vai apresentar ao nossos leitores e amigos a série de documentários: 


"Extraterrestres na antiguidade" 








Feita pelo canal de TV History Channel (que se trata de uma empresa de comunicação controlada pelos Illuminati e tem a missão de através de sua programação de documentários controlar o processo de informação e principalmente de desinformação para a raça humana de nosso planeta). 












As evoluções pela qual passará o planeta terra a partir de 2012 até os próximos 250 anos e que criará uma era dourada para o planeta e para a humanidade não é tecnológica apenas, mas vibratória e energética, afetando diretamente o sistema endócrino dos corpos humanos, fazendo com que o sistema cardio-chakral das pessoas ganhe uma nova forma de funcionamento, sensibilidade e percepção. 



Em termos simples e práticos, em pouco tempo a raça humana começará a compreender o quanto é absurdo servir o atual sistema que os controla e escraviza e terá o conhecimento e a coragem necessária para através do uso da inteligência em suas atitudes na vida diária, PARAR esse sistema e criar um novo muito melhor. 


Estamos falando do sistema financeiro monetário que ao longo da linha do tempo foi incorporado em nossos planos psíquicos como um sistema "evoluído" de "gerenciamento e divisão de riquezas" (do qual "não podemos estar livres" menos ainda viver sem), mas que em verdade é apenas uma alta tecnologia de escravização, desenvolvidas por inteligência não humanas e não terrrestres. 








Esse trabalho começou na Suméria, tida pelos historiadores como a primeira grande civilização de nosso planeta, de onde herdamos a maioria dos primeiros conhecimentos. Isso não é totalmente verdade já que tivemos as civilizações temporais de Atlântida e Lemúria, onde sabemos que a humanidade ja vivia com alto domínio de si mesmo e entrou em queda dimensional o que resulto na perda desses domínios além do que, não tinham sua percepção de existência dividida em dois polos opostos negativos e positivos. 

Aos poucos a grande massa compreenderá as mentiras das atuais comunidades científicas e acadêmicas que foram criadas e usadas para colaborar nesse grande macro assalto dos verdadeiros recursos e das verdadeiras riquezas de nosso planeta, (que definitivamente não são cédulas de papel impressas pelos bancos centrais) através de sua forma de ensino aprimorada na ciência materialista e na negação da realidade espiritual etérea. 







A Elite mundial sabe perfeitamente disso. 


Eles sabem que em pouco tempo as pessoas estarão vibrando em uma dimensão que fará com que elas tenham uma percepção e um conhecimento maior de si mesmo e será cada vez mais inviável a manutenção de grandes mentiras coletivas como a indústria farmacêutica, o sistema monetário financeiro, a supressão de novas tecnologias não poluentes e não derivadas do petróleo entre outros controladores da humanidade. Então, desde o antigo Egito que essas Elites (que até hoje são as mesmas famílias e linhagens sanguíneas) criam a "ciência oficial", meios de divulgação de informações como o "History Channel", além de se infiltrarem em governos, movimentos sociais, canais de comunicação e divulgação de informação, e também a criação de desinformação para poderem contiunar escondendo e quando não for possível esconder, manipular a grande Verdade sobre a verdadeira história do planeta terra e da criação da raça humana. 





O famoso escritor e psicanalísta, criados da teoria do orgônio, Wilhelm Reich escreveu coisas interessantes sobre esse tema em seu livro "Contacto com o Espaço": (Dizem que Reich foi morto pela CIA por divulgar antes da hora o grande conhecimento de todos os tempos que sempre esteve controlado por sociedades secretas e pelos governos do mundo de uma maneira geral.)

Eu sou um alienígena?. Eu pertenço a uma nova raça na Terra, criados por homens do espaço exterior em abraços com as mulheres da Terra? Meus filhos são a descendênciada da raça interplanetária prima?  
É o caldeirão da sociedade interplanetária já foi criado no nosso planeta, como o
melting pot de todas as nações da Terra foi criado nos EUA há 190 anos?.
"Ou esta idéia está relacionada com as coisas que virão no futuro?
. Peço meu direito e o privilégio de ter tais pensamentos e tais perguntas, sem ser ameaçado de ser preso por qualquer órgão administrativo da sociedade.
Dada uma hierarquia de censura rígida científica, doutrinária, auto-selecionado e prontopara matar Parece bobagem divulgar tais idéias. Suficiente ninguém maligno poderia fazer
nada com eles.
No entanto, o direito de estar errado tem de ser mantido. Não devemos ter medo
entra em uma floresta, porque há feras lá fora, nas árvores. Não devemos
desistir de nosso direito ao bem controlados por especulação. Éssas são algumas perguntas
envolvidas em tais especulações de que os administradores do conhecimento estabelecido, mantém através de medo. Mas ao entrar na idade cósmica que certamente deve insistir no direito de novas perguntas, até mesmo perguntas tolas sem ser perturbado. "










Não há como saber se o assassinato de Reich pela CIA é ou não verdade, mas faz um grande sentido.

O Grande fato é que nossas células já estão vibrando e logo estarão berrando este conhecimento e esta verdade, de maneira que tornará impossível as mentiras coletivas controladoras de massas assim como a sustentação das estruturas de conhecimento que hoje são as responsáveis pela formação dos seres humanos e de suas existências mais para "o mercado" e para a existência num conceito de "consumo" que para o conhecimento e desenvolvimento de si mesmo. 

Através da série "Extraterrestres na Antiguidade" as pessoas poderão conhecer a pesquisa e as evidências de diversos estudiosos que sempre foram banidos, marginalizados, quando não ridicularizados pela sociedade científica, mas hoje estão sendo respeitados pelas suas obras e trabalhos que chegam a evidenciar e comprovar conclusões bastante distintas do que nos ensinaram os "meios oficiais", o creacionismo e as religiões, sobre a origem da raça humana e a história do nosso planeta. 

O  capítulo I do documentário está dividido em 9 partes que estou postando aqui, em língua inglesa, com legendas automáticas em castelhano, mas possui tradução para quase todos os idiomas,  basta acessar debaixo da tela a tecla "cc", (do lado esquerdo do maximizador de tela) depois "trancrever áudio" e depois "traduzir subtítulos" e você pode escolher o idioma de sua preferência. 

Em breve postaremos nesse blog os outros capítulos deste maravilhoso documentário. Fiquem Ligados.

Espero que desfrutem o documentário, tenham uma boa sessão de filmes e mais que tudo entrem em contato com novos e verdadeiros conhecimentos. Muito melhores e mais completos do que o lixo que nos ensinaram as escolas e universidades.

Que Deus abençoe a Todos.

Namastê

Ruy Mendes - dezembro 2011



Ocorreu um erro neste gadget

Visualizações de páginas da semana passada